Nos Curta no Facebook

Fecha em 120 Segundos...!!!Fechar Agora X

 
1º Lugar nas Buscas Orgânicas - Confira Clientes Satisfeitos

O Pretensioso, foi registrado na Biblioteca Nacional em 2000. Escrito entre 1999 e 2000

Cópias do Original com Carimbo da Biblioteca Nacional

O autor, Bira Jardim, (pseudônimo Machiavelli Brasilis) é livre pensador declarando-se totalmente livre de linhas de pensamento acadêmicas e políticas.

Índice


Os artigos e contos abaixo estão "linkados", ou seja, é só clicar sobre qual deseja ler. Recomendo lê-los na seqüência em que estão, usando apenas a barra de rolagem, pois muitos estão interligados, um "puxando" o outro, ficando isoladamente ininteligíveis. 


Primeira parte: Posicionando as “câmeras” para que possa ver o mundo com os mesmos olhos que vi.  

1       UMA INTRODUÇÃO PARA SER LIDA

2       "AO ACORDAR APÓS 20 ANOS EM COMA"

3       "SEXO!?"

4       "A INTERNET"

5       "JOELMIR BETTING"

6       "SOCIEDADE MATRIARCAL"

7       "AMOR OU CARÊNCIA AFETIVA!?"

8       "RACIOCÍNIO DEDUTIVO"

9       "INTERROGAÇÃO ENORME"

10      "CAIXINHA DE P.S. DOMÉSTICA"

11      "CVV"

12      "ENTREVISTA IMPORTANTE"

13      "PEIXE!?"


Segunda Parte: “Seus olhos” já podem “ver o que vi”, nossas mentes aos poucos sincronizam-se.  

14      "ESGRIMISTAS"

15      "REVOLUÇÃO AMERICANA"

16      "O QUARTO PODER"

17      "O SONHO E A UTOPIA"

18      "HÁ SOLDADOS ARMADOS, AMADOS, OU NÃO..."

19      "BAADER MEINHOF"

20      "PARTICIPE"

21      SÃO PAULO NO PRIMEIRO MUNDO

22      CABEÇA DE TURCO

23      A GERAÇÃO DE AQUÁRIO CHEGOU AO PODER

24      A CIA O NARCOTRÁFICO E A BOMBA ATÔMICA!!!

25      MUNIÇÃO COM CHIP DE IDENTIFICAÇÃO

26      ONDAS BÁRBARAS

27      Ó PÁTRIA ARMADA, AMADA. SALVE! SALVE! BRASIL!!!

28      DESENVOLVIMENTO SOCIAL

29      INGLATERRA

30      MAQUIAVEL, FLORENÇA, ALI POR 1500

31      INOCENTES ÚTEIS

32      HOJE O PERU DO FUJIMORI

33      GEOPOLÍTICA HOJE

34      A DEMOCRACIA E O REGIME DA ERITRÉIA

35      A DEMOCRACIA E A GEOPOLÍTICA

36      MANAUS NÃO FICA NO BRASIL

37      OS 500 ANOS E OS CRETINOS

38      O EMBRIÃO DA GLOBO, O ESTADÃO E A DITADURA

39      CUSPINDO NA CANEQUINHA DE MOEDAS

40      A REVOLUÇÃO DE 64, O TABU

41      DIA 31 DE MARÇO DE 1964, EU VI, EU ESTAVA LÁ!

42      O PODER

43      GEOPOLÍTICA - GUERRA FRIA

44      VISÃO SIMPLISTA

45      MINORIAS BARULHENTAS E TABUS

46      JEREMIAS PIRES

47      É DE FAMÍLIA


Terceira Parte: Um “vídeo clip” de sugestões & metafísica & críticas & ensaios literários & exemplos a serem seguidos e ou evitados.  

48      O HERÓI NO PORTA MALAS

49      O HERÓI VENCIDO

50      A OUTRA FACE DO ÓDIO

51      TE PEÇO EM PAIXÃO

52      O TRABALHO

53      MATEMÁTICA

54      A FLAUTA E A NAJA

55      A PRIMEIRA CARTA

56      A IMPRENSA NA TERRA

57      DEMOCRATIZAR AS RELIGIÕES

58      A MORTE EXISTE

59      UTOPIA

60      TOLERÂNCIA

61      LIXO TECNOLÓGICO

62      COMPORTAMENTO E VESTUÁRIO

63      MEDICINA

64      MEDICINA TOTAL

65      TOQUE DE PRÓSTATA

66      TPM

67      A MORTE COMEÇA AOS 17 ANOS

68      O CORAÇÃO

69      MUSCULAÇÃO

70      ENXAQUECA

71      SÍNDROME DO PT

72      LULA E ZÉ DIRCEU

73      GLOBALIZAÇÃO

74      A AUSÊNCIA DA BUSCA

75      FILMES

76      www.ignorancia.com.br

77      MINISTÉRIO DA COMUNICAÇÃO SOCIAL

78      LUÍZ NASSIF

79      CAGANDO E ANDANDO... (COBAIAS DE DEUS - CAZUZA)

80      MORTE DIGNA

81      HOMENS & MULHERES

82      BILHETINHOS E CARTAS

83      RESUMINDO

84      EM MUITAS SITUAÇÕES A MENSTRUAÇÃO CESSA

85      O DIREITO E A CONFIANÇA

86      SOFTWARE GENÉTICO PRÉ-INSTALADO

87      RESUMO DE NOSSOS TEMPOS

88      UMA LEGIÃO DE COITADOS

89      O DESTINO DE TEUS FILHOS

90      PONTO DE EBULIÇÃO

91      MÃES COVERDES E A CRIMINALIDADE?!

92      COMER E MORAR É CRIME!?

93      UM PEQUENO EXERCÍCIO DE FÍSICA

94      FALTA DE ATITUDE

95      N.A.

96      GRITOS DE SILÊNCIO

97      O SILÊNCIO DOS INOCENTES

98      E A POBRESA ERA TANTA

99      A HORA DE PARAR

100      A VERDADEIRA PRISÃO

101      DOLOSO X CULPOSO

102      SALVO PELO GONGO

103      SALVO POR UMA ARMA

104      A LEI, ORA A LEI!

105      CHAME...CHAME...CHAME O LADRÃO!?

106      JUNTO COM TUDO ISTO

107      O CÍRCULO MORTAL

108      UM CORPO QUE CAI

109      COLORIDOS E FRATICIDAS

110      ALUGUE UM PM

111      PENITENCIÁRIAS VIRTUAIS

112      TRAIÇÃO E PERDÃO

113      AI! UI! AI! UI!

114      A NECESSIDADE FAZ O HOMEM

115      SEXO PARA VIVER

116      PROCURA TIPOS MARAVILHOSOS

117      AMINOÁCIDOS

118      UM MENDIGO E SEUS TRAPOS

119      NÃO DEU OUTRA

120      20 HORAS NA ESCOLA DA NOITE

121      PERSPECTIVAS E VALORES

122      HISTORINHAS DE UM QUARTEL

123      MENINOS E MOLEQUES

124      PÉ DE DINHEIRO

125      MINHA ALMA FOI DAR UMA VOLTA, VAGOU...

126      A INDÚSTRIA FARMACÊUTICA

127      O COMPUTADOR

128      A GANÂNCIA E O SOFTWARE

129      A PATENTE, O DIREITO E A MORAL

130      LOBÃO! LOBÃO!

131      MENTE AFIADA

132      ENSINO ULTRAPASSADO

133      MUTIRÃO DE ATUALIZAÇÃO

134      A ALEMANHA

135      SOU CABOCLO

136      CLIPPING

137      CENSURA

138      LIMEIRA SP - UM ENSAIO SOCIOLÓGICO

139      RUA DAS PALMEIRAS

140      PRIVATIZAR O ENSINO

141      VELHO BABÃO

142      MAIS SAÚDE PARA OS CASADOS

143      MAIS QUE UMA FRASE

144      DETALHES & AUTO-ESTIMA

145      BELEZA

146      RACISMO

147      CAMILLE PAGLIA

148     SEM PENSAR

149     MUDAR DE PROFISSÃO

150     SÍNDROME DO PÂNICO

151     CHOVIA

152     UMA JOVEM MULHER

153     EM UM MÊS DE NOVEMBRO

154     METAFÍSICA

155     CAFEÍNA

156     A TERCEIRA ONDA

157     O ALQUIMISTA E A MAGIA DA VARINHA

158     O O MEU NORTE E O SEU

159     PLÍNIO MARCOS

160     MEDIAÇÕES E TECNOLOGIA

161     DINHEIRO & LIVRO CAIXA

162     REDAÇÃO

 

 


A maior parte destes textos foram escritos antes de 1999. Após terminar esta leitura, busque sempre atualizações no site.

Os textos aqui atualizados, complementados e ou modificados por interatividade, constará antes da data, a identificação "IT". Ex: IT 25/10/2000 


1- UMA INTRODUÇÃO PARA SER LIDA

O Pretensioso contém:

1-      Sociologia aplicada – escrito com base em observações e vivências do autor, bem nascido, e que após separação quase enlouquece: Sua filha de 2 meses sofre agressões da mãe, luta na justiça, perde. Diante dos prolongados fatos que agrediam seu espírito, enfraquece e se entrega. Vive em subúrbios por 20 anos.

a-     “Tendo vivido como e onde vivi, possuidor de amplo raciocínio dedutivo, deduzi coisas por ninguém deduzidas”.

b-     Lembra-se desta história lá do Primeiro Grau: “Se navegar muito longe, cairá no abismo do fim do mundo!”- era com respeito a Terra ser chata. Tabus como este estão presentes no nosso cotidiano sem que percebamos. Riremos ou choraremos um dia, em conseqüência do que acreditamos hoje.

c-     A verdadeira história é contada nas entrelinhas, pois não tenho como contratar bons advogados em caso de precisar escrever com clareza. Você é o detetive – você ajudará a descobrir as causas que levaram um cidadão comum de classe média a morar em favelas. Uma história (real ou ficção? Você é o detetive!) intercalada com "causos"como se fosse uma “hora do recreio” – o livro se torna mais leve em alguns instantes e volta aos temas sérios, e ao mesmo tempo aguçará sua percepção social. Juntos, descobriremos o agente causador e a conseqüência de cada ato do “personagem”. Por que aconteceu? Será você a próxima vítima? Onde está, mesmo, aquele seu amigo de infância, o qual perdeu contato?

2-      O conhecimento no 3º milênio – em 1990, o conhecimento humano dobrava à cada 4 anos.

a-     Nossas faculdades formam profissionais com técnicas superadas em média em 5 anos. Hoje, tecnologias e técnicas de 5 anos atrás são obsoletas.

b-     Como acompanhar o conhecimento?

3-      A violência no 3º milênio – Divulgava-se que a violência crescia devido à pobreza, mas como explicar que ela cresce no Canadá, nos EUA, na Inglaterra? São países em que ocorrem grandes avanços sócio-econômicos. Os 200 suicídios/ano no metrô de Tóquio são apenas por motivos culturais!? Pesquisas britânicas concluem que a causa da violência está na riqueza que gera ócio na população.

a-     Conclui-se que a violência cresce na riqueza e na pobreza e em todas as partes do mundo.

b-     Quais são as causas reais da violência?

c-      A indústria da segurança (vigilantes, seguranças particulares, blindagens, alarmes) é a mais lucrativa e a que mais cresce no país.

d-     Parte da sociedade e dos políticos lucram e têm interesse no aumento da violência.

4-      Política – as dificuldades e o jogo do poder; e a administração de pressões.

a-     Grécia antiga – Ifigênia e seu pai, um rei que teve que aceitar quando os sacerdotes ofereceram sua adorada filha aos deuses.

b-     Maquiavel.

c-      Dia 31 de março de 1964, eu vi, eu estava lá.

5-      Geopolítica para o 3º milênio – um número cada vez maior de pessoas divulgam a ideia de um mapa mundi onde o Brasil aparece com o território diminuído em quase 50%. Manaus é a capital de uma reserva biológica internacional. Esta idéia cresce, e é divulgada em muitas partes do mundo.

a-     As guerrilhas de esquerda de todo o mundo se unem ao narcotráfico internacional. Hoje, os Talibans afegãos agem sincronizados com a guerrilha colombiana sob a inspiração de Bin Ladem.

b-      A esquerda e a direita, burras, e a Terceira Via.

6-      Marketing – os princípios do Marketing como ciência. Como Maslow criou e comprovou esta nova ciência. Todos nós, em algum momento, precisamos vender nosso próprio peixe.

a-     Aplicável a pequenos e grandes negócios.

b-     A profissionais liberais.

c-      Na elaboração de currículos.

7-      História – pontos da história que não devemos esquecer e sua repetição ao longo dos tempos.

8-      O presente - sob outros olhos, mágicos, como a bem posicionada câmera de um grande diretor de cinema.

a-     São apenas observações de meu tempo, como Niccolo Machiavelli o fez a seu tempo. Estarei dentro deste livro, “pisando em ovos”, esperando expor minhas idéias sem que o feche ao batermos de frente.

b-     Serei odiado por muitos e amado por poucos em conseqüência de minhas posições. Espero não ser entendido somente 20 anos depois, como Stanley Kubrick, em 2001 e Laranja Mecânica. ( quando escrevi este livro era 1999 - quando lutei para tirar minha filha das mãos de uma mãe enlouquecida era 1980 - Hoje, 2009, sou compreendido: A lei de alienação parental foi aprovada. Caiu a falsa ideia de que filhos eram da mãe. Falsas memórias implantadas em crianças serão punidas. ) tenho o registro da Biblioteca Nacional para provar que vivi 30 anos adiante de meu tempo.

9-      Medicina – os erros médicos mais comuns e suas causas.

a-     A defesa dos 8 anos de faculdade e reciclagens anuais.

b-     Alguns casos de erros médicos.

c-      A necessidade de se pegar o histórico médico por escrito, guardar cópias das receitas e freqüentar mais de um médico.

10-  O raciocínio dedutivo - a essência da ciência.

a-     Colocar tudo em dúvida.

b-     Experimentar uma nova maneira de fazer as velhas coisas.

c-      Aprendendo a raciocinar por exclusão e semelhança.

                                                                                  VOLTAR PARA O ÍNDICE

 Recomendamos continuar sempre pela seqüência. Utilize a barra de rolagem e vá para o próximo, abaixo. 


 

     No artigo abaixo, coloco-lhe bem, de qual posição "privilegiada" vi o mundo:

2-  “AO ACORDAR APÓS 20 ANOS EM COMA” - Sinto-me um menino, quase eufórico e cheio de planos. Seguro, sei que minha realização profissional virá. Estou me bastando, confiante de que, aos 44 anos, tenho charme, beleza, inteligência e sexualidade. O bastante para recomeçar minha vida e ser feliz ao lado de uma especial mulher que irei ainda conhecer.

         Nem sempre foi assim. Há muitos anos, eu estava desequilibrado emocionalmente. Um erro me levava a outro, como quem perde o equilíbrio e apóia-se em uma cadeira: a cadeira cai junto. Envergonhado, tento me levantar com pressa, desequilibro-me e caio novamente. Minha vida tem sido uma seqüência de erros!

         Julguei estar preparado para enfrentar o mundo sem uma faculdade - para que perder seis anos de minha vida se um tio havia acabado de ganhar o equivalente a U$ 200 mil de comissões imobiliárias!?

         As coisas iam bem, até o casamento com alguém de nível sócio-econômico cultural muito diferente. Veio a separação. Eu não estava preparado para ver uma filha ser criada  extremamente diferente de meus conceitos de criação e educação.

         Passei a dedicar meu tempo integral ao que necessário fosse para obter a posse de minha filha. Preparei-me, obtive provas e documentos consistentes. No momento decisivo, meu advogado não compareceu. Enviou um substituto - era amigo da advogada adversária... Fiquei esperando para apresentar minha documentação e testemunhas - o mais grave foi uma agressão sofrida pela minha filha, então com três meses de idade. Houve um acordo: assinei-o sem perceber. Eu, pouco mais que um garoto,  fui entender o que se passou apenas no dia seguinte. Procurei um jurista, Dr. Artur Dibeux, doutorado em direito. Gratuitamente  elaboraria a causa e a encaminharia através de um advogado. Dr. Artur levou-me para jantar, jantar ao qual ele pagou. Ao final puxou um bloco de notas e perguntou- me: “Qual é o nome de sua esposa?”. Eu não soube responder! Dr. Dibeux disse-me que aquilo era como um “calo” em minha cabeça, feito para me proteger pois, no estado em que me encontrava, nenhum juiz daria-me a posse de minha filha. Eu deveria "dar um tempo” e voltar a procurá-lo. Vinte anos se passaram!

         Esta foi minha primeira e última grande luta, acovardei-me, perdi noções de tempo e valores! Hoje, escrevendo estas linhas, sinto-me em pé novamente e disposto à luta. Sinto-me eufórico com minhas novas forças!

         Tenho consciência de estar ainda fragilizado, com problemas de auto-estima, mas consciente novamente. Estou meio a procurar objetivos e abrem-se horizontes, sinto-me meio adolescente: muitos planos e alguma inconstância, ora um rumo, ora outro.

         Parece-me que será gostosa esta segunda adolescência! Desta vez com o preconceito de ser um “coroa”, mas vou tirar o maior proveito possível de minha experiência de vida - usarei os 44 anos a meu favor. Vai ser um “barato” me permitir os riscos que já não me permitia, correr sem medo o risco de cair no ridículo. Misturar maturidade aos riscos de viver gostosamente um recomeço!

         Como já disse, tudo isso começou de uma carta que “estou a escrever, reescrever” e não consigo parar! Segue um trecho original:

         Filhos!  Eu afastei-me por anos, não era para ter acontecido assim. Queria somente melhorar "as finanças", deveria ser um, talvez dois anos. Quero me reaproximar de vocês, mas não sei como. Tento alugar uma casa aí, já há uns quatro anos, sei que vocês sabem disso, mas estou sem “nome”.

         Depois daquele lugar terrível que vocês me viram morando em São Paulo, tive que ir para lugares piores! Em favela ninguém pergunta seu CPF!

         Me dói muito vê-los necessitar de coisas. Coisas que mesmo que não peçam sei que necessitam.

         Me dói muito, quando, no portão, a mãe de vocês me pede dinheiro, dinheiro que não tenho, como se não quisesse dar: “Você não come!? Não mora!? Então tem que dar dinheiro!”. É pura maldade, ela sabe que  tenho “Síndrome do Pânico” e não reajo bem sob pressão.

          Quero dar muitas coisas a vocês. Coisas que o dinheiro dá e coisas que não dependem somente de dinheiro, como educação e cultura. Leio diariamente desde criança. Saber é muito importante! O que não se sabe se ignora, e quem ignora muitas coisas é ignorante! Ser ignorante é muito feio!

          O outro lado é saber demais. Isso pode levar uma pessoa a ser descrente a Deus, e quem é descrente a Deus geralmente é muito só. Filhos! Nos momentos difíceis, é bom saber que temos um ser poderoso a nosso lado. Sei demais e quase sempre me sinto só...

         Saber é importante na hora de decidir as coisas, mas é só a metade, a outra metade é manter a calma sempre. Não adianta saber o que é certo, perder a calma e fazer tudo errado. O medo ou a raiva nos leva a fazer coisas erradas.

          Por medo ou raiva fora de controle, fiz muitas coisas erradas. Depois, vem o arrependimento. Minutos, horas ou dias depois, sabemos que o que fizemos foi errado. E para consertar!?  E se alguém morreu!? Você pede desculpas sinceras, vem o arrependimento. Minutos, horas ou dias depois, sabemos que o que fizemos foi errado. E para consertar!?  E se alguém morreu!? Você pede desculpas sinceras, do fundo do coração... Mas se você fizer de novo, de novo e de novo!? Quantas vezes acha que será perdoado!?

          Desculpas sinceras não bastam! É preciso não errar! Quero transmitir-lhes os meus erros - repetirão estes erros se quiserem; no mínimo os cometerão conscientes!

         Talvez, junto com o emocional, eu tenha um problema físico: produza adrenalina demais, que pode causar reações exageradas de medo e ou ódio.

         Segundo Emílio Mira Y. Lopes, que foi professor de medicina no Rio e Madrid, o medo tem origem já no desenvolvimento dos mais simples seres, como uma bactéria, sendo um mecanismo de defesa que foi se evoluindo de acordo com a evolução e complexidade dos seres.

        Continuarei posicionando a câmera, para que na próxima fase possa “ver” com meus olhos..."  

                                                                           VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar sempre pela seqüência. Utilize a barra de rolagem e vá para o próximo, abaixo. 


 

3- SEXO!? - É bom,  necessário,  instintivo! Vem de dentro, libera endorfínas, mas temos de ter controle sobre ele. Por necessidades sexuais começamos a “ficar” com alguém, e por coisas da natureza nos apaixonamos (não duvide nunca das forças ocultas dentro de nós). Certifiquemo-nos antes de começarmos a "ficar" com alguém se existe compatibilidade para uma futura vida a dois. Procuremos freqüentar meios onde pessoas são parecidas conosco. Vivamos, se possível, sempre no mesmo lugar, cresçamos junto com amigos e familiares; nossa chance de encontrar alguém compatível aumenta muito.

         Quando sem percebermos, estivermos nutrindo por alguém sentimentos opostos como amor e ódio, não acreditemos em quem diga que isto não existe, que então não é amor de verdade!  

         Apenas incompatibilidades, filhos! A paixão é forte, a cama é boa, mas as idéias não batem. “Saia fora”, pois, por amor, uma das partes se reprime. Um dia, esta paixão louca cede e, por não restar mais nada, a separação será inevitável! Quando por um momento esta paixão louca esfriar-se, nada segurará os incompatíveis. Separe-se ao primeiro sinal de amor e ódio.

         A tolerância, aquela conversa de psicólogos, só existe com uma paixão forte - ambos ou um deles cede um pouco. A paixão forte não dura para sempre. Um casal tem que ter como base a amizade. Nunca a paixão!

         Quando for a um psicólogo, vá também a um antropólogo e sociólogo, para ouvir outras opiniões sobre tolerância entre diferentes - os diferentes se matam, é observação histórica.

         Devemos procurar ser tolerantes, mas sabendo que a sociedade como um todo não o é.

        Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

                                                                         VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar sempre pela seqüência. Utilize a barra de rolagem e vá para o próximo, abaixo. 


 

4- A INTERNET - É um meio muito bom para se encontrar pessoas compatíveis neste mundo de pessoas tão diversificadas. A 200 ou 300 anos, o casamento dava mais certo, vivia-se em pequenas vilas, as famílias e as pessoas eram mais parecidas. Não havia a diversidade religiosa e de idéias que há hoje. Hoje, o cinema, a televisão e as religiões fazem com que vizinhos sejam totalmente incompatíveis, numa diversidade de idéias, anteriormente não existente. Depois de alguns filmes, novelas ou algo do gênero, um cônjuge compatível, de dez anos de convivência, pode começar a ter insatisfação com a vida que leva e o com cônjuge que tem. 

         Quilômetros separam os sonhos da vida real, aculture-se para saber quem você é realmente e distinguir o possível da fantasia. 

         Sem propaganda, e com cuidado, a Internet pode trazer a felicidade e a união de alguém do interior do Brasil com outra do interior da Austrália. A Internet é o fim da torre de Babel, é o início da oficialização do inglês como língua universal.

         Hoje, faz-se necessário aprender o inglês e um mínimo de informática, não se esquecendo de uma boa redação para poder expressar suas idéias.

         Na imensa maioria, as pessoas não conseguem expressar seus pensamentos e sentimentos. A redação e muita leitura ajudarão também  você a entender as palavras e pensamentos dos outros. A redação e a leitura irão ligá-lo de verdade ao mundo. A Internet será apenas como um aparelho telefônico (Termina trecho original).  

                                                                           VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar sempre pela seqüência. Utilize a barra de rolagem e vá para o próximo, abaixo. 


Adiante, me imagino em um bate-papo na “net” dialogando com milhares de adolescentes... Mas muito em breve, passo a imaginar meus filhos já adultos e quero resolver os problemas do mundo em conjunto com eles...

5- JOELMIR BETING - Foi o primeiro economista, por volta de 1980, a falar de economia com o povão e ser entendido. Ele é economista, mas é um sociólogo natural, foi “bóia fria”, educou-se, mas sabe como o povão é e pensa.

         Converse com todos, dê atenção a todos. Todos juntos irão ensiná-lo como a sociedade pensa e como comunicar-se com ela. 

         A sociedade esmaga quem não a entende. Mesmo que não concorde com ela, é necessário entendê-la e compreender sua imensa força.  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

6- SOCIEDADE MATRIARCAL - Quando me casei pela primeira vez, aos 24 anos e principalmente na segunda aos 28, imaginava morar em uma chácara e ter muitos filhos. No último, aos 40, já sabia que aquela criança não era minha, que a mãe a levaria a qualquer momento. Filhos no mundo moderno são da mãe - sociedade cada vez mais matriarcal! 

        Recomendo aos homens solteiros que gostem de filhos, que os adotem - a lei permite. Poderá amá-los e criá-los segundo os seus conceitos. Futuras esposas serão meras coadjuvantes - palavras de um homem machucado, mas palavras realistas: chego a sentir angústia, ao escrevê-las (palavras de um homem machucado para adultos mal resolvidos - aos adolescentes recomendo prepararem-se para o casamento tradicional!).  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

7- AMOR  OU CARÊNCIA AFETIVA? - Após recente separação, estive um bocado confuso. No espaço de duas semanas, estive apaixonadíssimo pela ex, curtindo aquela falta. Repentinamente, apareceu-me uma adolescente cheia de vida, olhos verdes, muita luz, contando-me sua vida. Escutei-a por algumas horas encantado. Apaixonei-me!

         Ela não me deu muita bola, desisti e afastei-me para não me machucar mais.

         Alguns dias depois, uma moça bonita e sofrida despencou a chorar na minha frente, a contar seu sofrido e findo casamento. Apaixonei-me de novo! Com o passar dos dias, descobri muitas contradições, aquele tipo de mulher que usa sua beleza para obter favores, dar jeitinho em tudo, até em fila de banco! Senti que era uma “P” muito bonita e envolvente. Doeu, com toda a minha carência, afastar-me de uma mulher envolvente como aquela. Talvez uma semana depois eu já estivesse envolvido numa “fria”.  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Adiante, diante da mais absoluta convicção de estar certo, diante da ausência da dúvida, coloquei minha “mão no fogo”... e não me queimei!!!   

8- RACIOCÍNIO DEDUTIVO - Meu filho Fábio, com uma semana de idade, estava com corrimento nasal intenso e amarelo. O amarelo, no meu entendimento, indica infecção. Resolvi procurar um médico. Por recomendação da mãe, procuramos o pediatra que o "liberou" da maternidade, Dr. Renato. Foi receitada aspirina, e fomos informados  de que não era nada além de um resfriado.

         Tive medo daquele bebezinho frágil cair em um hospital, com soro nas veias da cabeça - é terrível ver um bebê internado! Quis a opinião de outro médico. Fui a um clínico, esse me inspirava confiança, Dr. Arnaldo. Ele receitou um antibiótico líquido oral. A mãe não concordou: “O clínico é muito velho e fora de moda!”. Fomos então a um especialista, um otorrino, Dr. Hélio Costa, que receitou antibiótico e antialérgico injetável. Dois médicos preferiram não arriscar uma piora no quadro clínico de um bebê de sete dias. Talvez, concordando cegamente com o primeiro médico, muito provavelmente meu filho acabaria internado e quem sabe o pior.    

         Minha Namira, então com aproximadamente seis anos, foi internada com dores no abdome e febre, foi diagnosticada apendicite. Era um hospital público em Limeira - SP. Apesar da constituição de 1988 já estar aprovada, só as mães poderiam acompanhar os filhos. A mãe estava em casa com minha Akemi, recém nascida. A “Nami” estava apavorada de ficar só no hospital. Passaram-se duas horas da internação e nenhum médico apareceu para medicá-la, mesmo assim sua febre cedeu. Pelo meu raciocínio, com apêndice supurado, a febre não cede gratuitamente sem antibióticos, etc. Iniciei uma batalha para levá-la para casa - apareceu um montão de médicos metidos me ameaçando. Chamaram a polícia, aproveitei e quis fazer BO de rapto ou cárcere privado. Só então apareceu um termo de responsabilidade para que eu assinasse e levasse minha querida filha.

         Ela sofreria males psicológicos em vão, em noite aterrorizante, longe da família! Não era nada mesmo! Raciocínio dedutivo e algum conhecimento médico é bom. Deveriam ser instituídos testes de raciocínio para aprovar médicos e para os já diplomados continuarem a exercer profissão.

         Por volta dos sete anos de idade, tive o corpo coberto por escamas horríveis. Meu pai, doutorado em farmácia, diagnosticou como micose e por mais de um ano fantasiou-me com “violeta de genciana” - uma tinta antimicótica. Diante do traumatizante espaço de um ano, e a fantasia não ter resolvido, meu pai levou-me a um dermatologista, Dr. Moacir Porto, que deu o mesmo diagnóstico e a incrível mesma receita. Meu incrível pai voltou a fantasiar-me! Fiquei com as escamas horríveis até os 14 anos, quando por conta própria procurei Dr. Willie, ele diagnosticou como sendo “psoríase”, algo não contagioso e de origem psicossomática. Durante anos de lutas e retornos, a receita básica foi cortisona e diazepan. Passei toda a minha adolescência tomando estas horripilantes drogas, cujos efeitos, só fui tomar consciência, aos poucos, quando, a partir dos 28 anos, comecei a devorar literatura médica. Não foi fácil autodidaxia em medicina, a ligação dos pontos começou a vir uns cinco anos depois. Estou longe de ser um médico, mas estou longe também de ser leigo.

         O diazepan me levou a uma vida sexual difícil, pois derruba as taxas de testosterona, ou talvez, a sensibilidade do corpo. A cortisona, mexe muito com os nervos, eleva a adrenalina e enfraquece.

         Eu -e muita gente a minha volta- paguei preço alto por esta receita médica, da qual não culpo o Dr. Willie. Culpo a propaganda enganosa de laboratórios farmacêuticos e governos incompetentes.

         A psoríase é hoje largamente conhecida e diagnosticada como sinal de stress profundo, muito comum após grandes períodos em coma e grandes perdas. Ela me estava presente aos sete anos de idade.

         Procure o caso, Cláudia Koskinas, narrando um bárbaro erro médico. Um assassinato, segundo a narrativa- e a meu ver muito clara- do promotor que faz a denúncia. Ela conseguiu a condenação do médico.  

         Não existe nada, nem profissional algum, maior que sua certeza!!!

        Relate-nos erros médicos. Seu relato será bem vindo e publicado se vindos de servidores de e-mails com identificação ( Uol - Terra - Hotmail - IG - e outros: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Adiante, uma criança, um frágil ser em construção, um mal entendido, um grande desvio em sua construção. E depois?

9- INTERROGAÇÃO ENORME - Uma criança não tinha a quem chamar de mãe. Uma história que não entendo até hoje: Meu pai,  professor universitário, possuía uma farmácia que minha mãe precisava cuidar. Por isso, aos nove meses, fui dado para minha avó criar!? Muito carinhosa, cuidadosa, severa: uma pessoa muito acima da média, mas me causou  grande mal ao impedir-me de chamá-la de mãe (ficava brava, pois era vergonha uma mulher na idade dela ter filho pequeno). Quem eu deveria chamar de pai e mãe, via rapidamente uma vez por semana, não me tinham carinho algum! De todos os meus tios, aqueles “tios” que eu deveria chamar de pai e mãe eram os mais distantes e os menos festivos ao me ver.  

            Pense muito nas conseqüências do que diz para e ou diante de uma criança!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Por alguns instantes esse vai parecer um livreto de auto-ajuda. Tento me conter em tema para adolescentes e seus pais, mas algo em mim quer explodir...

10- CAIXINHA DE P.S. DOMÉSTICA - Depressão - estamos todos sujeitos a ela,  cheios de psicologia doméstica, mas palavras pouco resolvem para quem está em crise pré-suicídio (suicídios existem, veja as estatísticas, não seja pego de surpresa perdendo um ente querido). Enrole-o. Não fale em depressão ou toque no motivo. Dê-lhe atividades, quanto mais  intensas melhor. Force-o a uma longa caminhada, daquelas de suar a camisa, mas sempre enrolando-o. O deprimido é irracional! Ganhe tempo, observe-o, distraia-o, os mecanismos de autodefesa aos poucos irão surgindo - cada caso é diferente.

         Fique atento até passarem os sinais de perigo!  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

11- CVV - E outros fones de emergência que previnem suicídios, treinam seus atendentes para perguntarem para onde o “paciente” está olhando, se for para baixo é sinal de introspecção, o que aumenta a chance de ser um suicida em potencial. Ao fazê-lo olhar para cima, quebra-se o impulso da depressão, pois o desvia para ativar a área do cérebro correspondente a criação de imagens. Cria-se então esperança.

         O sentimento e a ação caminham juntos. Finja, por bastante tempo, estar bem e estará. Pense bastante em coisas ruins e estará ruim.  O grito de guerra existente desde as sociedades tribais é um exemplo disto -  na verdade, se está  com medo, grita-se como se estivesse com muito ódio, e muito ódio e coragem virão com certeza.    

         Imagine que seu cérebro é o “dial” de um rádio: mude de estação! Está perdendo o controle? Aperte o polegar contra o mínimo por três segundos, enquanto aspira profundamente, solte o ar totalmente no três.  Repita por horas se necessário, preste  atenção ao ritmo cardíaco, ele diminuirá. Tente fazer isto no quatro, começará a bocejar, sua circulação periférica se expandirá, haverá relaxamento muscular e sua pressão arterial baixará.

         Este autor já precisou, em situações adversas, fazer várias vezes ao dia o relaxamento acima, e funcionou. Se precisar um dia “entrar em combate”, ao sentir que está perdendo o controle, nos momentos que o antecedem, relaxe! Depois a natureza fará o resto! 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

12- ENTREVISTA IMPORTANTE - Olhe na parte central da testa, pouco acima dos olhos de seu interlocutor, isso permitirá não se desgastar na entrevista e, ao mesmo tempo, estará sendo simpático. Ele pensará que você o está olhando nos olhos! Os entrevistadores profissionais de grandes empresas conhecem tudo sobre olhares:

         Olhando para cima, o cérebro está fazendo imagens; para cima e a direita, construindo imagens novas; para cima e a esquerda, está fazendo imagens. Mover os olhos na horizontal é para ativar o campo auditivo. Para baixo e para a direita, está ativando emoções, sentimentos e relacionando-se com seu próprio corpo, sentido e sabendo que cada parte está ali sem olhar ou tocar.

         Um entrevistador experiente sabe, antes mesmo da resposta, se um candidato à emprego está mentindo, se ele olhar para cima e para a direita antes de responder.     

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

13- PEIXE!? - Todos nós, em algum momento, precisamos ter noções de negócios, vendas e afins.   

         Vender seu próprio peixe em um currículo, ou montar seu próprio negócio, às vezes se faz necessário. Aquela faculdade tão escolhida e sacrificada, às vezes dá em nada. Muitos engenheiros acabam vendedores; dentistas, donos de lojinhas. Mesmo na medicina, grandes novidades, já em prática, causarão desemprego: Leigos fazendo cirurgias delicadas, monitoradas à distância por médico especialista, através de TV - este método já está em prática no exército norte-americano. Através de robótica, já se fazem cirurgias no cérebro mais precisas que com as mãos humanas. Logo, vai ter médico abrindo lojinha.

         Através de um aprendizado básico de marketing, nos  preparamos para atualização no mercado de trabalho e para fazermos o que este mercado necessitar.

         O marketing inclui e une psicologia às vendas e à análise de mercado. Deveria ser ensinado como complemento de educação, assim como inglês, informática e redação. Muito útil para adolescentes e adultos . Veja o seguinte exemplo:

         Uma adolescente faz parte de uma banda de “pagode”. É um sonho, uma meta, ela é de família muito simples, uma faculdade é muito improvável. Como divulgar a banda? Como avaliar o próprio potencial, saber se vai em frente ou desiste? Bater na tecla errada por anos!? Perder a força de um sonho de adolescência!?  Transformar-se em um adulto covarde e sem sonhos!?

         Se ela for deixada à própria sorte, provavelmente sua banda terá o mesmo destino de quase todas as bandinhas adolescentes de subúrbio: engrossar a lista dos adultos sem sonhos. Eu recomendaria a ela ser mais eclética, tocar de tudo e com amor, tocar o que o mercado gosta para garantir o feijão com arroz. Ter mais oportunidades de tocar, ser ouvida por mais gente e descoberta como pagodeira. Estou recomendando à ela, como recomendo a todos, um livro de noções básicas de marketing. Existe um excelente e gratuito na biblioteca do UOL, escrito por um pessoal bem intencionado da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil: “Marketing Básico e Descomplicado”.

         Resumido, transcrevo adiante alguns conceitos estabelecidos por um certo Maslow e aceitos incondicionalmente pelos “marqueteiros”. Tais conceitos estão sendo aprimorados, mas “nunca contestados” e me parecem bastante sensatos:

         Propôs Maslow que existem necessidades básicas, e que elas podem ser dispostas numa hierarquia de importância e prioridade: as necessidades fisiológicas (fome, sede, abrigo), as de segurança (sobrevivência física), as de relacionamento (a aceitação pelo meio, e sentido de importância), as de estima e status (relevância, domínio, reputação e prestígio) e por fim a de auto-realização (desejo de conhecer, compreender, sistematizar, organizar e constituir um sistema de valores).

         Estabeleceu, ainda, que as primeiras necessidades (fisiológicas) dominam o comportamento da pessoa até que sejam satisfeitas. Em seguida, a segunda (sobrevivência física) predomina até que esteja satisfeita, depois a terceira predomina até que esteja satisfeita, e assim, nesta ordem, até a última necessidade.

         Diante da sede ou da fome, mal conseguimos raciocinar de forma coerente e objetiva, bloqueando ou adiando iniciativas para a satisfação de quaisquer outras necessidades.

         Podemos incluir o sono como necessidade fisiológica, pois é durante o sono que o corpo repõe as energias e os elementos obtidos na alimentação. Durante o sono, uma criança cresce muito mais rápido que acordada.

         Seguem alguns trechos do referido livro:

         “A privação de vida organizada, em paz, harmonia, com cuidados e hábitos saudáveis, gera a necessidade de segurança”.

         “A menos que estejamos com sede, sono ou desabrigados”.

         “Toda necessidade decorre de privação e demanda por satisfação” - aí o estudo do marketing.

         “Influenciar e estimular a demanda por uma marca ou produto. Fazer que o consumidor deseje o produto”.

         “Obter informações sobre produtos alternativos que poderão ser gerados da demanda do produto original”.

         A propaganda é uma ferramenta do marketing - “A operação de vendas realizando metas”.

         “Produto é tudo aquilo capaz de satisfazer a um desejo”.

         “A apresentação do produto é, por vezes, mais do que o produto na determinação da compra”.

         “Descobrir o agente influenciador do comprador”.

         “Identificar o decisor, que geralmente é quem paga”.     

         O pessoal do marketing faz a cabeça do seu filho e a sua, desde pequenos, para coisas boas e ruins, você percebendo ou não. Uma propaganda visa o consumidor e o futuro consumidor. Gente bonita, alegre e fumando! As propagandas de cigarro estão sempre ligadas a esportes. Esportistas não fumam! Mas jovens estão sempre presentes ou assistindo esportes. Eles pagam pessoas que seu filho respeita, para usarem coisas ridículas na mídia e induzirem seu filho a ser consumidor de coisas idiotas. O jovem tem a personalidade ainda em formação e os marqueteiros deitam e rolam, moldando um futuro provável idiota!

          Como exemplo: um fabricante de mouse para computador resolve aumentar as vendas. Contrata uma agência de publicidade. Esta, por sua vez, contrata a Xuxa, que  passa a usar um mouse no pescoço! Pronto! Teremos então milhares de garotos "necessitando" usar mouse no pescoço! Isto que acabei de descrever é chamado pelos "marqueteiros" de gerar demanda por um produto, ou seja, tornar algo inútil em indispensável!

         Observe para onde levam  você e  seu filho. Aprenda marketing! Seja autêntico!

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

 

         Relendo me dou conta de que já não me dirijo a adolescentes... 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

14- ESGRIMISTAS - Um de meus heróis é Lanny Budd. Um marchand, aparentemente fútil. Entre as duas grandes guerras circulava pelas altas rodas na Europa e Estados Unidos. Usava a alta sociedade global - fingia-se fútil para ganhar muito dinheiro e trabalhar secretamente por causas nobres. Era filho de grande fabricante de armas nos Estados Unidos. Casado secretamente com uma judia comunista, ativista e guerrilheira - ela vivia clandestinamente na Europa. Possuía excelentes relações e livre circulação na Alemanha, inclusive durante a Segunda Guerra - nisso colaborou seu pai ter participado do desenvolvimento de armas para o nazismo. Era um “autêntico” nazista, passava “informações” para homens de confiança de Hitler como Goering e Goebbels.

         Na realidade, além de comunista, era agente secreto direto do presidente Roosevelt, cuja ação só era conhecida, além do presidente, pelo seu motorista que introduzia Budd na Casa Branca por portas laterais, na calada da noite.

         Meu herói, não usa  de violência, é idealista e inteligente.

         Li “O Agente Secreto do Presidente” cujo autor é Upton Sinclair, aos 18 anos. O autor deixa algumas dúvidas sobre se os fatos e personagens são verídicos, creio que para proteger pessoas, pois a história forte foi escrita muito em cima dos fatos. De todo o jeito, é um herói, apesar de eu não ter sido comunista jamais!

Neste livro inteiro faço críticas e sugestões à sociedade instituída pela nossa direita de 500 anos, mas quando critico a esquerda...  Acho que é uma doença! Um grande tabu estava bem aqui, mas pela reação de uma revisora exigindo que eu o retirasse... Baseado na reação desta revisora e outros, escrevi o artigo "71 - Síndrome do PT". Desisti da revisora, mas por via das dúvidas, transfiro o artigo que aqui estava, para mais adiante, na íntegra!!! Por enquanto, só colocarei as mãos na guilhotina... 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

15- A REVOLUÇÃO AMERICANA - De um lado, uma oligarquia basicamente irlandesa, gente que em sua origem tinha problemas de super população e pouca terra - carregavam algas marinhas em balaios nas costas, para fazerem solo em terras inférteis. Possuidores de um amor a terra que era e é ímpar na história. Depararam-se com aquela imensidão de terras férteis. Ficaram ricos, pois tinham disposição para o trabalho. Não concordo com eles, mas os entendo por não quererem mudanças.

         Do outro lado, o norte, com oportunidades a todos. Uma elite cultural se formava - industrial -, fortunas se fazendo da noite para o dia, algo com semelhança ao que ocorre hoje no “vale do silício”. Quem era Bill Gattes em 1980? No ano 1999, era o homem mais rico do Mundo!

          Ideologias e interesses opostos se chocaram com muito sangue. Haveria de acontecer a guerra! Para alguns, mudanças eram inaceitáveis; para outros, imprescindíveis. Uns queriam a secessão. Outros, jamais!    

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

16- O QUARTO PODER - Existe! São armados, organizados, respeitam hierarquia e as regras do jogo. Mas são humanos! Cuidado ao mexer com a consciência e o brio dos comandantes... Cuidado!          

         Comandante algum, bem intencionado, suporta seus comandados serem humilhados até haver quebra de hierarquia. Nesta hora, junta a “fome com a vontade de comer”, geralmente, já há o apoio popular, os políticos já falharam.  

           Na França, existiram conspirações dos militares (OAS) por volta de 1970 e, no país símbolo dos militares “certinhos”, os EUA, também houve conspiração do General MacArthur, por volta de 1955. Na França foi o nacionalismo da tropa; nos EUA, as aspirações políticas do general.  

          Isso que acabei de descrever é pura observação da história, o restante é pura especulação filosófica.   

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo

 


17- O SONHO E A UTOPIA
- Heróis lutam e vezes morrem por sonhos. Se a causa é nobre, vai preso ou morre, ou ainda vence, mas é um herói! Se a causa pela qual luta ou lutou for utopia, como os bravos do “Baader Meinhof”com sua utopia comunista, sua morte ou prisão terão sido em vão.

         Dedico todo  este comentário e o seguinte - O SONHO E A UTOPIA está interligado a 19- BAADER MEINHOF e a 20- PARTICIPE - aos bravos adolescentes e jovens que se matam, corajosamente, sem causa alguma, nos nossos subúrbios. Jovens que lutam bravamente e dão suas vidas por nada como seguranças de tráfico.  Jovens que “corajosamente” se entregam às drogas pela falta de perspectivas de vida. Aos mais de  200 suicidas que se atiram contra os trens anualmente nas estações de Tóquio. À quem tem coragem e juventude de sobra para ter e lutar por ideais.

         Estes jovens são possuidores de uma enorme força e inquietude que desconhecem, e a sociedade não consegue canalizar.

         Milhares de voluntários do mundo todo foram engajados à Guerra Civil Espanhola. Era apenas utopia, mas morreram pelo que acreditavam!

         Fique atento à tecnologia: detectores de coração humano já são usados na França, satélites que enxergam moedas, equipamentos de visão noturna, detectores de mentira, câmeras acopladas a computadores para reconhecerem rostos com disfarces elementares, testes de DNA, baratas carregando microcâmeras de TV transmitindo ao vivo e têm o cérebro teleguiado.

          Se a causa for boa, não importa o tamanho e a tecnologia do inimigo, um dia vamos morrer mesmo... Crie e lute!  

          Direcione sua coragem para um mundo melhor. Não morra em vão, deixe sua marca positiva na história.

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


18- HÁ SOLDADOS ARMADOS, AMADOS OU NÃO... A MORRER PELA PÁTRIA E VIVER SEM RAZÃO... VEM, VAMOS EMBORA QUE ESPERAR NÃO É SABER... E QUEM SABE FAZ A HORA... NÃO ESPERA ACONTECER...
- Geraldo Vandré lutou por uma utopia e fez um hino lindo!!! 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


19- BAADER MEINHOF
- Se sua causa não for uma utopia e tiver que lutar contra inimigos maiores, veja pelo mundo as táticas usadas por homens como Ho Chi Minh no Vietnã - o armamento inicial incluiu “arco e flecha” e armadilhas primitivas. Os inimigos eram duas potências: primeiro a França foi derrotada, depois os Estados Unidos da América.

         O grupo “Baader Meinhof” fez um show de criatividade com disfarces que incluíam "almofadas" feitas com plástico mole para ficar mais bochechudo; anéis plásticos tipo de chuveirinho, ao serem introduzidos nas narinas achatavam o nariz; próteses dentárias removíveis, colocadas sobre a arcada dentária natural, alongavam o rosto e mudavam a aparência da dentição modificando em muito a aparência; hoje poderíamos acrescer as lentes coloridas.

         Possuíam arsenais escondidos em vários locais, células terroristas independentes - se uma caísse, as outras não cairiam. Digamos que seis integrantes da célula inicial se separassem dois a dois com o objetivo de formar novas células independentes, umas não sabiam dos planos e das localizações das outras. Se uma caísse, não colocaria outras em perigo! Novas células quando prontas se encarregariam de mandar elementos, de formarem outras e assim sucessivamente, até que esta progressão geométrica perfeita os levasse a vitória.

         Não é só política não, tenho metafísica e lindos contos adiante...  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

20- PARTICIPE
- Alguém disse: “Para o mal triunfar, basta as pessoas de bem não fazerem nada”.

         Junte os amigos e filiem-se a um partido político qualquer, escolham se puderem, mas não se importem se este partido é bom ou não, vocês estarão lá para mudá-lo. Consigam mais filiados - cada filiado é um voto. Logo estarão elegendo o diretório do partido - conseguirão mudar qualquer partido! Se não conseguirem mudá-lo totalmente, que consigam mudar um pouco seus rumos: “De um partido que vota sempre errado, para um partido que vota algumas vezes certo.”

         Use pacificamente e democraticamente as táticas do “Baader Meinhof” e domine um partido, secretamente infiltre amigos nos diretórios do partido por todo o país. Se necessário, pense a longo prazo, alie-se ao inimigo, vote com ele, ganhe espaço, cresça, domine! No momento oportuno, coloque suas garras para fora!

         Montar um partido e estruturá-lo em diretórios pelos municípios deste imenso país é uma tarefa muito dura. Mude 10% os rumos de um grande partido e estará fazendo muito! Um dia, contando para os netos terá muito orgulho de si.

         Filie-se agora! Não tenha vergonha, seu país precisa de pessoas como você que se envergonham dos políticos que aí estão.

         Leia bastante sobre a história do mundo e Sociologia. Estude a fundo para não "pagar o mico" de embarcar em idéias furadas. Mas não deixe que o medo de errar o paralise. Esperando ter muita certeza de fazer a coisa certa, sua vida acabará e só terá vegetado.

         Não se corrompa! Um dia você precisará se orgulhar de si próprio para ter paz para morrer.       

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo

21- SÃO PAULO NO PRIMEIRO MUNDO - Bastariam que os U$ 7.000.000.000,00 (isto mesmo, você leu U$ 7 bilhões), que foram roubados pelos políticos nos últimos mandatos, fossem aplicados em benefício da cidade.  Comprovados, a promotoria pública levantou U$ 700 milhões “desviados” no último ano - 1.999 .  

        Imagine este dinheiro aplicado em segurança, escolas, hospitais e viadutos!? Que gostosa cidade teríamos para viver!

        Justamente os maiores beneficiários destes investimentos, mais precisamente 80% dos mais pobres, votaram conscientemente no "rouba mas faz"! Um assaltante de bancos é menos imoral que esse ladrão de caneca de cegos!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


22- CABEÇA DE TURCO
- dificilmente alguém com minha base cultural, vinda de classe média alta (meu bisavô foi dono da fazenda Monte Alegre onde é hoje o bairro homônimo e o Campus da USP de Ribeirão Preto SP), descerá tanto e por tanto tempo! Morei em favelas como a  Brasilândia em São Paulo, um dos lugares mais perigosos do mundo. Um lugar muito honrado: se alguém num momento de raiva diz que vai te matar, ele tem que te matar! Cruza com você na rua e cumprimenta-o, diz que esqueceu tudo, ele se despede, e ao você virar as costas, antes de cair, seu corpo é empurrado por pelo menos cinco tiros de “765”, por um garoto qualquer com muito senso de honra! Vi de perto o que vocês ouvem superficialmente de quem viu rapidamente e com mente menos afiada que a minha. Não estava lá para fazer uma tese de Sociologia, somente estava lá!

         Só quem leu “Cabeça de Turco” terá noção do que é alguém intelectualizado colocar-se na pele de cordeiro, com a diferença de que eu fui cordeiro! 

                                                                   VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


Abaixo pode parecer que defendo o uso de drogas, o que não é verdadeiro! Diante do consumo e da violência crescentes, tento encontrar uma maneira de uso controlado para identificar os usuários, que esses saiam das sombras, então podem ter ajuda de ONG´s etc.

23- A GERAÇÃO DE AQUÁRIO CHEGOU AO PODER - Cultos! Tiveram a infância aterrorizada por bombas atômicas, Guerra Fria, etc. Temos aí Clinton, FHC, Tony Blair, não duvido que cheios de boas intenções!

         Desarmar a população? Aqui no interior de São Paulo, armas fazem parte da cultura popular. Eu ganhei a minha primeira, uma “cartucheira 36”, aos nove anos. Aqui em Limeira, encontram-se bons revólveres a U$ 50,00 - “765” a U$ 180,00. Graças à campanha do governo, as armas caíram de preço. Quem tinha dez regularizou uma e vendeu as outras nove - muita oferta, queda de preço, mais facilidade para as pessoas de baixa renda terem uma boa arma. Aqui, culturalmente, ter armas não é contra a consciência de quase ninguém.  Pequenas metalúrgicas abastecem o suprimento de canos e peças de reposição sem pensar duas vezes. Aqui são feitas armas especiais sob encomenda, e que armas! Ouvi falar!

         A Rita Lee Jones causou irritação por aqui por fazer campanha contra rodeios.

         O crack e a maconha são proibidos! Literalmente, em qualquer esquina podem ser comprados. A polícia faz "vista grossa" e algum “teatro” para a imprensa. Não há polícia que resolva!  Já está muito enraizado, tem-se que liberar e ganhar (diminuir o prejuízo) dinheiro com impostos.

        Diz-se que os impostos dos cigarros não cobrem as despesas da previdência social e de saúde causadas por ele. Junte os impostos diretos, indiretos, estaduais, municipais, contribuições previdenciárias, impostos indiretos da propaganda e marketing e seus funcionários; se tudo isto não cobre as despesas, imagine sem  isto! Proíba! Jogue a indústria do tabaco na clandestinidade! O consumo continuará praticamente o mesmo (vasos e quintais) e sem o atenuante dos impostos.  Mais gastos com a segurança pública, não se esqueça que mais policiais terão que ser contratados para o enorme circo armado.

         É justa a proibição da propaganda, acho abuso! Qualquer fabricante de bebida alcoólica ou de cigarros sabe que vicia e faz mal.

         Não se esqueça da renda dos agricultores, dos empregos na indústria, dos donos de boteco, dos empregos nas indústrias de insumos agrícolas.

         É justo o controle de armas e  drogas. Pode ser engraçado, mas  cada cerveja, ou cada conta no barzinho ou na casa noturna devem ser registradas para controle de impostos e de quem exagera no consumo, possibilitando ONG´s e órgãos do governo agirem, democraticamente, com quem exagera no consumo.

         Cadê um economista para me ajudar na seguinte projeção: uma progressão geométrica no decorrer de 10 anos, o que poderá ser gerado de riquezas para o país se as drogas fossem legalizadas? Leve em conta a diminuição dos gastos de segurança pública e de criminalidade. Além disso, com menor criminalidade há a diminuição do stress da população, aumentando a capacidade produtiva de todos.

         Ninguém teria que roubar para usar drogas! Em torno de 95% de seu preço é o custo da clandestinidade!

         Drogas: devemos legalizá-las! Seria como colocá-las em destaque em um telão ao vivo! E então, teríamos como combatê-las.      

         SINTO QUE ESTOU PISANDO EM OVOS...  O jovem usa drogas pelo desafio - veja neste livro 58 - A MORTE EXISTE!, pela falta de perspectivas - veja “89 - O DESTINO DE TEUS FILHOS e também “121 - PERSPECTIVAS E VALORES. Enfim, todo este livro é dedicado a quem é ou já foi jovem, tem ou pretende ter filhos. 

         Quanto ao desarmamento na Inglaterra, que é literalmente uma ilha - rica - e mais desenvolvida socialmente que nós, não se pode esquecer que há muito pouco tempo (os jovens têm a mania horrível de enxergar décadas como se fossem séculos), na Segunda Grande Guerra, as inglesas precisaram operar baterias antiaéreas, enquanto seus maridos lutavam além mar.

         Voltando ao desarmamento, qualquer campanha atingirá apenas quem se preocupa em manter a ficha criminal limpa! Só atingirá os mocinhos, pois os bandidos não se importam em fazer coisas ilegais.  Arma proibida, droga proibida! É proibido ser bandido! E daí?

         Proibir produção de armas!? Só em Limeira tem mais de 300 metalúrgicas e ferramentarias de fundo de quintal em condições de produzi-las.

         Desarmar um povo, cujas forças armadas são insignificantes!? Estes governantes, da era de aquário, acham que por terem tido a infância atormentada por bombas atômicas, o mundo mudou?  Os instintos animais dentro dos homens acabaram -se!?   Um povo com medo de armas!?  Tem gente bem intencionada no poder, mas sonhando com utopias.     

       Gostou? Presenteie um amigo com este livro, e-book,  Pretensão & Ação - envie-lhe este link

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


24- A CIA O NARCOTRÁFICO E A BOMBA ATÔMICA!!! (este item não está no registro da Biblioteca Nacional) A CIA e outros organismos de inteligência trabalham com a certeza de que nos próximos 10 anos (Pode ser hoje!) o narcotráfico terá em mãos armas biológicas e nucleares. Leia-se Narcoterrorismo, pois o Afeganistão do Osama bin Laden ( milionário e intelectual saudita ) é oficialmente uma droga de país ou se preferir um país de droga. A Colômbia tem 40% de seu território já, explicitamente, nas mãos do tráfico. Implícito!? Muitos países e estados - cidades - brasileiros!

       As drogas são uma arma, e por isto são tratadas pelos americanos como um problema de segurança nacional. Os recentemente abertos arquivos da KGB, da antiga URSS, revelam a imensa operação de apoio ao tráfico e produção de drogas destinadas a os EUA. As drogas foram arma importante da "43 - Guerra Fria", pois tiram a vontade e levam ao comodismo.

       A ex-KGB é hoje a espinha dorsal da máfia russa que continua ligada ao tráfico, que por sua vez é ligado as pseudo-guerrilhas de esquerda. Aquelas que já foram um dia legítimas guerrilhas de esquerda, hoje são apenas imensos bandos armados. Talvez, ainda tenha algum inocente "31 - T. Laurence" envolvido. O governador do RS, Tarso Genro e Palocci prefeito de Ribeirão Preto os recebe de braços abertos de 98 a 2003.

       Recentemente tropas do exército colombiano em retirada, refugiaram-se e armaram contra-ataque a partir de território brasileiro. Tratamos seus feridos em nossos hospitais e lhes oferecemos todo o apoio logístico para o contra-ataque.

       Por enquanto o estado que os narcotraficantes internacionais formaram dentro da Colômbia (1/3 do território) ainda nos evita como inimigos. No atual ritmo, em alguns anos a Colômbia será mais um estado Narcotraficante. O segundo em nossas fronteiras.

       Juntando-se a o crescimento internacional do tráfico, que hoje já possui países, ao crescente poder e infiltração interna. Aquele juiz do STF, Marco Aurélio Mello, nomeado pelo Collor de Mello, seu primo, e pelo PC Farias & amigos - você confia em nossa justiça? Não posso ser mais claro, pois serei processado!!!

       Não é só Nicolau, não! Preste atenção na parte maior, a que está embaixo d'água. Preste atenção nos nossos juizes. Preste atenção e tente entender as atitudes do atual (10/2000) presidente do STF.

       Desarmar os brasileiros!? Geração de Aquário, gente bem intencionada, inocente!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


25- MUNIÇÃO COM CHIP DE IDENTIFICAÇÃO - Ou uma plaqueta de aço gravada com alguma identificação dentro do projétil – o chumbo funde a 200 e poucos graus e o aço perto de 1800. Qualquer um “carregaria” sua própria munição ou mandaria carregá-la. Munição sem identificação seria prova de más intenções, com pena equivalente a homicídio em primeiro grau.

       Por favor! Me contradiga, acrescente algo. Pode escrever (educadamente) que eu publico!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

26- ONDAS BÁRBARAS - Varrerão as sociedades civilizadas e fracas, barbarizarão seus filhos e mulheres. Assim como os Astecas, Incas e Maias foram barbarizados e suas culturas despedaçadas, muito conhecimento perdido! Bárbaros católicos destruíram todo o conhecimento de Alexandria queimando livros e pessoas com qualquer conhecimento científico. Lá o Taleban era só o “prézinho”!

        No auge de seu poder, quando não tinham aparentemente mais inimigos, quando haviam dominado todo o mundo que importava, os romanos caíram no ócio (chegavam a utilizar uma pena de peru, introduzindo-a na garganta para vomitar tudo o que havia sido comido e poder comer novamente!!!). Não tinham mais inimigos à altura. Bárbaros vindos da Ásia, comandados por Átila, varreram a Europa.

        Logo antes da AIDS, os epidemiologistas do mundo todo eram unânimes em afirmar que, devido ao avanço da ciência, as grandes epidemias haviam acabado.

        O mesmo tipo de engano dos romanos e epidemiologistas, comete quem acredita que o mundo e os seres humanos mudaram. É só no embrulho e nas aparências. A essência humana e o mundo são os mesmos!

        A Rússia, de perigosamente sem governo, está perigosamente indo para um governo nacionalista. O Putin sabe o que faz! Em 10 anos, a Rússia será uma potência! Está atacando a máfia, obrigando o pagamento de impostos, perseguindo dinheiro sonegado ao Estado. Não tenho dúvidas de que terá como próximo passo a repatriação de capitais! A Rússia voltará a querer espaços perdidos. Os terá!?

        Quem tentou prever Hitler se deu mal. Temos o Haider fazendo sucesso na Áustria e recebendo apoio em toda a Europa. Hitler e Goebbels, também em público, deram passos atrás, enquanto sua base de sustentação crescia assustadoramente. A Alemanha havia sido humilhada, foi fácil jogar com o nacionalismo e com a sede de vingança do povo alemão.

        A China foi muito humilhada pelos ingleses naquela história de “Proibida a entrada de chineses e cães” na principal praça de Pequim. Até eu me sinto queimado com isto! Não poderá quase espontaneamente um dia, por um pretexto qualquer, um demagogo chinês insuflar o povo contra os ingleses!? A China é uma potência, tem uma elite culta, mas este ressentimento deve ser forte, a Inglaterra tem alinhamentos, bem... O pensamento é livre!

        O Putin está exercendo sua geopolítica. Hoje é na Tchetchenia, amanhã será onde? Prever homens como ele? O grande mal de pessoas racionais é se imaginarem capazes de prever ações de irracionais! Embora o Putin pareça um político sério, demonstra imensa inteligência, podendo dissimular seus reais objetivos até a hora certa.  Lembre-se que a CIA errou feio no Irã de Reza Parhlev!

        Vocês - a sociedade - proibiram as drogas! E daí? Acha mesmo que se pode simplesmente proibir armas? Cigarros!? Só estarão abrindo novos empregos, novas vagas na criminalidade... 

        Uma sociedade organizada tem que armar seus membros e treiná-los no uso de armas. A sociedade deve manter-se armada, relaxada, mas armada! 

       Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

27- Ó PÁTRIA ARMADA, AMADA. SALVE! SALVE! BRASIL! - Estamos crescendo, ganhando espaço internacional. A geopolítica exigirá que nos armemos e assumamos as responsabilidades da maioridade. Nossos parceiros clamam para que assumamos nossas responsabilidades. Conscientize-se em separar as desigualdades sociais do fato de sermos uma potência emergente.  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


28- DESENVOLVIMENTO SOCIAL - Faz-se através de décadas e gerações por meio de campanhas de conscientização e não a toque de caixa com leis. Não seremos, em poucos dias, uma Inglaterra, um Canadá, uma Suécia, porque alguns idiotas demagogos fizeram uma lei!

      

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

29- INGLATERRA - Tem uma cultura de quase 1.000 anos. A última significativa invasão, creio que foram os bretões. Poucos descendentes de imigrantes em relação a nós, portanto, mais monolíticos etnicamente e nos costumes.

         Muita gente pseudoculta querendo implantar aqui os desenvolvimentos sociais de lá. Esquecem-se de nossa latinidade!

         Eles têm fama de tristes, mal humorados. Nós de alegres e bagunceiros: Somos brasileiros!   

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

30- MAQUIAVEL, FLORENÇA, ALI POR 1500 - Ele foi o primeiro a pensar na política sem filosofar, baseando-se apenas em observações e na História.

         Escreveu uma obra que para alguns, dedicada aos poderosos; para outros, ao povo pois, escreveu nas entrelinhas, e esse poderia entender o jogo dos poderosos. Ao meu ver, uma obra dedicada a todos e até hoje muito atual. O “puxa-saquismo” aos poderosos era natural, pois tinha sido banido a pouco e estava “quebrado”. Se fosse “entrevistado” hoje, veríamos que sua intenção maior era, apenas,  um mundo melhor.

        Transmitindo aos poderosos a opção de obter mais, de um povo melhor preparado, não estava apenas ajudando o povo, mas estava transmitindo a realidade!

         Digamos que é o pai dos políticos e generais. O pai do Estado Moderno. O pai de todos que o lerem e tiverem capacidade de entendê-lo. Foi o idealizador dos exércitos modernos - as milícias que protegiam as cidades-estados eram mercenárias, lutavam para quem pagasse melhor.

         Viu o povo sempre se revoltando contra os poderosos, apoiando outro no qual crê lhe trazer melhorias. Mudam-se os poderosos e tudo permanece na mesma. Antevia as dezenas de revoluções como as do México e a revolução Lenninista na Rússia - populações despreparadas, levando despreparados ao poder! Niccolo Machiavelli sabia que a base de mudanças reais estava na melhor educação de seu povo e governantes. Na sua luta hábil pela unificação do que hoje é a Itália, eu chego a ver os fundamentos básicos do que hoje chamamos de globalização.

         Peguemos os 10 maiores historiadores vivos, os 10 mais conceituados sociólogos, os 10 mais conceituados psicólogos criminais, façamos uma reunião, cuja ata será o tema: "Estamos livres das grandes desgraças e flagelos causados pelo homem? O homem mudou em sua essência?"

        Eu sei a resposta. Você sabe? 

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

31- INOCENTES ÚTEIS - A História está cheia de casos como o do T. Laurence - o “Laurence das Arábias”. Ele acreditava estar criando uma nação árabe, mas na verdade estava sendo manobrado e caindo em falsas promessas dos ingleses. Ao conseguir livrar os povos árabes do jugo turco, ele e estes povos foram traídos pelos ingleses que dividiram seus territórios com os franceses.

         Não sei até que ponto inocentes, mas fomos ao lado dos argentinos e uruguaios, muito úteis à Inglaterra para “domesticar” o Solano Lopes, esse fazia do Paraguai um país próspero e independente do jugo britânico. Nós brasileiros participamos de um bárbaro genocídio. Cada homem, mulher ou criança paraguaios foram mortos. Sobraram  apenas índios escondidos nas selvas.

         Revolta-me o fato de ter sido enganado na escola a este respeito. Envergonha-me o fato de meus antepassados terem participado disto! Se puder, entrarei com ação indenizatória contra o estado, por ter sido enganado na escola - o currículo era oficial!  

         Alguma dúvida!? O Paraguai era tão próspero, desenvolvido e forte, foi necessária a "Tetra" Aliança para vencê-lo - Inglaterra (dinheiro, armas, inteligência militar), Brasil, Uruguai e Argentina. Não lhe é estranho o fato do Paraguai de hoje - passados 150 anos - ser tão insignificante ao ponto de ser motivo de chacotas, do tipo: "Made in Paraguai"!?

         O Líbano por volta de 1.930 era considerado a Suíça do Oriente Médio; o Uruguai, a Suíça da América Latina; a Argentina, país proeminente! Nasser iria unificar os árabes. Teria havido interferência externa na trajetória destes países!?  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

32- HOJE O PERU DO FUJIMORI - Recentemente na “dita” ditadura Fujimori, o Peru cresceu muito, tornou-se menos pobre. Este pequeno país tem recente histórico  de conflitos com o “gigante” do norte, por ter comprado jatos franceses Mirage. Existindo ainda certo conflito (o Peru quer a sua saída para o mar) com o Chile, esse é muito alinhado ao “norte”. O Peru está pondo seus pezinhos para fora. O "gigante do norte" controla a mídia mundial, iniciando, assim, uma campanha de difamação e desestabilização de Fujimori.

         No momento, existe forte presença japonesa no Peru. As esquerdas "burras", inclusive aqui de nosso país, não têm noção “macro” do fato, "caem de pau". Uma esquerda burra, de tão burra, não vê os avanços sociais. Tão burra que mesmo anti-americana, faz o jogo deles...

         Como exemplos: Se algum organismo de inteligência externo quiser parar o Brasil hoje, pode usar o PT, “inocentemente”- ou mexer com temas tabu como exumar corpos de “vítimas” da ditadura militar.

         Estive visitando a base aérea onde servi em 1974: as roupas de cama dos soldados estão imundas. Por economia, são lavadas uma vez por mês. Os aviões estão no chão, faltam peças! 

         Estão humilhando o quarto poder, estão humilhando garotos que poderiam ser meus filhos. É um jogo burro e perigoso! "Jogo inteligente!", se partir de inimigos externos.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

33- GEOPOLÍTICA HOJE - Hoje nosso vizinho do norte precisa e aposta no nosso desenvolvimento. Países como China, Índia, Paquistão e Irã estão crescendo muito em termos militares e econômicos, apenas os aliados europeus já não bastam.

         É sabido que em 1953 a CIA derrubou Mossadegh, o qual nacionalizaria as empresas de petróleo no Irã. O sentimento anti-americano neste país persa junta-se ao sentimento anti-ocidental geral, reinante nas bases dos países árabes e muçulmanos. A China os atiça e os arma. O ressentimento dos chineses com aquela placa de “Proibido chineses e cães, em Pequim, pesa! O ressentimento é contra a Inglaterra, pátria mãe e alinhada aos EUA.

         Arma-se um horizonte novo em geopolítica com resultados imprevisíveis. Até a França anda com um nacionalismo que beira infantilidade: proibir termos e expressões em inglês! Sem falar nos interesses de suas empresas como a Dassaut, contra importantes interesses geopolíticos americanos em lugares explosivos como o Iraque. Os franceses estão querendo legalizar o crime na América Latina: agem contra os interesses americanos e brasileiros(?) ao apoiarem o estado independente criado por traficantes na Colômbia. 

         Muitos interesses são "jogados" ao mesmo tempo, ficando difícil interpretá-los à primeira vista. Vejam o caso de Montesinos e Fujimori que desmantelavam o narcotráfico no Peru: Montesinos caiu em desgraça com uma gravação de suborno, logo após desmantelar a conexão peruana de intermediação de armas vindas da Jordânia para narcotraficantes colombianos. Fujimori caindo junto! No país que reduziu em 85% as plantações de coca, os responsáveis pelo feito foram derrubados pelo narcotráfico, aparentemente bem infiltrado no Itamaraty brasileiro!

         É apenas um ensaio, mas o "gigante do norte" precisa de nós. Bom, inevitável, mas vamos nos meter em encrencas de gente grande!

         Bem vindo Brasil! À maioridade!

Esta trama é tão grande que hoje 15/11/2000, tudo leva a crer que Montesinos fazia um jogo de cenas no Peru, enquanto era forte aliado e fornecedor de armas para a narcoguerrilha colombiana e aliado nº-1 de Al Qaeda na América Latina.

       Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

34- A DEMOCRACIA E O REGIME DA ERITRÉIA - A democracia é um meio para se obter um fim: igualdade social, de direitos e o império das leis.

         A democracia como deve ser parece só dar certo em países socialmente desenvolvidos. A Coréia do Sul, após se desenvolver sob o manto americano e a oligarquia Park Chung Hee, parece ter agora condições de democratizar-se. Primeiro desenvolveu-se, tendo o analfabetismo reduzido a 1%.

         Concluo ser a democracia o arranjo final de um país socialmente desenvolvido. Veja o caso da Eritréia, nem mesmo consegue constituir um governo, com sua população que, em mais de 98%, nem mesmo consegue definir democracia, sendo impossível implantá-la.

         Democracia em país do Terceiro Mundo é utopia.  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

35- A DEMOCRACIA E A GEOPOLÍTICA - A democracia é usada para manter-nos no “quintal”, assim como outrora as ditaduras. Somos manobráveis mais facilmente sob democracias. Somos corruptos! Eles, hábeis corruptores!

         Ditaduras bem intencionadas podem trazer em anos, para países subdesenvolvidos, o que só conseguiriam em décadas, com democracias corrompidas.

         Na ditadura Pinochet, o Chile conheceu desenvolvimento econômico e social sem igual. O mesmo aconteceu no Peru do Fujimori.

         Nosso “jardim” grita pela democracia, com segundas intenções, apenas para manter-nos parte de seu quintal.

         Se a democracia é um meio para se obter igualdades sociais, se essa é o governo do povo pelo povo, se é 50% dos votos mais um. Porque tanto alarde quando a população da América Latina declara-se em 60% contra ela? Sabem definir democracia, já viveram sob seu manto, tiveram momentos melhores sob ditaduras. A maioria de 60% não é democrática!? Já não vale mais o dito: “A voz do povo é a voz Deus.”!?

         Em determinadas fases, um povo precisa e clama por um pai enérgico, carismático! Corre o risco de cair nas mãos de um ditador corrupto e sanguinário, não se duvida disto, mas o que vê são democracias corruptas, desigualdades sociais democráticas. 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

36- MANAUS NÃO FICA NO BRASIL - Um número significativo e crescente de escolas americanas adotam um mapa mundi onde o Brasil aparece menor, algo em torno de 60% do que somos. A Amazônia aparece como área de proteção ambiental internacional.

         Perdemos vários estados. Manaus não é mais no Brasil!

         Uma resposta urgente se faz necessária: A Calha Norte! É um projeto de ocupação da Amazônia, formação de vilas com apoio e presença militar. Este projeto existe e não é caro executá-lo.

         A baixa densidade demográfica da região faz com que espertalhões abram as asas com a desculpa de ecologia e usando inocentes, “T. Laurence” tupiniquins.

         A roleta da geopolítica está girando...

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

37- OS 500 ANOS E OS CRETINOS - Tenho orgulho de ser brasileiro, tenho orgulho de nossos rumos. Há 20 anos, a Itália era o paraíso dos seqüestradores. Nos restaurantes finos, haviam mesas reservadas aos seguranças!

         Iniciou-se a “Operação Mãos Limpas”. Gente graúda indo para a cadeia. Juízes corajosos eram mortos, outros assumiam seus lugares e davam seqüência. Hoje a Itália é ordeira e progressista.

         O Brasil vai bem. Estamos numa virada, em 20 anos seremos um país socialmente desenvolvido. Tenho orgulho de ser brasileiro, orgulho do rumo que as coisas estão tomando.

         Ainda mora algum perigo no Supremo, juízes nomeados pelo Collor e o Sarney. Não se esqueçam daquele Sarney que foi desafiado publicamente por um de seus ministros: “Se me botar para fora eu conto seus podres!”.

         A ignorância do inocente analfabeto, tenho que compreender e perdoar! E os cretinos “FsDP” pseudointelectuais, que acham  não termos o que comemorar!?  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

38- O EMBRIÃO DA GLOBO, O ESTADÃO E A DITADURA - Eu era um garoto quando li no “Estadão”, ser o Sr. Roberto Marinho testa de ferro da CIA. Ele havia assinado promissórias em branco para ter o capital inicial da referida emissora. Inclusive, fica um pouco estranho o fato de um fac-símile das promissórias ter sido publicado. Ter acesso à informação é uma coisa, acesso à promissórias!? Mas os incêndios constantes nas grandes emissoras da época e a intervenção nos Diários Associados, leia-se Tupi, levam-me a crer que o “seu” Roberto teve uma “ajudazinha”.

         A emissora dele cresceu, diversificou-se e, através de participação acionária, está enraizada no Brasil e no mundo com diversos segmentos e órgãos de comunicação.

         Está tão grande e com tantos e poderosos braços, que ninguém mais comete o suicídio de mexer no seu passado... Mas é a herdeira mais gorda e forte da ditadura militar!  

        Não concordo em remexer o passado como no Chile, mas não devemos ser hipócritas!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

39- CUSPINDO NA CANEQUINHA DE MOEDAS - Hoje, os apresentadores da Globo, referem-se à ditadura com um lacônico: “Período negro!”. “FsDP”! Falsos e hipócritas! Seus salários são mamados nas tetas da ditadura! Peçam demissão!

         No mínimo, falem ao povo a verdade: o lado negro e o lado inevitável do que aconteceu - geopolítica. Lá mesmo, no Rio, dentro da UFRJ, está cheio de trabalhos publicados recentemente no departamento de história. Bastante realistas!

         Estas mentiras acabam com a “brasilidade” deste povo! Estas mentiras desunem... Muita gente não quis comemorar os 500 anos por mentiras!

         Não tem como mexer no passado da Globo, pois é, antes de tudo, uma empresa comercial grande e poderosa, que defende o próprio bolso antes de mais nada... Mas sei que tem jornalistas com brio, interessados na verdade! Pulem o período dos ressentimentos - existem análises frias... A UFRJ é aí pertinho!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

40- A REVOLUÇÃO DE 64 - O TABU - Nos governos militares brasileiros houve um grande estrategista político, o general Golbery do Couto e Silva. Gozava ele de confiança nos meios militares e de respeito nos meios políticos de oposição, que na época atuavam como podiam. Analisando - o, suspeito ter ele e Ulisses Guimarães  um jogo secreto, que levou o país a abertura política. Foram dois grandes esgrimistas de um jogo de cenas! A personalidade e a ação política de ambos me levam  à esta crença.

         Sobre Ulisses sei que há muita literatura, mas sobre Golbery, creio que passou despercebido por muita gente.                  

         Recomendo pesquisas a jornais da época, é emocionante a esgrima de ambos.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

41- “DIA 31 DE MARÇO DE 1964”, EU VI, EU ESTAVA LÁ, na maior usina de açúcar do mundo, tinha apenas nove anos: Os sinos tocaram! Gente se reuniu, comentou-se o assunto. As pessoas comemoravam! Houve apoio popular!!! 

         A Refinaria Paulista SA, Usina Tamoyo, possuía próximo de 5000 moradores entre funcionários e seus familiares. Algo como Terra Nostra, da rede Globo, só que 50 vezes maior. Na época, nada mais ou menos, era a maior usina de açúcar do mundo! Possuía linha de trens e estações, para serviços internos. Isso mesmo, um trem normal circulava internamente!  A seção onde eu residia, moravam cerca de 350 pessoas. 

         Lembro-me de “decalcomanias” da vassourinha do Jânio (ele pregava com sua vassourinha, que quase todos tinham em casa colada em algum lugar, que acabaria com a corrupção!!!). Sua renúncia acaba com a crença do povo em políticos. Getúlio foi muito cultuado entre a população da fazenda. Esperava-se dos militares uma nova era “Getúlio”.

         Jango não tinha apoio político, mal se ouvia falar nele. Li sobre ele muito depois, deduzo que caiu por si como um balão sem ar - política se faz de apoios e coligações. Os militares ocuparam o vácuo de poder criado pela renúncia do Jânio.  Jango, eu juro! Só está nos livros de história! 

         Por volta de 1968, coincidentemente com a política econômica recessiva dos militares, o mundo todo teve problemas. Aqui, a população assistia aos protestos em Paris, mas não os relacionavam com o momento político-social francês - perda de colônias, como Vietnã e Argélia - em que parte da população e os militares consideravam De Gaulle um traidor. Aqui, nesta época, os militares começaram a perder o apoio da classe média.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

                                                                                Recomendamos continuar abaixo


 

42- O PODER - Fernando Henrique, embora tenha  muitas restrições a ele, também é um hábil esgrimista. Joga com um poderosíssimo congresso, basicamente, ignorante. Joga com os poderosos nacionais e internacionais, com uma desenvoltura impressionante!

         Para quem achar que o poder é fácil, recomendo a leitura da história de Ifigênia e seu pai que era rei. Apesar de ser rei, teve que aceitar quando os sacerdotes ofereceram a vida de sua adorada filha aos deuses. É Grécia antiga, vale a pena! 

         Governar democraticamente é hábil esgrima.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

43- GEOPOLÍTICA - GUERRA FRIA - Muita coisa tem sido publicada sobre o Governo Militar no Brasil, isolando o fato e sob olhos totalmente tupiniquins, a realidade era outra, na época, as superpotências tentavam alastrar seus domínios. Choques entre direita e esquerda ocorriam em todo o mundo, gerando guerras civis  e ou libertárias no terceiro mundo: Vietnã, Laos, Camboja, Angola, Moçambique, El Salvador, Nicarágua... Travava-se uma guerra suja. Ditaduras de esquerda e de direita cometiam atrocidades. Vejam o caso do Camboja, guardadas as devidas proporções, foi a mais sangrenta ditadura do mundo (e era de esquerda!).

         Já vi muita gente se referir à “GUERRA FRIA”, como sendo um estado de tensão existente entre EUA e  URSS na época. Errado! As forças americanas e russas não se chocaram diretamente, mas houve “GUERRA QUENTE” sim senhor! Sangue brasileiro foi derramado, sem que muitos de nossa elite cultural admitam o contexto global do fato.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

44- VISÃO SIMPLISTA - “Os militares deram um golpe de estado no Brasil porque queriam mandar!”. Desde 1956, o país vinha se estagnando, e em 63 uma revolução de esquerda era dada como certa - conheço um médico de Araraquara SP que “liquidou” uma fazenda antes desta revolução. Foi um momento raro, em que todas as classes sociais estavam descontentes - devido ao antagonismo das idéias, sangue seria derramado!

         De um lado, o medo de ignorantes assumirem o poder; do outro, a utopia comunista que na época parecia bela para alguns, inclusive “mauricinhos”, que adotavam o estilo romântico de São Francisco de Assis. O comunismo parecia tão belo!      

          A repressão no Chile causou 100.000 mortos ou desaparecidos (jornais da época) - os admitidos oficialmente são 3.197. Proporcionalmente, foi a maior do cone sul. A da Argentina 20.000 (jornais da época). A brasileira não chegou a 1.000 (?) - estou há dias procurando números em páginas como Anistia Internacional e Humam Rights -, foi a ditadura, proporcionalmente,  mais branda de nossa região.

         Se ficasse por conta dos homens da CIA, como no Chile, seria pior. No Brasil, homens como Geisel, Golbery e Ulisses (oposição oficial) conduziram a luta contra a utopia comunista com habilidade, dureza e ternura: No melhor estilo Guevara!

         Terroristas agiam no mundo todo. Nos EUA, além dos terroristas internacionais, havia o pitoresco “Simbiose Liberation Army” e sua Patty Hearst. Na Alemanha, o eficiente “Baader Meinhof”. Na Itália, as “Brigadas Vermelhas”, duplamente vermelhas. No nosso país, o “MR 8” e outros, lutando pela utopia do comunismo.

         E a verdade estava com quem? Cadê o comunismo? Por que, apenas, 49% dos chilenos pediam o julgamento de Pinochet - apesar dos 100.000(?) desaparecidos - no dia de sua volta ao Chile? O bem venceu, e não tenham dúvidas de que aqui tivemos esgrimistas hábeis que souberam minimizar o sangue derramado!

         Por mais incrível que pareça, ao fechar este tópico, estava a procurar os números oficiais da repressão, quando deparei-me com a home page do Dep. José Genoino do PT. Pasmem! Eu já o sabia moderado - mas senti termos posições muito parecidas sobre a ditadura militar.         

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

45- MINORIAS BARULHENTAS E TABUS - Existe a hora de “chutar o balde”, ou minorias barulhentas vão acabar sendo nossos sensores, limitando nosso pensar, intimidando opiniões diferentes!   

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

46- JEREMIAS PIRES - Era um garoto que morava com os pais e muitos irmãos em uma fazenda no interior do Espírito Santo. Um dia, assiste seus pais e irmãos serem mortos. Por sorte, consegue escapar com a ajuda de um irmão mais velho.

         Com óbvio envolvimento de tabeliães, políticos locais falsificaram a escritura de venda da fazenda. Mataram a família toda e ficaram com as terras - “Eu quero, é meu!”.

         Esta é uma história comum no estado. Meu amigo “Jerê” e seu irmão tiveram vida difícil, inclusive como “calangos” em Brasília. Como possíveis contestantes e herdeiros, tinham as vidas em risco - o estado de alerta foi constante. No Espírito Santo, ainda hoje,  queimam-se fóruns para acabar com processos!

         Esta história me remói há 20 anos. Gostaria que justiça fosse feita. No último contato com o “Jerê”, ele permanecia uma pessoa íntegra, lutava para pagar o aluguel e criar o filho Max.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

47- É DE FAMÍLIA - Estive em Jacupiranga SP, Vale do Ribeira. Lá tive notícias que o pai, (ou tio?) de Reinaldo de Barros - vulgo Reinaldão, ex-prefeito de São Paulo e ex-secretário de obras de Maluf. Reinaldão freqüentador das páginas policiais dos jornais atuais, cujo pai (ou tio?) era Ademar de Barros, ex-governador de nosso estado e era esse cidadão o maior matador!

         Ele queria uma terra, mandava matar o dono, os herdeiros; depois, passava no cartório e pronto! Ai de quem contestasse! Eram outros tempos, a imprensa era pouca e oligarquizada.

         Ouvi falar! Ouvi falar! Deus me livre um processo! Jacupiranga é ali mesmo. Vá lá e pergunte! Posso ter ouvido mal...

         Como eu gostaria de ter a cobertura que a imprensa tem para poder revolver certas histórias que estão afloradas por aí como pontas de icebergs... (Pai ou tio? Se souber envie-me e-mail)

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

48- O HERÓI NO PORTA MALAS - Um primo fala ao outro: "Arlindo! O Nivaldo “Jacomi” estava dizendo lá no bar que tá “comendo” sua mulher! O lance é o seguinte: Quando você sai para São Paulo buscar carros, ela sai na mesma hora atrás dele!"

         O Arlindo fez o seguinte: Despediu-se de sua querida esposa Maria do Carmo Carvalho Prada (nome de solteira) e com ajuda de funcionários entrou no porta malas do carro dela. Ela saiu de imediato! Pegou o Nivaldo “Jacomi” e foram para o campus da UNESP lá em Araraquara. O casal, enquanto fazia uma “chupetinha”, dava boas risadas do “corno” no porta malas e marcavam tal motel para tal hora.

         O herói procurou um advogado, esse procurou um promotor e um flagrante foi armado. Meia dúzia de policiais rodoviários estavam presentes quando a autoridade maior bateu na porta do romântico casal!

         O Arlindo conseguiu a posse do filho. Foi um “puta” herói dos tempos modernos. Não usou de violência ou "defendeu" sua honra. E que sangue frio!

         Por motivos óbvios, declaro que isso foi a mais pura ficção, qualquer semelhança com a realidade terá sido mera coincidência. É apenas um dos muitos contos que tenho!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

49- O HERÓI VENCIDO - Ele tem 28, está de moto e aplica-lhe um “xaveco”: “Onde fica a Rua 2?”. Ela, um mulherão de uns 17, logo estava de carona. Na despedida, um longo e molhado beijo, daqueles que levanta o “moral”. Ele lhe dá seu telefone, ela só tinha 14! Dias depois ela lhe telefona e começam a namorar. Vai à sua festa de 15 anos, a convida para viajar por uns dias, o que prontamente é aceito pela mãe da garota, essa só faz um pedido: "O avô não pode saber!".

O herói contalhe sua história de sofrimento, e perda da primeira filha para uma mãe enlouquecida, e que estava dando um tempo na vida para encontrar um sentido. Ela então lhe promete muitos filhos e que jamais iria tirá-los dele.

Era o que ele mais queria...

         Ela já era “rodadinha”. Estranhou naquela época e com aquela idade a mãe liberar daquele jeito! Depois, soube ser uma troca de favores entre as duas, a filha não abria a boca e a mãe também não. Mas na época, não pensava que aquilo durasse. Os primeiros dois anos foram lindos! O dia do nascimento do primeiro filho do casal foi o início do fim. Ela abraçada com a mãe no hospital, ele aguardando para conhecer o filho. Ela está com uma revista na mão e comentam sobre a Roberta Close. Ele curioso pede para ver, pois ainda não havia visto aquela figura tão comentada. Ela se chateia enciumada.  Ele responde: "Que mulher é esta!? - Mãe?! - que se incomoda com “isto!”- da foto!? Você é mãe de um filho meu!!!"

         Deste momento em diante o relacionamento do casal mudou. Um dia, anos depois, ela confessou que a mãe havia lhe recomendado não deixá-lo tratá-la daquela maneira, parasse então de fazer comida, de cuidar da casa...

Ela sabia que agora era poderosa: tinha o que ele mais queria, um filho. Ele cede aceita tudo para não perder o filho.

         Começaram a chegar notícias de fontes seguras: “Fulano, afaste sua sogra de sua mulher! Ela está trazendo recados de ex-namorados, quer acabar com seu casamento!”. Eles se mudaram para outra cidade. Ele já havia perdido uma filha de um relacionamento anterior e sabia das traições que corriam soltas a esta altura e,  como um herói, agüentava-se. Também, já havia mais uma filha e a sogra ia passar dias de visita na nova cidade!

         Um dia,  o herói chegou de viagem contente 1 dia antes do previsto, pois havia feito bons negócios! Eram 23 horas, ela com roupa de noite, toda produzida (salto, maquiagem, vestido novo e duas mocinhas a estavam ajudando na maquiagem e produção), estava saindo... Usou como desculpa que ia procurar um telefone, pois o de casa não estava funcionando. Ia lhe ligar por estar com saudades - na verdade ia sair com o gerente de banco, morador de uma “república” na esquina, esse se tornaria o pai biológico da próxima "filha" do herói. Ela leva seu nome por ser irmã de seus filhos e, como irmã de seus filhos, por dedução e bom senso, é sua filha!

         Certo dia, nosso herói trabalhador, que fazia viagens mistas de negócios e lazer, deixou a família em um camping. Saindo, olhou pelo retrovisor: ela erguia o shorts para “entrar bem”, desabotoava  a blusa e dava um nó. Nosso herói respirou fundo e foi trabalhar! Um ou dois dias depois, as crianças estavam abandonadas no camping. Procuravam pela mãe quando o pai chegou. Algum tempo depois, ela saiu bêbada de um trailer.

         As crianças cresciam, não poderiam mais ver aquilo, iram perceber. Filhas da puta crescem filhas da puta.

         O herói começa a se descontrolar, já se comporta como herói vencido pelo cansaço, estava adoecendo pela situação que vivia. Resolve mudar mais uma vez, desta vez para São Paulo. Não queria viajar mais, mas estava sob ameaça: “Não te amo mais! Só estou esperando as crianças crescerem um pouco mais!”. Ela achou muito ruim deixar limeira e seu gerente de banco.

         Sob a ameaça constante de chegar em casa e não encontrar os filhos, sucumbe financeiramente. Ele não se agüentava mais - e um retorno ao interior se fez necessário. Ela chora o tempo todo, está apaixonada por um garoto apelidado “Moderno”, com quem saía em São Paulo. Após a primeira noite de mudança para o interior, pega os filhos do herói e vai para a casa da mãe.

         Foi a segunda grande derrota do referido herói!

Aos poucos iremos juntando os pontos desta história e o que esta mulher fez para manter os filhos afastados do pai.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

50- A OUTRA FACE DO ÓDIO - Creio não serem aceitos os depoimentos de esposas como testemunha de defesa de maridos. Porque então os tribunais aceitam depoimentos de ex-esposas como testemunhas de acusação!? O casamento torna-se uma instituição perigosa. Não julgo o mérito da senhora Nicéia, ex-Pitta ou da ex-Sra. Scarpa. Não julgo se elas mentem ou falam a verdade. Julgo o tipo de mulher que estes senhores foram se casar. Seja lá o que eles forem, elas são piores!

         Creio que o STJ deveria dar um parecer do tipo “provas obtidas ilegalmente”. Afinal a “escuta” foi clandestina. Muitas vezes, estas senhoras se beneficiam, são cúmplices ou até mesmo, indutoras de seus atos.

         Digamos que a denúncia seja na hora - menos mal!

         Muito cuidado com os relacionamentos afetivos, matrimoniais ou não, afinal, o amor é apenas a outra face do ódio.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

51- TE PEÇO EM PAIXÃO - “Pelo tempo médio que dura uma paixão, 6 a 24 meses, te peço em paixão. Faremos um contrato de relacionamento afetivo, nossos advogados cuidarão dos detalhes! OK!?”

         “Não se esqueça, no final da paixão, salve-se quem puder!”

         Casamento!? Dos antigos!? Onde existia a intenção do eterno!? Hoje, só do infinito enquanto dure! Sem chance!!

         Se  ensinar a seus filhos isto de grandes paixões, a não se apegarem a pessoas, nem a acreditarem em relacionamentos sólidos. Eles, se aprenderem, te deixarão morrer só, colhendo a burrice que plantou!

         Peça um(a) amigo(a) em casamento. Nas pequenas aldeias do passado, onde os casamentos davam certo, as pessoas cresciam juntas, eram amigas. De tão amigas e de tanta convivência, vinha o amor, a paixão. Quando ela ia embora, ficava a eterna e boa cumplicidade que é o casamento clássico.  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

52- O TRABALHO - O trabalho é um meio de vivermos para a família e obtenção da nossa felicidade pessoal.

         Atualmente, o trabalho está se tornando o vilão secreto das histórias tristes. Ele se tornou um fim! Sem percebermos estamos trabalhando pelo trabalho!

         Somos infelizes e não relacionamos este sentimento com o trabalho.

         Em filmes como “O Oitavo Dia” e em “Beleza Americana”, o grande vilão é o trabalho.

         Culpa dos “marqueteiros”, os grandes “gafanhotos” de nosso tempo! Eles nos incutem que precisamos disso e daquilo. É o tal de gerar demanda por um produto.

          Sua cabeça é a madeira, dentro dela os “marqueteiros” são como cupins construindo seus canais dia e noite.

         A maior vítima do trabalho pelo trabalho é a mulher! Os “marqueteiros” as atingem com maior facilidade. Vejam as estatísticas de queixas de produtos enganosos nos órgãos de defesa ao consumidor.

         Simplesmente, elas têm que trabalhar e serem independentes.

         Eu, homem, macho, adulto, não veria nada de mais em ser “sustentado” com amor, carinho e compreensão por uma mulher. Cuidar de casa, dos filhos. Levá-los à escola e ao passeio. Esperar a mulher com um sorriso que ela merece.

         Confiar, dormir tranqüilo sabendo que está a meu lado alguém que confia a educação dos filhos a mim.  

         No artigo "13 - PEIXE!?", faço longa análise do Marketing e seus profissionais - a mais longa e dura análise deste livro! 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

53- MATEMÁTICA - Domingo às 6:30h na Globo, assistindo  ao programa  "A Santa Missa em Seu Lar”, presenciei  pedirem pelo restabelecimento de pelo menos 10 pessoas, citando-as nominalmente. O marketing da Igreja Católica demorou para usar este expediente largamente usado pela Universal desde os anos 80. Digamos que 50% se restabeleçam, os 50% que falecerem serão por “vontade de Deus”, os 50% sobreviventes tiveram “graça alcançada”. Estes 50% espalharão isto de boca em boca fervorosamente, além disto, os pastores costumam mostrá-los na TV. O resultado matemático é assustador!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

54- A FLAUTA E A NAJA - Presenciei em uma Igreja Evangélica, após uma gritaria do pastor, ordens e exorcismos. O pastor mandou erguer o braço quem tinha livrado-se do satanás e aceito Jesus em seu coração. Vi então um rapaz erguer o braço e dizer emocionado: “Eu!”. Após o culto, procurei-o para conversar, disse-me que seu braço ergueu-se sozinho: "Foi Jesus!".

         Uma alma cansada e sofrida que busca desesperadamente na igreja um alívio para sua dor, um pastor que grita, dá ordens e exorciza...

         A propósito, a cobra é surda, passa-se urina de rato na ponta da flauta e deixa-se a cobra com fome.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

55- A PRIMEIRA CARTA - Um ET está na Terra há 2.527 anos, mas para ele são somente alguns dias. Envia seu 1º- e-mail, seu 1º- relatório de suas observações. Relata em sua carta ser o nosso planeta habitado por diversos espécimes, mas um espécime dominante está extinguindo outros, colocando em risco a biodiversidade do planeta. Relata ainda calcular a extinção, nos próximos 26 anos, da vida no planeta.

         Ainda está fazendo levantamentos para verificar a remota chance de algum micro ecossistema sobreviver para repovoá-lo.

         Alguns membros desta espécie dominante comportam-se de modo a preservar à si e ao planeta. Têm consciência: o crescimento desordenado da população levará o planeta à extinção!

         A imensa maioria dos espécimes humanos sofre de SACI - “Síndrome de Acumulação de Coisas Inúteis”, doença indutiva ao acumulo desordenado de coisas, esgotando o planeta.

         Membros mais baixos da hierarquia dos humanos embrenham-se nas florestas, destruindo tudo por alguns trocados. São madeireiros, caçadores, garimpeiros, pescadores, que usarão estes trocados como moeda de troca por bens inúteis. Estão muito contaminados pela síndrome!

         São nas cidades que se produzem coisas inúteis, sem a preocupação de saber donde a matéria-prima foi retirada.      

         Alguns membros da elite cultural e científica dos dominantes prevêem esta extinção, inclusive a auto-extinção de sua própria espécie. Desenvolvem “humanicidas” biológicos para controlar a expansão populacional. Foi aqui espalhado um micro organismo, o HIV, que teve seu desenvolvimento a partir de outro, o SIV.

         É disseminada aqui a versão: o primeiro ser humano foi contaminado em 1951, pela primeira versão patogênica do vírus HIV. Estes cálculos foram feitos com base na velocidade de mutação das gerações deste vírus. Pouca gente duvida disso.

         O plano “B” é espalhar o vírus da varíola! Hoje aqui considerada extinta e com estoques de vacinas apenas nos territórios mais ricos. Estoques de vírus são cuidadosamente guardados para “estudos”.

         O plano “C”:  duas variedades de influenza (Influenza : vírus da gripe que os humanos adquiriram do contato com as aves) - são altamente mortais e uma delas foi colhida recentemente em Hong Kong.

         Excelência, ET supremo, o planeta é lindo! Sua biodiversidade poderá nos ser útil no futuro. Peço-lhe permissão para reduzir a 10% a população dos dominantes, isto garantirá uma sobrevida de mais 259 anos ao planeta. 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

56- A IMPRENSA NA TERRA - Excelência, ET supremo, aqui ocorreram fatos relatados em um filme, “O INFORMANTE”. Faz-me supor termos acertado em acabar com a imprensa privada. Os organismos de imprensa estão comprando uns aos outros e associando-se de forma perigosa para a divulgação da verdade total e absoluta. A imprensa deveria ser comunitária!

         Coisas absurdas acontecem em regiões daqui, em uma delas, a Globo tem associações com o Grupo Folha que controla a UOL, que é sócia da Editora Abril. Entre estes e outros, as associações continuam num verdadeiro emaranhado de interesses oligarquizados. A imprensa “frita” pessoas, solta balões de ensaio, faz campanhas escusas, incute falsas verdades, omite (a mais cruel das mentiras). E saber que grupos e interesses estão por trás, torna-se impossível ao cidadão comum que depende da mesma.

         Proíbe-se a imprensa particular, digamos, em cinco anos somente associações, clubes, governos, prefeituras, sindicatos poderão ter editada qualquer tipo de imprensa. É um erro pensar que a imprensa privada atacará quem a mantém. Os particulares poderão até ser donos da parte física, dos equipamentos gráficos e eletrônicos, mas a imprensa mesmo, a edição tem que ser livre e pulverizada. As rádios, TVs, provedores de Internet deverão ter mais diversificação e seu controle impossível de ser cartelizado. Teremos ótimas rádios “piratas” oficializadas para o mestre ouvir aí do espaço muitas opiniões além das minhas!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

57- DEMOCRATIZAR AS RELIGIÕES - ET supremo; outro erro por aqui é as  religiões serem privadas! Têm donos! Os “cordeirinhos” não “piam” nada!

         Os freqüentadores deveriam eleger os pastores.  Precisa ver Excelência! São milhares de fiéis que precisam seguir um mestre e são explorados sem ter nada em troca.

           Vamos fazer um mundo melhor? Participe!!!

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

DIVULGUE NOSSO SITE PARA SUA LISTAGEM DE AMIGOS

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

58- A MORTE EXISTE - Na minha geração, muita gente leu e achou bonito Fernão Capelo Gaivota, indicado por professores, etc. Por isto, oferecem os filhos ao mundo como se fossem indestrutíveis. Triturar-se e  recuperar-se! Fisicamente, eles têm limites, a morte existe e seqüelas físicas também. Psicologicamente, podem se acovardar.

         O tempo é o mestre dos mestres, mas seu filho, se demorar muito para aprender, morrerá de velhice, após uma vida de derrotas.

         Pode-se aprender com a experiência dos outros.

         Eu já adorei Fernão Capelo, mas hoje gostaria de ter saído ao mundo mais preparado.

         Aos 44 anos, está difícil de sarar as feridas e ter coragem de voar novamente.

         Gosto da possibilidade de trabalhar com jovens, transmitindo a eles o que aprendi com meus erros e, em média, duas horas diárias de informação durante pelo menos 34 anos.

         Se tiver o raciocínio dedutivo que sei que tenho, unido à cultura que sei que tenho, vivido o que eu vivi, devo ter deduzido coisas que ninguém deduziu.

         Pretensões à parte, sempre tive adoração por crianças e adolescentes.  Agora mais que nunca. Agora dependo deles, vou trabalhar pela primeira vez com o que gosto.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

59- UTOPIA - Coloque tudo em dúvida, coisas aparentemente verdadeiras e óbvias hoje, poderão ser ridículas amanhã. Lembre-se sempre daquela historieta ridícula e engraçada lá na escola: Acreditava-se que a terra era chata e que se um navio fosse muito longe, cairia num abismo!

          Hoje você pode estar caindo em historietas que lá na frente, vão ser motivo de muito riso.

         Não é vergonha mudar de time ou alterar posições ao longo da vida.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

60- TOLERÂNCIA - Seja tolerante com quem pensa diferente de você. São as diferenças e os diferentes que fazem o mundo gostoso como é.

          Imagine se todos fossem torcedores do mesmo time. Todos com o mesmo gosto por cores, roupas - todas iguais. Carros, casas, tudo igual. Imagine... Feche os olhos...

         Vai lá agradecer o diferente por ajudar a fazer a vida boa como é. Mas cuidado, ele pode ter outra visão sobre diferentes, pode ser intolerante e tua vida pode ficar em risco!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

61- LIXO TECNOLÓGICO - Proporcionalmente às tecnologias que avançam, aparentemente para nos facilitar a vida, a poluição tecnológica e a científica vão sendo estocadas em um sacão de lixo prestes a estourar. Temos seres humanos com poder divino, de vida ou morte para a humanidade. Vírus, armas químicas e atômicas, suficientes para destruir o planeta várias vezes. Tudo isto nas mãos de instáveis seres humanos!

         Um acidente na área de genética está próximo. A tecnologia de armas nucleares já está nas mãos de governinhos e terroristas. Duas viroses recentes nos EUA estiveram sob suspeita de terrorismo. A ficção - tenho motivos para crer - em pouco tempo será realidade (vou apressar este livro ou não terei quem o imprima ou para quem vendê-lo!). 

         Estamos, pelo aumento da população e da ciência, aliados às limitações físicas de nosso planeta, a caminho da autodestruição, total ou parcial!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

62- COMPORTAMENTO E VESTUÁRIO - Comer de tudo o que for saudável é também educação. Executivos, embaixadores, gente que circula pelo mundo sempre vai deparar-se com uma buchada de bode (delícia), cérebro de macaco, fritadas de ânus de frango, cobra, peixe cru, ovos com gema mole e até copo de sangue fresco!

         Nojo, na maioria das vezes, apenas revela ignorância. 

         Agora, imagine um escocês com sua saia xadrez em nosso meio!

         Existe hoje um traje que podemos chamar de internacional, ou o mais próximo disto. De manhã,está-se bem vestido no Rio; 8 horas depois se estar em Londres; mais algumas horas, Ancara e sempre bem vestido. Basicamente tons cinzas e beges.

         Em termos femininos, a Gillian Anderson, ganhadora do prêmio EMI de melhor atriz da TV, quando encarna a personagem “Scully” da série Arquivo X, é incontestavelmente elegantíssima. Masculinos? Nunca vi em entrevista alguma ou reportagem, o Hugh Grant deselegante. Até nos momentos difíceis, saiu-se bem, soube dar a volta por cima.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

63- MEDICINA - Voltando à alimentação e às verdades da moda, o colesterol é muito necessário, apenas deve-se tomar cuidado com ele pessoas com pré-disposição genética -  alguma coisa semelhante a faltar uma enzima digestiva que o processa devidamente. A falta do colesterol reduz níveis hormonais, leva à impotência sexual e à osteoporose.  Cuidados especiais também aos sedentários e aos idosos pelo mesmo motivo, a redução da capacidade digestiva.

         Muitos males são relacionados à má metabolização dos açúcares - cataratas, diabetes, ceratocone, hipertensão arterial etc. Muitos males, relacionados à falta de enzimas digestivas ligadas a açúcares e gorduras, ainda serão descobertos .

         Desconfio que, no século passado e ainda hoje, no interior deste Brasil pobre, as crianças que morrem ou padecem de “bucho virado”, nada mais têm do que falta da enzima lactase que processa o açúcar do leite, a lactose.

         Preste atenção em como você assimila os alimentos. Nem todos somos iguais e os iguais nem sempre o serão. Veja o “teste do pezinho” presente e obrigatório em todos os hospitais quando do nascimento de uma criança. Refere-se a fenilalamina presente em muitos alimentos, inclusive no leite materno. A criança que nasce sem a capacidade de processá-la, fica aos poucos com deficiência mental - à medida que vai ingerindo o leite da própria mãe.

         Os refrigerantes dietéticos vêm com aviso: “Atenção fenilsotenuricos: contém fenilalamina” - Os produtos derivados de trigo, macarrão, pão de forma etc. - “Contém glúten”.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

64- MEDICINA TOTAL - A medicina deveria ser uma só: quatro anos básicos e depois a especialização - Nutricionismo, Fonoaudiologia, Cardiologia, Odontologia, Ortopedia -

         Vejo como um perigo um nutricionista não médico; e um médico não nutricionista. A falta do médico total, do grande clínico geral. O nutricionista que não conhece alergias alimentares, que desconhece que pessoas diferentes digerem e absorvem alimentos de formas diferentes, pois produzem enzimas digestivas em quantidades desiguais. 

         Um psicólogo recebe um paciente que chegou por conta própria até ele - quer tratar-se de timidez e depressão.  O psicólogo vai tratando deste paciente por anos, como geralmente ocorre. Acontece que este paciente pode estar precisando de exames médicos; que tenha um desequilíbrio hormonal, um desequilíbrio isotônico; digamos que uma simples falta de potássio, coisa que algumas bananas ao dia resolveriam.

         São comuns os males cruzados e interligados neste mundo do stress: Micose, alergias, gastrite, sinusite, enxaqueca, infertilidade, cansaço, falta de memória, artrite. Tudo isto na mesma pessoa, ao mesmo tempo. O leigo não saberá a quem procurar. Qualquer especialista que ele procure não detectará a totalidade e a interligação dos males.

         O mega clínico tem que ser instituído, o verdadeiro médico. Porque não 8 anos de faculdade!? Ou a informatização da medicina, algo assim como um médico no centro de um grande consultório-laboratório informatizado!? Informatizado mesmo, muitos equipamentos de alta tecnologia e técnicos em informática!? É muita informação a ser cruzada por um simples médico, as perguntas e diagnósticos partiriam do computador, o médico seria o coordenador geral!?

         O psicólogo, assim como o fonoaudiólogo e outros, tem que ser médico. Tem faculdade de medicina sobrando. Estes ajustes serão fáceis.   

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

65- TOQUE DE PRÓSTATA - Desagradável, constrangedor, dependendo dos níveis de testosterona e da demora do toque, o homem corre o risco de ter uma ereção. Nada de mais, não quer dizer tendências a homossexualismo. A próstata é praticamente uma extensão do pênis. Consciência para toque semestral é necessária para homens acima dos 40. O câncer de próstata é muito comum. O perigo maior estará se você se conscientizar “demais” e achar que deve ir ao médico diariamente.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

66- TPM - Longe de querer ser especialista no assunto, observo que a maioria das acometidas são mulheres magras, com um percentual de gordura corpórea abaixo do normal, ou pseudogordas em fase regime. Faltam hormônios importantes, às vésperas de um novo ciclo. Falsas idéias sobre alimentação, principalmente o colesterol, cuja falta derruba as taxas hormonais,  associada à falsa idéia de corpo atraente, fazem certas mulheres acharem que é normal ser insuportável.

         Respeito a TPM somente das que se alimentam sem ignorância. Além disto, se  necessário, vá a um endocrinologista. Faça exames sangüíneos na fase de TPM.  Faça uma reposição hormonal nesta época - um saboroso torresminho por alguns dias, antes e durante esta fase, pode amenizar. Salve seu relacionamento!

         Perca um pouco o respeito pelos médicos. Se algum achar que TPM é normal e você tem que conviver com ela, então, ele saiu do desenho dos Flintstones.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

67- A MORTE COMEÇA AOS 17 - Aos poucos, sem percebermos vamos perdendo massa muscular e ganhando gordura, resultado dentre outros de uma significativa redução da produção do hormônio do crescimento. Os acidentes musculares e com tendões tornam-se mais prováveis, inclusive com o músculo cardíaco. Seu coração pode estar tão fraco que um simples pesadelo pode matá-lo!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

68- O CORAÇÃO - É um músculo como outro qualquer,  precisa ser sempre exercitado.  A diferença é quando um tendão ou um outro músculo qualquer  rompe-se, ajeitá-lo é mais fácil.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

69- MUSCULAÇÃO -  Contrário da crença, a musculação moderada traz mais benefícios e menos riscos à saúde em relação os exercícios aeróbicos. Testes indicam, a pressão arterial sobe menos que nos exercícios aeróbicos, e esta atividade também não está  tão sujeita aos rompimentos de tendões e músculos como os exercícios repetitivos - aeróbicos - pelo contrário, a musculação prepara e fortalece tendões e músculos para os exercícios repetitivos. Já quanto ao coração, por afetar menos a pressão arterial, a musculação também é melhor.

        Os músculos, relativamente, pesam  mais do que as gorduras, portanto não se assuste  ao se exercitar e ganhar peso!   

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

70- ENXAQUECA - É muito comum vermos pessoas se queixando de dor de cabeça crônica. “Estou tomando dois comprimidos, os tais, todos os dias, mas não resolvem!”. Já é de conhecimento geral que existe a dor de cabeça de origem medicamentosa -  começa-se a tomar um comprimido, e sem percebermos o próprio comprimido para a cura, torna-se a causa da dor.

         O que fazer então!?  Posso dizer da minha enxaqueca, que tem a origem no stress, que aumenta a acidez estomacal e por sua vez, estes ácidos irritam as paredes intestinais, gerando inflamações e toxinas, que por sua vez causam a enxaqueca.

         Ao atrasar um pouco uma refeição, sinto as narinas se fecharem, vapores ácidos passam pelo esôfago, irritando a mucosa nasal. Daí para a enxaqueca é um passo. Minhas enxaquecas diminuem muito com o uso da Ranitidina, que uso como preventivo. Noto melhoras quando, semanalmente, tomo uma Citoneurin de 5000mg,  nada mais é que complexo B mais B12, e sua venda é livre. Minhas crises muitas vezes são detonadas por doces, principalmente à noite.

         Observe a sua enxaqueca, vá fazendo acertos. Estes mortais falíveis, chamados médicos, ao você se queixar de dores de cabeça, pedem exames de vista, de sinusite. Muitas vezes, é sinusite associada ao estômago; eles tratam a sinusite, que insiste em voltar. Estes simples mortais, dificilmente relacionam que a causa da sinusite é a mesma da dor de cabeça: O estômago! O excesso de acidez estomacal, geram gases e bactérias que passam pelo esôfago, causando a sinusite e a dor de cabeça.          

         Repito, conheço bem a “minha dor de cabeça”!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Minhas posições políticas me permitem bater à direita e esquerda! Em "23 - GERAÇÃO DE AQUÁRIO", "105 - CHAME O LADRÃO!", "138 - LIMEIRA" e outros, bato firme na sociedade organizada pela nossa direita tupiniquim. Agora, adiante, peço-lhe licença para bater um "pouquinho" - e com muito gosto - na esquerda burra:     

71- SÍNDROME DO PT - É interessante como funciona a cabeça dos radicais de esquerda, são antidemocráticos, evitam alianças políticas (que são naturais da democracia). FHC fez as necessárias alianças políticas para governar - "É um traidor!".

         “Eu sou contra!” é o lema. Mudar de opinião durante o amadurecimento da vida  é traição. Ninguém dentro do partido pode votar diferente. Opinião própria? Nem pensar! É um partido monolítico ditatorial!

         Na Europa, existem países onde a fidelidade partidária também existe - é o argumento dos petistas. A Europa vai dar em m... novamente. Vejam o que está acontecendo na Áustria.

         São comunistas, apesar de terem tirado isto dos estatutos do partido, e só o fizeram, porque ser comunista, hoje em dia, é quase  motivo de chacotas. Mas aí está a síndrome do PT: Todos sonham secretamente com a ditadura do proletariado, ou seja, o stabilishment do PT vai comandar o nosso país - assim como o stabilishment do PC se tornou a elite na antiga URSS. O PT vai nos comandar!  Para o mesmo buraco!

         Todo petista fica “nervoso”, quando discordamos politicamente deles. A mortandade que fizeram com seus oponentes, caso do PC russo e chinês, é típico de mentes doentias. Não são diferentes de Pol Pot, que no Camboja exterminou mais de um milhão de opositores. Assistam “Gritos de Silêncio!” - está nas boas locadoras - É chocante, uma história para lá de real! 

         O Genoino, mais equilibrado, será contra a mortandade, então teremos nosso Trotsk: Será assassinado com uma picareta!!!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

72- LULA E ZÉ DIRCEU - Estes senhores, apesar de falarem muito em sociedade, não têm raciocínio amplo para poder sequer entender o conceito de sociedade. Só fratricidade: “A classe operária!” - como se fosse possível beneficiar só os operários.

         Para estes homens, a “sociedade” é uma e os “operários” são outra!? Falam tanto em “sociedade”, mas não enxergam que somos um todo.

         Ódio de classes!? Numa mesma sociedade!? Só em benefício de sindicalistas safados!

         Pregar ódio entre brasileiros!?

         Não existe mais esta separação feudal que eles imaginam. Numa mesma família, numa mesma casa, existem brasileiros: operários, autônomos, pequenos empresários.

         A história cuspirá na cara de homens poderosos e maldosos como estes.

         O PT do Suplicy, do Genoino, do Tarso Genro eu até gosto. Lula e Zé Dirceu cheiram a sangue!!! 

         Seriam esses ainda inocentes e bem intencionados como no início!? Agem agora apenas em beneficio próprio!?

         A URSS teve dificuldades, era ela contra todo o restante do mundo. Isto teve um custo, teria sido este custo a causa do fracasso do comunismo? Escreva artigo à respeito e publique-o conosco! Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

73- A GLOBALIZAÇÃO - O mundo se integra, nas poucas horas de vôos, túneis, estradas, pontes, Internet, nas facilidades e nas passagens que caem de preço.

         “Globalização é pensar na sociedade como um todo, não mais nacional, mas sim global”.

         Os americanos vão combater a AIDS na África, por interesses de segurança nacional.

         Sociedade global = Globalização.

         Não podemos pensar mais no bem de brasileiros, sem pensarmos no bem de africanos e indianos.

        E existe ainda quem pregue luta de classes...

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

74- A AUSÊNCIA DA BUSCA - Devemos buscar a felicidade. Ela está na ausência da busca, na auto-aceitação. Não prego a pobreza, a miserabilidade. Não prego liquidar-se e ficar sem auto-estima. Prego que em um patamar seguro, pare-se  a busca por coisas materiais e  desacelere-se a busca por conhecimentos.  

         O dinheiro é algo como que guardado em saco sem fundo, estamos sempre sem ou precisando de mais. A outra busca, a do conhecimento, por vezes de conhecimento inútil, muitas vezes é apenas pelo reconhecimento e aceitação social.

         Pense no desgaste físico e mental, pense no stress que fatalmente virá na busca de todos estes sonhos. Será que já não está bom, será que não é hora de fincar os pés e relaxar!? Recomendo a leitura de “Diálogos Sobre a Vida” de Krishnamurt. 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

75- FILMES - Melhor que a literatura, pelo lado que simula as expressões humanas, estão os bons filmes, aqueles de diretores e atores premiados - ganhadores de prêmios de melhor roteiro, estes filmes ajudam os jovens a se prepararem para a vida.

         Para descrever cada minuto de uma cena de Dersu Uzala de Akira Kurosawa, com todo o seu sentimento, detalhes do personagem e da cena, um escritor precisaria de mais ou menos 15 páginas de papel ofício. O leitor,  15 minutos se for acostumado a ler.

         Assim como existem simuladores de vôo, os bons filmes são simuladores de situações de vida. Os jovens podem aprender expressões diversas, prever o ponto crítico de uma pessoa, prever situações. Ajudam também a fixar e a ligar os pontos da história.

         Eu sabia alguma coisa de Trotsk e da revolução Russa, mas entendi tudo mesmo,  inclusive pelo lado emocional, ao ver “ASSASSINATO DE TROTSK”. O jogo do poder, foi a partir de “IFIGÊNIA”.

         PLATOON - A cena final mostra a adrenalina pura, a luta pela sobrevivência.  Naquele momento, não havia ideologia ou consciência, havia puro instinto de sobrevivência, foi o grande momento da carreira de Charlie Sheen.

         PECADOS DE GUERRA - Baseado em fatos reais, mostra bem como jovens inocentes e puros são levados com habilidade pelas más companhias. Eram militares. Na vida real existem os líderes naturais e os cordeirinhos naturais, você cria, ensina, mas na hora ele naturalmente se submete a líderes naturais.

         O OITAVO DIA - Quando sem perceber o trabalho se torna um fim e não mais um meio. Um adulto que se descobre um dia afastado da família - Pasmem! -  Descobre em tempo que foi o trabalho - "marqueteiros" - o vilão da história.

         UMA SIMPLES FORMALIDADE - Às vezes um mau entendido, como na Escola de Base em São Paulo, e depois?

         CASABLANCA - Além de uma aula de cinema, ajuda a entender a geopolítica da época. Cultura pura!

         INDOCHINA - Aprende-se que nada é estável, nada é seguro, que o mundo é uma interminável sucessão de fases. Só se é possível duas, ou três gerações não passarem por grandes mudanças ou mesmo flagelos.               

         MELHOR É IMPOSSÍVEL - É mais que uma comédia, apesar de se rir muito. Mostra a solidão a que esta vida moderna nos leva - um isolamento tal que, mesmo numa grande cidade, um “cara” se torna só e esquisito. Trata da ausência da família, da busca pelo recomeço da sociabilidade e da reintegração a velhos valores. Foi o melhor papel do Nicholson em toda a sua carreira. Ele poderá ser igualado, mas não superado como ator!

         FEIOS SUJOS E MALVADOS - Divina sátira italiana! A primeira vez que assisti, ainda meio garoto, chorei de rir. Recentemente, após ter morado em favelas, assisti novamente. Já não vi tanta graça, quase chorei!

         1900 DE BERNARDO BERTOLUCCI - Por mais que se leia sobre o Anarquismo,  Nacional Socialismo, Fascismo, nada mais rápido para entendê-los que este lindo filme. Um garoto aprende se divertindo!

         O RESGATE DO SOLDADO RYAN - Seu filho é violento? Belicista? É o filme mais pacifista que já vi. Quem assiste fica horrorizado, cada espectador é um novo adepto do pacifismo!

         BELEZA AMERICANA - Mais uma vez a escravização voluntária - nos escravizamos a um monte de bens, valores e nos estupramos no trabalho. Esquecemos de nós mesmos, da família. Só trabalhamos!

         O INFORMANTE - Baseado em fatos verídicos. Mostra como a grande imprensa, inclusive a que nos confiamos, aquela que usamos para nos informar; nos trai, nos enrola, nos controla. Nos informa com meias verdades - as verdades que lhes interessam. As meias verdades são grandes e elaboradas mentiras!

          Gostou das minhas recomendações!? Estes filmes são educativos!? Tenho próximo de 100 filmes catalogados pelo “meu” ponto de vista.  Escrevi estes textos em 1999 aproximadamente. Até 2009 já assisti mais 1500 filmes.

                          Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

76- www.ignorancia.com.br - É título de artigo do Gilberto Dimenstein na Folha de São Paulo, onde cita a pesquisa da educadora Vera Masagão, que conclui que 25% dos brasileiros (uma amostra pequena mas significativa) têm analfabetismo funcional. Sabem ler mas não ligam os pontos; lêem, mas não entendem.

         Foi colocado um anúncio de emprego em pizzaria, 6% não sabiam ler, 25% não achavam o endereço apesar de estar claro e nítido. O que levou o autor do artigo concluir que menos de 50% dos brasileiros têm condições de ler um jornal.

         Eu acho que menos, muito menos de 5% têm condições de ler uma Folha de São Paulo e entender sua diversidade de assuntos.

          Eu concluo ser uma questão de sinônimos - seria isto analfabetismo funcional? A maioria não conhece o significado de palavra alguma. Já tivemos ministro que disse: “Cachorro também é ser humano”!!!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

77- MINISTÉRIO DA COMUNICAÇÃO SOCIAL - Não é coisa de nacional socialista não. Acabei de ler uma pesquisa feita em Curitiba: 23% dos habitantes acreditam que globalização é um termo e uma coisa inventados pela TV Globo para se promover. Tenham dó deste povo!  “Hora do Brasil Educativa” na TV gratuita, já! 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

78- LUÍS NASSIF - Este colunista da Folha de São Paulo, um tanto vazio em suas funções de comentarista econômico, bem sucedido em suas aplicações pessoais, um grande economista na prática. Este homenzinho, pelos seus comentários vazios, me leva a supor que está na Folha, somente pelo seu poder econômico e ligações políticas.

         Li em algum lugar que o Quércia, que é proprietário do Diário Popular, rádio Nova e muito mais, também detinha 10% da Folha (Não tenho neste momento capacidade de pesquisa neste nível!), creio que por “outras mãos” ele tenha bem mais poder dentro da Folha.

         Não entendo porque o Nassif escreve. Ele tem poder de diretoria, deveria assumir um cargo às claras e parar de encher o saco!

         Não tenho nada contra ele, desde que não escreva suas historinhas de Poços de Caldas, MG, no Jornal de Resenhas.

         Nos últimos dias, antes do fechamento desta edição, parece-me que o homenzinho voltou a falar de economia, sua função! Já ia sugerir que ele fosse mandado junto com o chato do Sarney para a ABL.  

         Pensei em até excluir este artigo, pois já tem tempo que ele voltou à suas funções de colunista de economia.  Quando  "o Tico e o Teco" saírem para um merecido descanso, um jornal e seus jornalistas, por respeito ao seu público, devem no lugar da coluna colocarem um aviso: "Por motivos de força maior, fulano, deixa hoje de publicar sua coluna." Encher lingüiça - e o saco - jamais! 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

79- “CAGANDO E ANDANDO... ESTOU NAS MÃOS DE DEUS... SOMOS AS COBAIAS DE DEUS... SOMOS AS COBAIAS DE DEUS...” - Cazuza - 

          Ele foi um marco para mim, o primeiro homossexual que passei a  admirar como ser humano. Era excelente compositor e como “gay” não oferecia perigo. Não paquerava ninguém em público. Era extremamente consciente e sensato.

          Até conhecê-lo, achava que a AIDS podia estar sendo até útil, mas a partir de Cazuza... Foi uma pena, perdemos um grande sujeito!  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

80- MORTE DIGNA - Meu avô era um homem livre, nasceu filho de grande fazendeiro que por motivos, dos quais não me recordo (creio que dívidas para apoiar a revolução de 1932), faliu! Trabalhando como administrador de fazendas, formou os filhos em medicina, farmácia e outras profissões universitárias. Ao aposentar-se, tinha muitas casas de aluguel e um grande sítio, onde por hábito trabalhava diariamente sob sol ou chuva. Terminou a vida depois de 17 anos preso a uma cama, por causa de um derrame, e todas as humilhações decorrentes.

         Agora, assisto a um câncer enorme corroendo minha mãe, inoperável, e resistente a todos os tratamentos. O tumor bloqueia-lhe os rins e a hemodiálise se faz necessária. Sofrimento e sofrimento, e com a esperança apenas de mais sofrimento! Fraudas! Mal estar gástrico causado pelas drogas, dois anos de sofrimento e humilhações, como se a vida fosse uma imensa brincadeira de mal gosto, que ao final cospe-lhe na cara com um sorriso cínico!

         Não quero isto para mim, quero a morte com honra! Morrer lutando, com todo o meu poder físico e intelectual - intactos! E se a morte humilhante me rondar, quero o direito a um sono gostoso e profundo e dele não voltar mais...

        Você não vai morrer um dia!? Acha que estará livre de 17 anos na cama com fraudas!? Um acidente não pode levá-lo a qualquer momento à esta situação!? Quer iniciar um movimento pela morte digna? Só falo besteiras!? Participe: Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

81- HOMENS & MULHERES - Feitos uns para os outros, mas existem as diferenças causadas pelas áreas do cérebro mais desenvolvidas em cada um - e as diferenças de temperamento, causadas principalmente pelos hormônios. As mulheres têm mais facilidade para números, datas e a fala.  Creio que a área que interpreta as palavras também, o que lhes dá uma espécie de sexto sentido em relação aos homens. Interpretando mais rápido as palavras, formam, mais rapidamente, opinião sobre um desconhecido. Os homens, menos tolerantes, mais inquietos, encrenqueiros - principalmente na fase das espinhas  onde os hormônios são de mais e a vivência de menos - se matam com facilidade. Além da testosterona, um em cada dez tem algum excesso de ceratonina que o impele a comandar e não ser comandado. Têm mais facilidades para decorar caminhos e mapas, são mais inteligentes na média (não é machismo, é fato).

         São feitos uns para os outros. Só precisam entender suas diferenças. Com suas qualidades, se completam.

         Uma mulher quando pede a um homem, algo que ele não pode dar, ou quando ele percebe não estar “sustentando” adequadamente sua família, por natureza, se envergonha. É um convite para passar no bar, “encher a cara”, para amortecer a vergonha de si próprio e ganhar coragem para ir para casa novamente.

         No mundo moderno, as pessoas estão afastadas dos animais. Perdem um pouco a noção de comportamento ditado por hormônios e cheiros exalados (ferormônios). Eu tive um cão da raça Fila, estava com aproximadamente um ano e meio, quando arrumei-lhe uma companheira de dois meses de idade. Aos seis meses, nas cadelas de grande porte, vem o primeiro cio, mas como o desenvolvimento da cadela ainda não é total, recomenda-se o cruzamento só a partir do segundo ou terceiro. Ao observar o início do cio, separei a cadela. Observei então uma das cenas mais tristes da minha vida: Por um pequeno buraco no muro o cão tentava passar, já apareciam os ossos do focinho, estava todo ensangüentado, inclusive as patas. A cadela encostada a ele do outro lado toda receptiva. Soltei-a! 

         Os homens têm duas micro-glândulas na parte superior interna do nariz, que captam, quase inconscientemente, os ferormônios femininos. Isto colabora na atração, muitas vezes inconsciente, de homens e mulheres: Aquela colega de trabalho que não é seu tipo, mas que de uma hora para outra estoura uma atração enorme!?

         O cheiro da mulher amada faz um soldado adormecer em seus braços, em plena batalha, com balas e bombas por todos os lados. Ele se sente protegido.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

82- BILHETINHOS & CARTAS - Sou vencido pela timidez, quase sempre que pretendo dizer algo pessoalmente. Quase nunca as coisas saem de acordo. É como se eu fosse duas pessoas: Uma falando e outra escrevendo!

         Na comunicação direta, as reações e interrupções da outra parte quase sempre mudam a direção que, inicialmente, queremos dar a uma conversa.

         Acho que um homem pode sair de sua introspecção natural, muito mais facilmente, por escrito.

         Uma mulher pode satisfazer sua necessidade de comunicação por escrito, pois, na verdade, a mulher necessita comunicar-se, expressar seus sentimentos e não apenas falar como às vezes nos levam a crer.

         Em alguns momentos, a comunicação por escrito é fundamental para a sobrevivência de um casal, principalmente se estiverem brigados. Neste caso, a conversa pessoal quase sempre se desvirtua.

         Em geral, os casais e as pessoas  deveriam escrever mais cartas e bilhetinhos...

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

83- RESUMINDO - Não sou especialista, não vou me aprofundar, mas a seguir me arriscarei a algumas opiniões, dicas e fatos sobre o comportamento de homens e mulheres, objetivando a convivência pacífica e feliz:

         A mulher fala porque é mais sentimento. Nem sempre reclama, apenas desabafa.

         O homem é mais introspectivo, se fecha em seus problemas. Se a mulher faz um pequeno comentário sobre algo que não vai bem, ele desespera-se, tem a função biológica de detectar e resolver problemas. Problemas que ele resolve sozinho e fecha-se para resolvê-los. Ele não pode pedir ajuda, pois será menos homem!

         Eu, como todo homem, fico incomodado com conselhos, ouço-os com educação, mas inconscientemente, fico olhando para a saída - quero fugir dali!

         Dar conselho a um homem é como chamá-lo de idiota.

         A exceção é quando ele pede o conselho, ou que a outra parte tem a sorte de ele concordar. Pense bem antes de dar um conselho a um homem, se ele não concordar, ficará queimado.

         Enquanto um homem preocupa-se mais com as coisas materiais, acha bobagens certas coisas de mulher, as mulheres preocupam-se mais em relacionar-se. Elas precisam estar relacionando-se e de bem com sua comunidade.

         O homem tende a isolar-se com sua amada do mundo. Aquela história de ficar com uma “gostosa” numa ilha deserta para sempre é coisa mais masculina.

         Nas migrações, como estas do século passado, ir para terras distantes, as mulheres iam, geralmente, a contra gosto.

         É claro que têm as exceções para as coisas que citei acima e o que vou citar abaixo.

         Elas têm necessidade de dividir as alegrias e as tristezas, com o maior número possível de pessoas - com toda a sua comunidade. Ela precisa viver em um meio confiável, pois precisa relacionar-se.

         Quando uma mulher falar, ouça apenas. Sinta-se como se fosse uma “amiga”. Ela está apenas falando de seus sentimentos e, às vezes, de  problemas. Não está pedindo que resolva coisas.

         As mulheres gostam de elogios e gestos de carinho sempre. Precisam  sentir-se amadas, não só pelo seu parceiro como mulher, mas por toda a sua comunidade como pessoa.

         A mulher quer relacionar-se, mas às vezes o parceiro se fecha para resolver problemas, ficando difícil para os dois estes momentos - ele quer isolar-se e ela relacionar-se.

         Se possível, deixe-o no seu isolamento, ele está resolvendo problemas que acha que o casal tem, está na sua função biológica. Nestas horas, fica irritado se sua concentração é quebrada. Dias de isolamento significam que não está conseguindo resolver os problemas.

         Coisas como meditação, meses na montanha como Maomé, é bem típica masculina.

         Desde garoto, passo horas a resolver problemas do mundo, deixando os meus de lado. Parece até uma fuga, mas ali pelos 14 anos, eu passava horas acompanhando tudo, querendo entender e resolver a guerra do Vietnã! Sou um resolvedor nato.

         Os homens têm medo de compromissos, medo de falharem como resolvedores e provedores.  Muitas vezes, me pego paquerando legal uma “gostosa” e sem palavras para quem me era importante. Sem palavras e com medo daquelas que me levam a pensar em compromisso.

         O significados das palavras variam um pouco de pessoa para pessoa (veja no índice: 76 - www.ignorancia.com.br). No caso de homens e mulheres, até a interpretação de palavras essenciais como “amor” tem significados diferentes. Tenho convicção que se uma pesquisa for feita, digamos que numa classe escolar, haverá uma diferença de uns 20% na interpretação desta palavra entre homens e mulheres. Um homem ou uma mulher quer dizer algo, mas o parceiro interpreta diferente.

         Para um homem, realizar os desejos de sua família é como realizar seus próprios desejos. A felicidade de um homem ao ver sua família feliz é algo especial, sente-se recompensado, suas funções biológicas cumpridas.

         Erra quem imagina que na espécie humana, a função biológica do macho termina ao copular. Ele ainda precisa proteger sua família. Mais ainda: precisa que se orgulhem dele.

         Se quiser, dê uma olhadela no “Homens são de Marte e Mulheres de Vênus” de John Gray. Seus conceitos são bastante verdadeiros, mas depois das primeiras páginas, o restante é “enchimento de lingüiça”!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

84- EM MUITAS SITUAÇÕES A MENSTRUAÇÃO CESSA - Nos campos de concentração, creio, pelo esforço físico e baixa alimentação, aliavam-se, ainda, estímulos de que ali não era um lugar para procriação.

         Noutra situação, atletas olímpicas quase em geral param de menstruar, devido à musculação que gera produção excessiva de hormônios masculinos. Esta produção se dá naturalmente e a mulher “deixa de ser mulher” temporariamente - prepara-se para o combate - situações onde na natureza, talvez não existissem mais os homens. Elas, então, assumiriam suas funções. Para isto precisam de seus hormônios, que lhes dão a força e a coragem necessárias à função masculina na natureza.

         Onde quero chegar? Nós homens somos guerreiros cada dia mais contidos em nossas funções biológicas. Guerreiros reprimidos! Repressão, a funções biológicas - instintos ditados pela testosterona - aniquilam o homem, da mesma forma que a um animal na jaula.

         Nas grandes catástrofes, grandes guerras e afins, estamos preparados naturalmente. Somos impelidos para frente para proteger nossa prole, genes, e onde depositá-los!

         Desde meninos, nos envolvemos mais em confusões, morremos pelos nossos hormônios. Numa guerra, verás, muitos seremos voluntários! Vejam na história! Assistam “E o Vento Levou” - baseado na guerra de secessão americana.

         Devemos pensar, se não é o certo viver o homem, perigosamente, uma vida curta e intensa, como um Airton Senna ou um jovem soldado qualquer, sobrevivente ou não da guerra da Iugoslávia!? Uma vida mais curta e intensa, sem as drogas legais e ilegais!? Sem os analistas... Não afirmo nada disto não, apenas tenho a coragem de lhe perguntar...

         Não riam da nossa “macheza”- estamos programados pela natureza para defendê-las!

         Não queiram nos reprimir demais, o mundo não está livre de catástrofes e guerras, ainda somos úteis!        

         Não queiram fazer nos sentirmos mal por sermos assim... HOMENS!!!!!!!!!!!!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

85- O DIREITO E A CONFIANÇA - Duas pessoas de sexos opostos iniciam um relacionamento amoroso. Não se conheciam. Saem a três semanas, estão ainda a formar opinião um do outro, uma das partes, sempre atende ao celular e afasta-se para conversar - não discuto que isto é direito, mas e a confiança!?

         Todos têm direitos a segredos, conversas particulares, mas onde fica o relacionamento a dois!? E a imagem que se tenta formar um do outro!?

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

86- SOFTWARE GENÉTICO PRÉ-INSTALADO - Certas atitudes de um homem ou mulher, não são incutidas socialmente como herança cultural, e sim, biologicamente, como herança genética. Encaixa-se bem aquela história do casal de castores que separados dos pais ao nascer, criados isolados, um dia cortam árvores e fazem um dique. Este dique terá entrada subaquática para seu ninho protegido. Irão “transar”, terão filhotes e  os amamentarão. Quem lhes ensinou isso!? É pura herança genética.

         Os psicanalistas perdem muito ao confundirem herança genética com herança cultural. Não somos selvagens, não somos somente instintos, isto é claro, mas quando vamos fortemente contra nossos instintos, nos estressamos e a vida perde o sentido. Nesta hora, precisamos dos psicanalistas que tentam nos convencer a viver de outra maneira. Lá ficamos por anos infelizes. Acabamos nas drogas legais ou ilegais... Com ou sem receita médica.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

87- RESUMO DE NOSSOS TEMPOS - Os marqueteiros nos incutem tantas necessidades que uma família precisa de dois, três ou mais provedores para satisfazê-las. Os filhos são educados por professores, baby sitters e pelas avós - isto mesmo no feminino! - hoje em dia, elas também são separadas. Trabalha-se além da conta.

         A democracia é ditatorial, tudo se proíbe, no lugar de se regulamentar.

         A sociedade se comprime, reprime; gangues e “torcidas” explodem! Cigarro, prostituição, drogas, armas, contas a pagar, altas metas auto-impostas, segurança, insegurança, informação, desinformação e o pior: a contra-informação!

         A diversidade de idéias lado a lado: religiões, política, homossexuais, skin heads, pit bulls violentos, poodles inúteis, cocô, novas doenças, stress do risco do terror tecnológico: seja nuclear, biológico, cibernético ou químico.

         “Produções independentes”, mídia centralizada, Internet libertadora!?

         Ao assistirmos TV gratuita, as riquezas pagas de um mundo de sonhos distantes: Peitos, bundas, corpos e caras de um mundo de sonhos.

        Há 300 anos, apaixonávamos por pessoas físicas. Hoje por imagens ou fotos de ideais de um perfeccionismo quase inatingível. Nossos parceiros são apenas “quebra galhos”!? 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

88- UMA LEGIÃO DE COITADOS - Observei o fato: homens, após a separação, geralmente passam a ter um padrão de vida inferior ao das mulheres - eletrodomésticos, carro, vida social, clubes, passeios, tudo piora para o homem em relação à mulher. Na imensa maioria das vezes, é a mulher que decide pela separação; na maioria das vezes, é um momento financeiramente difícil  para o homem. A mulher decide-se a sair, geralmente, na certeza de vida melhor: Pensão, casa dos pais, trabalho, ou parceiros novos com dinheiro para gastar. Quase sempre, a mulher decide-se pela separação; quase sempre, os homens saem prejudicados. Um dia clamou-se pelo direito das mulheres, hoje, clamo pelo direito dos homens! Tem algo de errado na interpretação das leis ou nas leis. Têm falsas vítimas nesta história! 

         Vi na rua Das Palmeiras, uma mulher espancando um sujeito: Era cada “murrão” que estalava, deixando o rosto dele vermelho e inchado. Ia formando-se uma roda de curiosos. Ela batia com toda sua força, até que “plaf” - acertou-lhe um “pé do ouvido”  os tímpanos dele devem estar doendo e zumbindo até agora - então ele revidou, eu revidaria, o papa revidaria! Deu-lhe uma pancada em legítima defesa. Foi uma sangueira só. A polícia chegou e o sujeito saiu de lá preso!  Ora!  A mulher se descontrola, espanca o sujeito, ele agüenta firme; quando ele se descontrola é preso!?

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

89- O DESTINO DOS TEUS FILHOS!? - O número de adolescentes gays dobra a cada 10 anos, é a falta de perspectiva para estes meninos, que têm seus instintos e funções biológicas reprimidas.

         Reprimindo as funções biológicas do macho, seus índices de testosterona caem.

         As mulheres, hoje, são maioria numérica, seu voto pode dar perspectivas melhores a seus filhos.

         Antes, estes meninos possuíam parâmetro familiar, hoje,em mulheres arrogantes e homens humilhados. Então, eles pensam: “É este meu destino!?”

         Por tudo, culpamos os problemas econômicos de nossa população, mas então, deparamos com uma pesquisa recente na Inglaterra diz ser o problema, o excesso de riquezas acumuladas pela população. Esta riqueza leva ao ócio, não  precisa-se mais garantir o futuro. Para uma mulher, creio que tudo bem, mas para um homem!?

         Os pesquisadores ingleses (é de lá que vem as pesquisas dos adolescentes gays) pensam que isto é novo. Há 30 anos, a Suécia detinha o mais alto índice de suicídios do mundo - e era o país mais desenvolvido socialmente na época! Não somos feitos para ter nada de “mão beijada”!

         Onde está a função do homem hoje!?

         Se alguma pesquisa for feita, veremos que o número de senhores gays mais que dobra a cada 10 anos, trataremos disto mais adiante na139 - RUA DAS PALMEIRAS”.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

90- PONTO DE EBULIÇÃO - A violência que aumenta, na riqueza e ou na pobreza. O número de gays que dispara - e  ninguém ousa suspeitar da anormalidade disto!? Uma população que consome cada vez mais drogas, com ou sem receita; um mundo que se acostumou a analistas: todos somos desajustados e precisamos deles!?  Não dá para desconfiar que há algo por trás disso tudo!? Junte os dados: Não é a riqueza e a distribuição de rendas que resolvem, está aí o caso da Inglaterra e da Suécia. Nestes países, os índices de suicídio e vandalismo violentos desmentem a tese da pobreza. Concluo que, apenas e tão somente, é a repressão das funções masculinas na sociedade moderna.

         A imagem futurista dos filmes de ficção, onde os países se unem em um só governo, gangues e bairros se enfrentam, e a violência  dissemina-se. Tudo isto parece ser apenas a observação “Maquiaveliana” do futuro. Caminhamos a passos largos nesta direção!

         Os "holligans" , os "corinthianos"  e as gangues demonstram que os homens, digo os machos diante do marasmo, criam problemas para resolvê-los!

         Proibir “torcidas” não resolve, a fervura está dentro de cada um. Precisa-se “canalizar” todos os pontos de ebulição: Cada gangue ou torcida deve ser legalizada e registrada. Competições e tarefas criadas - através delas há a possibilidade de educar e, até ganhar dinheiro legal.

         Uma “gangue” ou “torcida” será então uma “ONG”, quem sabe torne-se um partido político, ou uma “cooperativa de trabalhadores”, ou ainda torne-se uma lucrativa empresa.

         Organizem e legalizem a testosterona destes meninos...

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo  


 

91- MÃES COVARDES E A CRIMINALIDADE?! - Elas estão diretamente relacionadas ao aumento da criminalidade. Estas tão faladas mulheres, "fortes e independentes", desta tão falada nova sociedade matriarcal - são em grande parte apenas meninas trintonas ou quarentonas covardes! Por carência e medo da velhice solitária, põem "bichinhos de estimação" no mundo. Filhos, como se fossem poodles!

         Presencio muitos casos à minha volta, próximos do círculo familiar,  mães carentes que cedem à chantagem do filho, por medo de perdê-lo. Mãe que aceita a filha de 16 anos usando drogas e namorando traficante preso. E ainda, a deixa visitá-lo na cadeia! Uma filha que sabe quanto e para que a mãe precisa dela, e a muito percebeu que ela não tem brios para colocá-la nos eixos. Mãe que já até tentou fazer algo, mas acovardou-se diante da possibilidade de desagradar a filha e esta lhe virar as costas e, restando para si, ter uma velhice só. Mães que não têm os necessários culhões para educar um filho! 

        Um pai preferiria se arriscar a perder a filha, a ter uma viciada e mulher de bandido dentro de casa - uma morta viva!

        Mães que, como única atitude, para aliviar a consciência, talvez, procuram no máximo uma psicóloga para a filha - safada, mulher de bandido,  sabe que é só preciso ouvir a psicóloga, e fingir que concorda; e tudo bem, então é só continuar sendo mulher de bandido!

         Brio, culhões e testosterona ainda são úteis em um lar!

         Mães covardes; são estas as grandes responsáveis pelo aumento, sob a riqueza e ou pobreza, do "inexplicável" aumento da violência!

          Homens covardes, idem! São covardes os que, por medo de serem expulsos de casa, pela nova sociedade, calam-se, omitem-se!

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

92- COMER E MORAR É CRIME!? - Absurdo, ser preso por comer e morar. Esta é a máxima de advogados e juízes de vara de família, para definir se um cidadão pode pagar pensão alimentícia - “Ele come!? Ele Mora!? Sim! Então tem como pagar! Ou paga ou cadeia nele!”

         Duvido que a lei seja esta, mas o que vale é a jurisprudência criada por juízes “botocudos”.

         Na grande São Paulo, o desemprego chegou a 20% em 1999; em São Bernardo do Campo, a 30%. Imagine que sufoco passaram os moradores separados, desempregados, do sexo masculino, negros, com mais de 40 anos e sem segundo grau!?

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

93- UM PEQUENO EXERCÍCIO DE FÍSICA - Uma força de 1 Kgf  age em sentido oposto a outra força de 1 Kgf, qual o resultado destas forças?

          Há casais que se anulam, simplesmente!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

94- FALTA DE ATITUDE - O mesmo raciocínio serve para os sentimentos antagônicos, esses levam ao stress. Sua vida pára e você se desgasta.

         O stress basicamente é a falta de atitude diante de situações antagônicas, você fica na dúvida do que fazer e pára. Pára atolado na lama!

         Está bom com a esposa e a amante? Não está!? Tua vida está ficando um inferno!? Pense que ela está até boa agora Mais um ano nesta vida, sem tomar uma atitude e você estará um lixo! Já não terá condições de raciocinar corretamente, ficará doente, muito doente, talvez doença irreversível. Tome uma atitude racional no começo do stress, mas se você já se acomodou nesta dúvida angustiante, pense na máxima dos anarquistas: “Renascer das cinzas!” Se for preciso tome uma atitude qualquer. Jogue tudo para cima que a natureza resolve!

         Você querendo ou não, a vida vai levá-lo a situações de stress. E você vai tomar atitude no melhor tempo!? É o que eu desejo!

          Vou insistir nesta tecla e falar de um imprevisto estressante na vida de um casal: Ele com um monte de diplomas do tipo sociologia, uns 40 e poucos anos, “falido” de “fabriquetas”. Ela uns 20 anos, de classe média alta para lá e com parentes ricos. Casaram-se, ou juntaram as trouxas. Montaram uma “fabriqueta” de malhas em Petrópolis, RJ. Eram felizes, percebia-se! Planejaram um filho, vieram dois. Que felicidade! Após o segundo dia, perceberam que um dos garotos não evacuava. Nasceu sem o ânus, sem a musculatura e terminais nervosos necessários para uma recuperação cirúrgica. Iniciou-se uma batalha! Ela aceitou ajuda da família, para os melhores médicos. Aproximou-se da família em Goiânia. Ele, naquela situação, não tinha como tocar o trabalho. O casal que ia bem isolado, agora precisava relacionar-se com a família dela. Ele era machão! Aquele negócio de ouvir palpite dos outros nunca lhe caiu bem, quanto mais aceitar ajuda. A situação que estava ruim para o casal, tornou-se estressante por anos, até que tudo se rompeu! Ele mais uma vez falido e sem família. Jogou tudo para cima e foi para Rondônia no início, na criação do estado. Foi atrás de um pedacinho de terra da Reforma Agrária. Conseguiu emprego como professor primário em escola federal. Logo no início da Universidade Federal de Rondônia, tornou-se professor. Conseguiu sua terrinha e está de família nova, enchendo uma chácara de filhos. Renasceu das cinzas! - Espero que esta história esteja bem contada, ele é um dos meus heróis, EDGARD, meu tio caçula.

         Moral da história: Jogou ou foi jogado para cima, mas caiu em algum lugar, bateu no chão, ricocheteou, arranhou-se, rolou pelo chão e parou em pé!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

95- N. A. - Os Neuróticos Anônimos são mais ou menos como os A. A., uma instituição séria, voltada à recuperação de pessoas em frangalhos que procuram viver, uma instituição séria, voltada à recuperação de pessoas em frangalhos que procuram viver, outra vez, normalmente. São instruídas que, no momento devem pensar em si, pois sua própria existência como ser digno está em jogo. Devem, no momento, estar conscientes de sua fragilidade. Os outros virão depois.  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Tenho feito tudo apressadamente nos últimos 20 anos. Espero, desta vez, fazer o certo Adiante, parte da história desse livro:

96- GRITOS DE SILÊNCIO - De repente, meus filhos parecem não precisar mais de mim, passou se muito tempo. Sou um estranho para eles, e eles quase o são para mim. Próximo de 100 dias atrás, este pequeno livro começou de uma tentativa para me reaproximar, e me explicar com eles. Arrebenta meu coração vê-los  supondo-me idiota, sinto o peito aberto, uma angústia que talvez só consiga transmitir para quem assistiu “Despedida em Las Vegas”. Principalmente, para quem entendeu a cena onde ele está rindo e alegre no cassino, e então vem a imagem do filho à cabeça. Nesta hora, ele grita, fica fora de si. A lembrança do filho, daquilo que um dia foi sua família e sua razão de viver - agora só é relacionado com a dor que o está levando ao suicídio.

         Este filme foi uma apologia à vida, ele viveu, foi feliz, despediu-se da vida, homenageou-a, não tinha mais chances de ser feliz com as lembranças que carregava. O Nicolas Cage ganhou o Oscar, que talvez seja o Oscar do Milênio.

         A imagem dos meus filhos me causa hoje, o que a imagem do filho causava ao personagem. Muita dor, uma dor que tem que passar de qualquer jeito. É insuportável!  

         E agora? Pode parecer estranho, mas sempre vivi para eles. E agora? Enjeitado pelos filhos, aos 44 anos... Reciclar tudo, ocupar a mente, aprender, procurar objetivos para a vida. Evitar a depressão...

         Para minha família, sou um idiota. E esta imagem foi passada para eles, meus distantes e queridos filhos. Sou um idiota!?

         Grito o tempo todo, neste enorme silêncio dos desacreditados e desmoralizados. Com quem falar? Como me fazer entender?

         Não adianta querer correr e tentar fazer algo rapidamente. Foi isto que fiz minha vida toda, vou me reciclar e esperá-los mais adiante. Se precisarem de mim, estarei lá!

         Não posso presenciá-los me tratando como idiota, minha auto-estima não está tão boa assim. Vou me afastar mais um pouco, quem sabe mais um ano, estou escrevendo esta “carta” desde dezembro de 99, hoje, em 19/2/2000, nove páginas de Word escritas em noventa dias - 44 anos, falido, desempregado, sem ao menos o Segundo Grau. Me daria bem como vendedor, mas sem carro, o ligamento cruzado e meniscos estão estourados, preciso de uma cirurgia e os hospitais públicos me enrolam...

         Que pai não gostaria do reconhecimento dos filhos!? Espero emplacar como escritor e/ou mediador. Acho que levarei no mínimo mais 90 ou 180 dias para acabar este livro. Como chegar até lá? Inspiração sob pressão!? Será que consigo!? Que tamanho mínimo tem que ter um bom livro? Vou completar alguns textos lá atrás. Devo imaginar que estas nove páginas são uma espécie de sinopse que devo completar, um roteiro de filme que transformarei em livro.

         Lendo “Histórias de um Assalto”- está dentro do "162 - REDAÇÃO" -  no final desta edição, entenderá a dificuldade de comunicação que às vezes há entre os seres humanos.

         Sob pressão, escrevi na data referida cinco páginas ótimas, mais de 50% do que escrevi em noventa dias, acho que vou conseguir... 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

97- SILÊNCIO DOS INOCENTES - São crianças, não têm culpa de eu gritar de dor cada vez que penso neles. Sei que minha inexplicável ausência pode estar fazendo estragos. Se ficar perto, não agüento; se tenho contato por telefone, me lembro que fracassei -  estão tendo uma educação muito abaixo da necessária. Talvez nunca possam me entender. Por me culpar de ter tido muito melhor educação que eles, me afasto, corto laços, vínculos e notícias...  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Nunca li inteiro um livro de poesias, escrevi o texto abaixo como prosa. Percebendo nele muito conteúdo, carga emotiva e alguma sonoridade, fui cortando palavras dispensáveis, e transformando-o em poesia narrativa de estilo livre. Gostaria de sua opinião a respeito e peço, antecipadamente, desculpas aos poetas pela ousadia:

98- E A POBREZA ERA TANTA...

          A miséria e dificuldades de viver, tantas, 

                   se alguém de vida abastada  os visse,  

                           interpretaria-os, apenas, 

                                    suburbanos grosseiros!

          O pai, 13 horas diárias de locomoção e trabalho, 

                   carga física, tensão - isto para manter a família - 

                           por anos, minam-lhe forças! 

          Quem o vê “de fora”, no sofá, sábado, domingo, 

               vezes pavio curto - gritando - 

                  certamente errará entender do que vê. 

         Roupa melhor não vê há anos, 

                       não tem direito, 

                                       falta também aos filhos!

         Digamos, ter ele ciência:

                filhos, sub-educados, 

                      mal acompanhados, 

                           esperará momentos piores!

         Sua mulher já entregue, 

                não liga para nada, 

                       por vezes grita de longe,

                                 nem mesmo se “mexe” mais!

         Necessitam dentista há tempos! 

                       A mãe tão bonita, arrumada,

                               perde um dente e hoje, descabelada, 

                                             não se arruma, jamais!

         O garoto, tênis rasgado, 

                 vê amigos de roupas e carro,

                 “pegar”, desrespeitosamente, 

                      sua mais linda paixão!

         A menina, “sem roupas”, agora “veste-se”! 

                Diz: "Emprestei das amigas!".  

                            Garotos e homens mais velhos, 

                                        estes com carro e dinheiro,

                                               para o que a vida tem de melhor!

         A pobreza e desesperança, tanta, 

                quem olha de fora e de cima não vê! 

                       Apenas suburbanos grosseiros...

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

99- A HORA DE PARAR - Sempre fui hiper-ativo, workaholic. Esgotar-me no trabalho, dirigir no limite, mas com segurança - sempre fui consciente da hora de parar. Do extremo da hiper-atividade me vem um sinal de “pare”, começa a me dar “brancos”. Certa vez, tive que dar uma carona para minha então sogra. Eram umas 22 horas. Disse a minha "querida" esposa: “Não estou em condições!” Pareceu a ela ser pouco caso meu. Na época, eu tentava fazer as pazes com a sogra. Não discuti, coloquei o sorriso possível na cara e fui adiante. Meus filhos e minha esposa foram juntos. As luzes me incomodavam, era aquela fotofobia causada por stress - Passei um sinal vermelho, foram somente buzinas e “pneus”... Graças!  

         "Ouça" seus sinais, nunca se esqueça de valer mais um herói descansando para a próxima batalha a um "burro" morto!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

100- A VERDADEIRA PRISÃO - Cadeia não é castigo para muita gente. Fazem amizades, têm vida social, vão vivendo. Higiene!? Muita gente não sabe definir esta palavra. Vale pelo isolamento do elemento, que deixa de ameaçar a sociedade. Conheci ex-detentos, que não esquentam muito em voltar.

         A verdadeira prisão está no isolamento. A pessoa é livre, mas não se interessa por nada, nem por ninguém. Deprime-se, suicida-se!

         A cadeia é algo em que as pessoas de baixo nível sócio econômico cultural se adaptam facilmente.

         É como se a mesma pena fosse maior para as pessoas aculturadas. Torna-se quase impossível sociabilizarem-se e acomodarem-se naquele mundo.

         Muitos voltam voluntariamente à cadeia após uma fuga, não por consciência social, e sim por acharem que lá dentro é melhor que fora. Deduz-se que cadeia não é pena para eles. A Cadeia deveria ser algo temível, portanto, não se cometeriam crimes por temê-la.

         E quem não a teme e gosta dela!?

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

101- DOLOSO X CULPOSO - Acabara de me casar e, apesar dos 24 anos, era um garoto bobo. Era domingo, ali pelas 11 horas da manhã, fui ao boteco da esquina com dois vasilhames de coca. Tranqüilamente, coloquei os vasilhames sobre o balcão. Enquanto o “botequeiro” abaixava-se para pegar as vasilhas cheias, escutei um urro. Olhei para trás assustado: Um sujeito lutava com o outro que estava com um taco de bilhar nas mãos. O cara ia destroçar meus miolos porque precisava do meu lugar para jogar e não quis ou não sabia pedir licença! 

         Há alguns anos, o dono da pensão Itália, em Araraquara, colocava um bêbado para fora: bêbado para dentro, bêbado para fora, bêbado para dentro - Zás! Deu uma pancada no “bebum” com a trava da porta, aquela que se coloca por dentro em portas de folha dupla. O azar do “bebum” foi que o dono da pensão, educado como uma moça, no único momento que perdeu a cabeça na vida, estava ao lado de um “porrete”!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

102- SALVO PELO GONGO - Pelos meus 15 aos 17, ou 18 anos, foram-se muitas loucuras. Roletas paulistas sem ser consultado, sem a opção de descer. Passeava com um amigo muito doido, repentinamente ela se iniciava: cruzava-se as avenidas Sete de Setembro e 36 em Araraquara com o pé no fundo, uns 12 cruzamentos, mesmo para uma cidade do interior há 30 anos o perigo existia.

         Três a cinco carros pela estradinha de terra que ligava Araraquara a Rincão nas madrugadas de domingo, sempre alguém capotava. Soutiens amarrados na antena, garotas abandonadas nuas pela noite. Entravam, voluntariamente, num carro com cinco ou sete garotos, cujo objetivo não era só transar. Era demonstrar coragem, imaginação e maldades. Nunca participei mais ativamente, graças a uma boa educação e ótima índole.

         Aos 17 tive um atrito com meu pai e me alistei, perdi o contato com a patota. Graças!  

         Tive sorte de sair ileso e íntegro desta fase de pouca cabeça e más companhias. Tive amigo que perdeu a perna e outro uma vista por molecagens! Outro capotou a 1ª vez, 2ª vez e saiu rindo, na 3ª tirou um carro zero na Concessionária Afonso e bateu num poste no viaduto na UNESP 3 minutos depois, bateu a cabeça tão forte que nunca mais ficou 100%.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

103- SALVO POR UMA ARMA - Tinha uns 19 anos, minha cidade proibia a instalação de motéis em seu território. Andava-se alguns quilômetros e entrava-se num canavial qualquer. Um amigo e sua namorada haviam sido assaltados e ambos “seviciados”. Mas as necessidades físicas imperavam, eu já havia experimentado a “fruta”. Fui para um canavial, era uma tarde de domingo, parei num “carreador” sem saída - terminava em um morro. Havia emprestado a arma de um amigo, era um “Colt”, a arma dos filmes “cowboy”. Enorme, creio que era um 44.

         Durante o "serviço", um caminhão enorme encostou bloqueando a única saída. Desci pelado e de arma na mão. Desci assustado, constrangido, sem nenhuma convicção. Os quatro sujeitos perceberam e abriram a roda trocando olhares. Percebi que iriam me desarmar, então fiquei bravo e convicto - apontei nervosamente para um e outro - recuaram. Ao entrarem no caminhão, temi que pudessem jogar o caminhão sobre o carro. Subi na capota para ter ângulo melhor - A namorada chorava abaixada no carro. 

         Certa vez, foi engraçado: Madrugada gelada, escura e cheia de neblina. Numa estradinha de Américo Brasiliense, passaram a mão gelada na minha b... e saíram rindo. Pode parecer piada o que vem agora, mas podem ter salvado minha vida. Era uma gorda forte que apertava meu rosto contra seu “tórax”, vamos assim dizer e eu me sufocava, já estava parando de lutar...

         Moral da história: Ainda hoje, proibimos muitas coisas que deveríamos regulamentar e legalizar.

         Esse conceito de menor não entrar em motel, não poder dirigir e de maioridade aos 18, não está com nada! Só traz perigo para a “molecadinha”.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

104- A LEI, ORA A LEI! - A lei do salário mínimo já tem mais de 60 anos, e estipula que no mínimo as pessoas têm que ganhar o equivalente a satisfazer as necessidades básicas de moradia, alimentação, saúde, transporte e educação de uma família. Por lei, o salário mínimo deveria ser de, aproximadamente, U$ 500,00. Em 60 anos, não se conseguiu cumprir a lei.!?

         Os abortos são proibidos em nosso país, no entanto, todos sabem que mais de 2 milhões são praticados todos os anos em condições precárias e, às vezes, humilhantes para jovens seres humanos - brasileiras!

         Deve-se pensar bem as leis, revogar as que não pegam e legalizar aquilo que as necessidades da população tornam prática cotidiana. Uma moralização das leis se faz necessário. É ridículo: lei inexeqüível, a  60 anos, continuar existindo; assim como práticas comuns e necessárias à maioria da população não serem regulamentadas por lei.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

105- CHAME...CHAME...CHAME O LADRÃO!? - A lei da proibição de armas, sob o ângulo de quem mora em bairros como Moema, em São Paulo, com 2 assassinatos a cada 100.000 habitantes/ano; ou sob o ângulo de quem anda com seguranças e carros blindados; ou ainda, de moradores de pequenas cidades do sul, organizadas e ricas - Sob estes ângulos - beleza! - Esta gente teme a queda da bastilha. Com todo o poder que têm, temem os cajados nas mãos dos menos favorecidos.

         Esta lei é pura segregação social. Quem tem dinheiro contrata pistoleiros modernos, chamados agora seguranças.    

         Pode ter armas e muitas, quem tem dinheiro para contratar quem vai empunhá-las.

         Digamos que estou em um bairro médio, destes onde vive a maioria dos brasileiros, alguém quer me matar - estes que matam mesmo e por motivo fútil -, estou morto!

         Digamos, que eu veja os “caras” pulando a grade e vindo em minha direção, ligo para a polícia.  Eles aguardarão os 5 minutos ou mais que a polícia demora!?

         Digamos então que eu saiba da ameaça e procure, como eu procurei a DHPP, Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa. Lá, fui comunicado estarem a mais de 15 dias sem delegado titular e, objetivamente, não poderiam fazer nada, se quisesse,  poderia fazer, no máximo, uma ocorrência - se fosse realmente sério, deveria me cuidar.   

         Dentro da DHPP, meu celular tocou, os pilantras estavam com meus filhos em Araraquara. "Não fizeram ameaças", só disseram que estavam com meus filhos.

         Atendi o celular na frente do investigador, que entendeu a conversa. Diante de uma delegacia impotente, desisti - Isto se passou por volta de maio de 1999.

         Fazer o quê? Me integrar a uma gangue!? Participar de uma grande quadrilha para estar socialmente integrado e ter a possível proteção no subúrbio!?

         Pensa que é só nos morros cariocas que se chama o ladrão para se proteger!?

         Eu estava em um momento financeiramente difícil, atrasando todas as contas, mas longe de insolvência. O locador do imóvel da fábrica me ameaçava e dava tiros nas vidraças. Um “locador” de armas pesadas para assalto assume as minhas dividas com meus funcionários - "Agora você deve para mim!". E eu, com síndrome do pânico!

         Quis parcelar umas contas. Em meses, tudo estaria em dia, mas, alguns queriam receber na hora...

         Cheguei a tomar meia caixa por dia de Rohypnol e Dormonid misturados. Zerei, perdi tudo. Me tomaram coisas, outras vendi por 10% do valor, outras abandonei em mudanças às pressas. Hoje, dois anos após o início desta fase, ainda temo pela minha vida. Me meti com pessoas que não acreditam em leis, não resolvem nada na justiça e não esperam você chamar a polícia. Se chamá-la,  e tiver a sorte dela chegar, arrume suas roupas e peça escolta para fugir. Não esteja lá depois da saída da polícia.

         Um menino de 16 anos que se orgulha do pai ter uma grande e estruturada quadrilha - é marceneiro da prefeitura para manter as aparências. Um carro e uma casa simples, mas tem investimentos em Minas.

         Uma senhora diz com orgulho que o pai e o irmão são matadores - o pai no Maranhão e o irmão em Assis, SP.  

         Uma professora que descobrindo minha 150 - SÍNDRÔME DO PÂNICO me aterrorizou.

         Um cidadão, ex-PM de Santos, tem mais de 50 imóveis em São Paulo em nome de várias identidades frias (mortos). Monta negócios com “laranjas” e depois se a coisa esquenta some com o “laranja” para queima de arquivo.  Quando se está em dificuldades, estas pessoas se aproximam, propõem esquemas milionários; se não aceitar, elas te queimam, pois se expuseram e agora você entrou para o time dos que sabem demais.

         Desarmamento!? Primeiro organizem as polícias, atendam as necessidades básicas da população, caso contrário soa como medo de queda da bastilha...

ESCREVI ESTE TEXTO EM 1999. NÃO CONHECIA SANTOS SP. Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

106- JUNTO COM TUDO ISTO - Uma garota vai drogada a uma delegacia, faz uma ocorrência de abuso sexual. Estava tão drogada que consta observação em seu próprio boletim. Depois, confessa-me que estava sob  pressão da mãe; eu estava “quebrando” e ela precisava sair com “algum”. Fui processado, a escrivã estava instruída por uma deputada, “Delegada Rose” a me apertar. Tenho fitas K7, transformadas para formato MP3 e guardadas em 3 “hostings”. Nestas fitas, a escrivã me pede um carro para encerrar o caso. O processo não deu em nada, pois não tinha pé nem cabeça, mas me marcará para sempre!

         Se te “armarem” 10 processos sem fundamento - policiais e escrivães te chantageiam, pedem um dinheirinho por fora, mesmo para evitar indiciamentos, sem indícios - se for processado e absolvido 10 vezes, mesmo assim será condenado a andar para sempre com uma fixa criminal enorme e ser tratado como bandido!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

107- O CÍRCULO MORTAL - Um monte de fofocas, funcionários divididos em 3 panelinhas, uns falando dos outros, um “diz que me disse” insuportável. Concorrentes freqüentando seu estabelecimento.  O Caixa não batia nunca, controle de estoque por meses não funcionava, mesmo com a troca de profissionais de informática. Toma uma decisão radical: manda todos assinarem declaração de ciência de instalação de escuta ambiente e telefônica.

         Crê terem achado a telefônica, e não encontrando a ambiente e câmeras, acharam ser blefe. A câmera era realmente um blefe, mas a escuta ambiente era real.

         Uma “italiana”, metida, ex-funcionária do locador do imóvel da fábrica, o Sr João Ribeiro, começa a contar do golpe que ele deu com um “laranja” através de uma empresa de turismo na Av. São João: Deu Polícia Federal e tudo mais, ele tinha imóveis em nomes fantasmas, havia matado fulano e sicrano por disputas trabalhistas, possuía um sofá recheado de armas, ele dava constante o golpe da cooperativa de trabalho. Conta ainda ter vendido informações de imóveis dele para a penhora numa ação na justiça do trabalho, e para a própria esposa do JR, que desconhecia a quantidade de imóveis e o nome dos fantasmas. Desesperado, puxa o transmissor Motorola debaixo da estante. Diz a ela que era “fria”, pois muitos seguranças da região da Rua 25 de Março estavam na escuta, e havia gravação automática no porta malas de um carro nas imediações. Disse não querer saber nada daquilo e ela podia estar os matando. Ela mostrou-se segura que nada iria acontecer, mostrou até desdém.

         Devia chantagear o fulano, e ter provas guardadas em local seguro! Era uma moça que não tinha nada e passou a ter dinheiro para a faculdade, carros e etc.

         Encrencas e gente ruim não faltavam a sua volta...

         Não é só no cinema que alguém se envolve em tramas da qual não quer participar!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

108- UM CORPO QUE CAI - O “corpo” de um homem é atirado sobre uma lona - ele acaba de ser  asfixiado com  plástico. Creio, devido a pancada no peito, seu coração volta a bater. Seus algozes colocam seu “corpo” em um avião - Vamos chamá-lo de Golbery.

         Golbery volta à si de bruços, enrolado na lona. Pensa de início em um caminhão, mas o avião trepida muito, faz muito barulho e ao mesmo tempo é suave. Diante de si, vê algumas mochilas - serão pára-quedas!? Sente pelo vento e pela claridade que a porta do avião se abriu. Tentam economizar a lona - desembrulham o “pacote”, então Golbery puxa a “mochila”, rola o corpo e despenca na imensidão.

         Parecia ser daqueles bimotores usados por pára-quedistas. - “Isto tem que ser um pára-quedas! Em algum lugar tem algo para puxar!”

         Lágrimas provocadas pelo vento atrapalham sua visão. Tenta vestir a "mochila", tenta achar a cordinha. Tem receio de não dar tempo, enrosca os pés e as mãos e começa a puxar tudo - Vem um pára-quedinhas - "Será uma brincadeira!?" O pára-quedas funciona. Freia bruscamente, suas mãos escapam, fica preso por uma perna. Consegue erguer o corpo e segurar com as mãos. Com uma perna e as mãos agarradas, toca o solo de costas. Desmaia!

         Escuridão absoluta. Sente dores, formigamentos. “Água!? Barulho de água!?” Está confuso: “É noite e está chovendo!” Tenta levantar-se, mas nem mesmo consegue virar-se - a dor é tanta que corta-lhe a respiração. Mexe as pernas e os braços. Fica contente: “A coluna parece intacta!”. Era mais seguro não se mover naquela escuridão.

         Amanhece o dia, sente-se lúcido e forte. Já conseguiu virar-se, está engatinhando de cotovelos e joelhos. A dor aborta-lhe por vezes os movimentos e a respiração.

         “Virão à minha procura ou estarão à minha espera?” No pára-quedas algumas iniciais e a palavra “Jundiaí”. Estaria perto de Jundiaí e o avião teria partido do aeroclube de lá!? Jundiaí é uma região populosa, logo encontraria alguém...

         Não sabia quanto tempo aquilo iria durar, não poderia enfraquecer, lembrou-se dos ensinamentos de sobrevivência na selva e iniciou a ingestão de grandes e azedas formigas.

         Às suas costas, subida e neblina, à sua frente descida e tempo melhor. Optou por descer. Dois ou três quilômetros adiante, já na parte baixa, o sol se põe. Um córrego, um fio de água. Precisa de uma posição para passar a noite.

         Ingere bastante miolo de capim, é doce, faz lembrar palmito.

         Pernoita sobre uma pedra...

         Amanhece! Anda um pouco córrego abaixo, adiante, ao longe avista linhas  e torres de transmissão. Logo adiante, depara-se com um grande rio e uma região pantanosa. Às costas, paredões e montanhas imensas; à frente, rio e pântano. Ali deveria ter jacaré!

         Montanhas muito altas e pântanos!? Com certeza não era Jundiaí!

         Passa o dia capturando e comendo guarús - espremia os intestinos para expeli-los, dava uma agitadinha na água e pronto. Descobre uma planta aquática com jeito e gosto de agrião - “Haveria como patentear esta descoberta!?”

         Dentre muitos rastros de animais, acha pegadas de onça. Mais uma noite cai...

         Golbery estava agarrado ao galho de uma árvore, quando ouviu tiros e viu luzes ao longe: “Serão meus algozes!?” Deveriam ser caçadores! Arrisca-se: “Fiuuuu! Fiuuuu!” A voz não saía, pelo frio e dias sem escovar os dentes.

         Silêncio absoluto. Aos poucos os sapos voltam a fazer barulho. Voltam a silenciar...Um forte holofote nos olhos do Golbery: “Quem é você? O que faz aqui?”.

         Eram bancários, lojistas, PMs e aposentados de Bertioga, SP. Dois barcos, duas capivaras, walk-talkies, equipamentos para visão noturna, armamento pesado, fuzis militares...

         Golbery faz um resumo da história. Então o cidadão de bigode, que depois soube ser um PM, relata aos outros, terem estado lá “civis” perguntando por alguém, cuja descrição batia com a dele, mas que percebeu ser algo “particular”.

         Golbery toma Coca, come sanduíche de mortadela e toma uns goles de cachaça.

         Devido ao local e o montão de irregularidades daquela turminha, estava preocupado em ser “desovado” por ali mesmo. Resolve então conquistar corações e mentes: conta sua infância rural, seu amor por armas e suas caçadas.

         O Grupo pára os barcos e faz uma reunião afastada. Golbery percebe, seu destino está sendo traçado. Pedem alguma identificação. Examinam, puxam um celular, talvez por satélite. Teve a impressão que o mais velho chama a responsabilidade para si - posteriormente, soube tratar-se de um funcionário público de alto escalão, já aposentado.

         Golbery é levado à casa de um pescador, esse acata o pedido do “tiozinho” como se fosse uma ordem. Um dos filhos vai para a casa de um parente e Golbery ocupa sua cama.

         Pensa em pedir para passar em um PS, mas estar vivo já basta!

         Pela manhã o pescador prepara-se para sair, diz à Golbery  ficar à vontade,  se ele era amigo do Dr. Fulano, então, era amigo dele também. A filha do pescador, de uns 17 anos, caiçara linda e com jeito de piranha, dá um sorriso sugestivo a Golbery, que neste momento está amando a vida como nunca e não quer encrencas. Pede então ao pescador para ir junto, no que é prontamente atendido. Chapéu velho, camiseta rústica, um enorme calção e Havaianas - Estava disfarçado de pescador.

         Pensa em ligar para alguém, mas praticamente não poderia obter nada e colocar entes queridos em perigo. Além de poder ser identificada a origem de sua chamada.

         No domingo, ajuda a família do pescador na venda de coisas na praia. Ainda na praia é procurado pelo “tiozinho”, vamos chamá-lo pela profissão - Juiz,  que lhe oferece emprego na cidade, mas que não lhe garantiria proteção, pois já sabia com quem ele havia se metido.

         Golbery havia se metido sem intenção, dentro de um imóvel pertencente ao crime organizado de Santos, SP. Dinheiro lavado sendo aplicado em imóveis...

         Golbery foi convidado para um churrasco. Junto com o convite duas sacolas cheias de roupas seminovas.

         No churrasco, Golbery percebe que a “turminha” é uma espécie de sociedade secreta. Muitas mulheres e crianças presentes, mas os homens ficavam afastados.  Raramente elas se aproximavam, e quem se aproximasse era educadamente despachado. O prato principal era “capivara ao sal grosso”. Golbery fez o máximo para agradar a “turminha”. O que não foi difícil, pois a maioria das posições políticas dele fizeram sucesso.

         Golbery estava tendendo a ficar, algo ali estava lhe transmitindo uma paz, que não tinha há muito tempo. Contudo, numa cidade turística, logo seria reconhecido e, no mais, possuía um projeto e esperava não ter sido deletado.

         Agradece! Explica e pede para ir embora:  Pareceria ingratidão? Ficaria para sempre agradecido... Esperaria um dia retribuir...  

         De saída. Um 38 marca INA e um maço de notas de R$ 50,00: “Uma vaquinha!”. E ainda uma carona até o metrô Jabaquara em São Paulo.

         Preciso sua opinião sobre este "conto". A "biografia do Golbery" está quase pronta e será publicada no BLOG. Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

A criminalidade alta só existe nos países, onde muitos - políticos e  parte da sociedade - têm interesses nela, ganhando direta ou indiretamente. Sem isso seria fácil resolvê-la:                                                                                          

109- COLORIDOS E FRATRICIDAS - Uma cidade como São Paulo tem os "amarelinhos" que fiscalizam o trânsito - foram criados pelo número insuficiente de PMs. Mais a própria PM,  a Polícia Civil,  a Guarda Municipal,  e milhares de seguranças particulares; e não se tem segurança!?

         Se tudo isto fosse unido, num comando, numa central de rádio, acabariam-se as rotas de fuga. As respostas aos chamados iriam a mais do dobro de rapidez, a criminalidade se reduziria, próximo de 15% do que é hoje.

         Por que não fazer!? Unir "amarelinho", PM, PC, GM!? Por causa de interesses fratricidas dos líderes destas corporações. Eles perderiam espaço. Como se líderes tribais etíopes estivessem ocupando a liderança destas instituições.

         Têm a capacidade de visão de uma formiga que enxerga só a laranja - num corporativismo burro.

         Vai melhorar para todos!

         Não conseguem pensar no conjunto, no bem que fariam à seus filhos, parentes e amigos, pensam no próprio poder.

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

110- ALUGUE UM PM!? - Estava dentro de um "Pão de Açúcar" em SP, quando se deu uma tentativa de assalto, há alguns anos. O segurança, que era um PM a paisana, reagiu e desceu a Bela Cintra, poste a poste, árvore a árvore, trocando tiros com os dois cretinos. Alguns minutos depois, passando pelo trajeto, observei vários seguranças particulares, que curiosos estavam à frente de seus prédios, mas dentro dos halls envidraçados.

         Se todos os seguranças fossem PMs, alugados da PM, uniformizados, com rádio da PM, aqueles idiotas não escapariam.

         Além de idiotas, uns FsDP. Forçaram o segurança a reagir, sua função. E a troca de tiros começou dentro do mercado, comigo dentro...

         O PM “alugado”, no máximo daria cobertura na porta. Jamais teria abandonado o seu posto.

         Corro  risco de vida diante da poderosa e crescente indústria da segurança, ao divulgar isto tão claramente.

         Só tem como ser contra, por interesses fratricidas e financeiros das indústrias de segurança, essas estão basicamente nas mãos do crime organizado. Não tem "furos" ou obstáculos esta idéia, podendo ser implantada gradualmente a custos baixos em 15 meses.

         Acabariam-se as rotas de fuga.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

111- PENITENCIÁRIAS VIRTUAIS - As pequenas penitenciárias no interior, que estão sendo construídas para substituir o Carandiru, proporcionarão liberdade para os presos perigosos, como assaltantes de banco e seqüestradores.

         Qualquer grupo que reúna 6 homens armados e treinados, pode invadir penitenciárias como a de Araraquara, onde os quase 300 PMs (da cidade) tiveram reação tardia. Todos os PMs de folga deveriam usar um pager!

         Qualquer presídio pode ser invadido e presos colocados do lado de fora. O que resolve é o tempo e o tamanho da reação para bloquear rotas de fuga - antes do alargamento do funil. O “bicho” tem que pegar forte ainda próximo da penitenciária!

         Escrevendo esta crítica, assisti pela TV ter havido um resgate em uma cidadezinha de São Paulo divisa de Minas.  Vinte homens com AR 15 participaram do resgate. Ainda bem que nenhuma viaturinha cruzou com eles - não ia fazer diferença e haveria mortos do lado mais fraco - Teria que chover viaturas e barreiras.

         O Carandiru está bem localizado. Quartéis e mais quartéis à sua volta. É só demolir tudo, mais andares, áreas de lazer, escolas, muros mais altos, planejamento, acesso ao metrô, uns 100.000 presos.

         Penitenciária em cidade pequena com grupamentos de 20 ou 30 policiais por cidade - só com uma população bem armada e treinada, algo como a Guarda Nacional do “tio Sam”.

         Araraquara tem uns 300 PMs e uns 50 Policiais civis. Se chegar uma “viaturinha” de cada vez, não faz diferença.

         Parto do princípio de que as grandes quadrilhas reúnem facilmente 20 homens. Já vi isto em assalto a pedágio, ao Extra - no Rio nem se fala. Agora, neste resgate da divisa de Minas, nunca vi e já é coisa mais difícil - 50 homens calados sem “vazar”.

         E pela lógica, estes 20 homens armados, treinados, coesos, saem de dentro da própria polícia. Com exceção do Rio de Janeiro, dou minha mão a palmatória, que esses grupos de 20 em São Paulo têm como base policiais. Vinte cidadãos comuns sem quebra de sigilo!?

          A história diz que as masmorras ficam nos porões das fortificações militares... Preserve-se os direitos dos presos e o nosso direito de que eles fiquem presos.  

          A criminalidade é alta por interesses financeiros de políticos ligados ao crime organizado e ou a "Indústria de Segurança"!? Políticos obtêm dinheiro direto com o crime e com a insegurança por ele gerada!? Como explicar os 100 mil mandatos de prisão não cumpridos!? Os grandes assaltantes e traficantes serem soltos em resgates!? Na cadeia apenas 50% dos "pé de chinelo"!?

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com                                               

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

112- TRAIÇÃO & PERDÃO - Diz-se que o homem não suporta ser comparado sexualmente a outros homens. Tenho 44 anos e me incomoda  ser comparado, sexualmente, a um jovem. Mas ainda me garanto, não digo que não abala, mas vou adiante.

         Vivi alguns anos com uma garota, muito mais jovem. Ela sempre tentou fugir de mim. Me amava em alguns momentos e me odiava em outros, por não acompanhá-la em suas meninices. Às vezes  entediava-se e sumia - dizia que tentava me esquecer. “Ficava” com uns e outros, e depois me ligava pedindo para ir buscá-la, dizia que tinha se arrependido, e que não conseguia me esquecer.

         O perdão vinha de sentir seu arrependimento real. Era verdade o que me dizia - tentava se livrar de mim como a um melado quente nas mãos, mas não conseguia. Eu por amá-la e por carência, a aceitava. Mesmo sabendo que me usava como um porto seguro.

         Não era fácil para uma adolescente viver ao lado de um quase cinqüentão.

         Eu a perdoava, mas ficava o ressentimento. Aquilo não teria fim!? Vai, volta!? Vivi com ela em favelas. Não havia outro motivo para estar comigo a não ser por amor, talvez carência. Até que um dia, ela se foi...

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

113- AI! UI! AI! UI! - “Fique quieta garota! Você não está sentindo tudo isto! Me faz perder a concentração!”. Ela não sentia nada. “Transava” para agradar os parceiros. Em alguns dias, comecei a ver nela os “olhos de peixe morto” - expressão popular para apaixonada. Na hora do sexo, a mulher quando está “gostando”, tem seus olhos lubrificados com algo como que uma lágrima mais grossa, que lhe dá a aparência como na expressão popular.    

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

114- A NECESSIDADE FAZ O HOMEM - Andava meio tímido ultimamente, “preciso” de uma “garota”, gosto do jeito de alguém, gaguejo, as palavras não saem. Tenho 44 e continuo me interessando pelas de 16 aos 30 e poucos anos. Pinta insegurança - já não sou um garoto, o “não” machuca, mas tenho que ir adiante.

          Neste final de semana, passei a maior “fissura” por mulher. A necessidade me empurrou, passei a não me envergonhar de tornar-me “bobo”. Não tenho porque me envergonhar de meus sentimentos e necessidades. 

         Cadê minha “Zélia Gatai!?” 

         Se você não lutar por seus interesses e necessidades, quem lutará? Existe quem tenha vergonha de carregar um útil guarda-chuvas!!!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

115- SEXO PARA VIVER - Quando no início desse, referi-me a sexo, dirigia-me a crianças. Sexo para adultos!? Sexo para lavar a alma, sexo total, sexo para curar, sexo para gozar, gozar para viver! Sexo domado, dosado para “recarregar” a vida como em videogames.

         Seu corpo se agita, você se irrita: uma vida quer sair de dentro de você - você quer e precisa procriar!

         Engane a natureza, ela não perceberá a camisinha. Duas ou três vezes por semana, use o sexo em doses domadas. Seu sangue quase sai pelos poros, a vida fica melhor em cada célula de seu corpo. Seus olhos brilham, seu suor escorre, “seu sexo” se lubrifica, seu corpo “sobra” bem estar neste momento. Afinal, tem uma vida “sobrando” em você.

         É anti-higiênico pular de galho em galho e sem higiene pega-se um “dicionário” completo de doenças. 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

116- PROCURA TIPOS MARAVILHOSOS!? - Certa vez, saía de um barzinho no final da noite. “Sobrou” uma amiga que nunca havia me despertado interesse como mulher: Magra, negra, narigudinha.

         Coisas dos ferormônios - Assim que entramos no carro - a idéia era uma carona- "pintou" um beijo...

         Foi assim que o “bicho pegou”! Forças ocultas, cama maravilhosa, ser humano lindo, cheiros que anos depois me perseguem...

         Ela queria fazer faculdade em outra cidade, minha ex-mulher queria voltar... Tomei a decisão errada...

         Sexo rola bem no escuro, no tato, nos cheiros...Tipos televisivos!?

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

117- AMINOÁCIDOS - Você encontra nas farmácias e supermercados. São de venda livre, feitos a partir de albumina hidrolisada - clara de ovos atravessadas por corrente elétrica. Estes aminoácidos aumentam a produção de pré-hormônios, que tornam sua disposição melhor. Desde garotos atletas, até senhoras apresentadoras de TV os tomam. São um estímulo natural as várias funções de seu corpo, não sendo como tomar anabolizantes, os quais são hormônios prontos e desestimulam seu corpo a produzi-los naturalmente.

         Algum ignorante de branco dirá: Mas e as contra indicações!? Eu direi que a FDA - Food  and Drug Administration, poderosa e rica lá dos “states”, permite sua venda livremente. Digo também que até a água em excesso e mal usada faz mal.

         Eu diria uns 20 gramas por dia para um atleta ou uma pessoa de 44 anos.

         Cuidado com hormônios a mais, principalmente garotos, eles os fazem acreditar ser imortal. Perder a noção de perigo!  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Cuidado ao rasgar uma pipa, ou desprezar o fusquinha que lhe bateu atrás, você pode não saber a "fortuna" que valem: 

118- UM MENDIGO E SEUS TRAPOS - Tente tirar os trapos de um mendigo,  descobrirá o quanto valem. Eles se matam à noite por coisas para nós sem valor. Digo isto como exemplo: estou quebrado, sem nome. Preciso alugar um apartamento em São Paulo, talvez para isto tenha que negociar a própria alma com o diabo. O mundo trata muito mal quem está quebrado, do tipo sem nome, dinheiro e amigos. Se é empurrado para o fundo, para a marginalização! Sobrarão me prédios “puteiros”- aceitam garotas de programa e seus clientes - com traficantes entrando e saindo, além de batidas policiais.

         Terei que vender meu som, TV e um fusca sem documentos. Como está doendo livrar-me de meus trapos!

         Vou para um colchãozinho no chão de um apartamento. Sei que se não der certo, é o fim. Morar na rua!? Estou indo para a faixa etária da maioria dos moradores de rua, gente que desistiu do mundo e que o mundo desistiu delas.

         Terei de entregar os “trocos”, resultantes da venda dos meus “trapos”, à uma “imobiliária” sem CRECI, sem dono, sem documentos. Destas que mudam de telefone e endereço constantemente. Sem contrato de aluguel. Gostaria de não ser ateu e ter em quem confiar!

         Tenho de agir com confiança, vai dar tudo certo! Tenho sonhos maiores que um fusca! Parto em busca deles!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

119- NÃO DEU OUTRA - Já se passaram 2 meses desde o depósito de 3 alugueres adiantados para a “imobiliária” anunciante:Aluguel sem burocracia.! “Fechei” com um apartamento lindo; armários ótimos na sala, na cozinha e no banheiro. Cortinas, carpete, ar condicionado, purificador de ar. O melhor 1 dormitório que já estive! Muito "acima" de que  estava imaginando morar.

         Amanhã! Sábado! Quarta! E fui escutando prazos para pegar as chaves, até que veio a pancada: “O apartamento não deu certo!”!!!

         Eu já vinha na angústia, na desconfiança de perder o dinheiro e ficar sem onde morar. A “imobiliária” ficou de fazer o aluguel no nome de não sei quem,  irmão de fulano de tal. Eu só queria um lugar para morar e acabar de escrever este livro. Bem... Estavam me arrumando outro apartamento.  Na angústia, dias se passaram. Estava num colchãozinho, em Limeira, havia vendido meus trapos. Era tudo ou nada!

         Saiu o dito cujo do AP, terrível, mas não tenho escolha. Mudei-me, passei 24 horas acordado  organizando e fazendo faxina naquele AP, era ao lado de uma obra. Dormi um pouco; saí na 5ª feira Santa pela manhã, ia ver minha mãe e meus filhos, não os via desde o Natal.

         Na portaria, fui comunicado de não poder voltar ao AP, pois o proprietário havia descoberto irregularidades no contrato. Tudo o que juntei em 44 anos estava lá, este “micrinho”, no qual lhe escrevo, e estes escritos, estavam com meses de luta. Não queriam me dar acesso! Liguei para a "imobiliária",  pedi a eles que resolvessem. Garantiram-me: Segunda estará tudo resolvido. Fui encontrar minha mãe. Não abri a boca sobre meus problemas, pois viver de favores onde te acham um idiota... Prefiro as ruas.

         Saí domingo à noite da minha mãe normalmente, como se fosse para casa. Foram vários dias em um hotelzinho barato, U$ 10,00, esperando solução. Poderia brigar judicialmente, mas meu “tudo” poderia sumir ou já ter sumido. Percebi certa preocupação da “imobiliária” em não dar “delegacia”. Meu interesse era só alugar um AP. E se faço uma “queixa” e os sujeitos fecham a porta do “boteco” e somem!? Perco minha esperança de ter um futuro decente!?

         Num dia,  disseram-me já ter outro, o 3º AP, à minha disposição.  Chegando na "imobiliária", disseram-me precisar de R$ 350,00, eu não tinha, seria um empréstimo, devolveriam me depois, pois a proprietária queria e eles não tinham. Garantiram que o referido AP não daria “rolo”,  a administração  era deles e fariam o que quisessem do AP.

         Havia um material de pesca guardado no meu irmão. Disse-lhe que fizesse uma oferta e ele colocou-me R$ 150,00 em uma conta destas bloqueadas, que só se consegue movimentar no balcão do Banco. Beleza! Eu tinha algo no bolso que somados aos R$ 150,00, deu para dar os R$ 350,00  à “imobiliária”.  Restavam-me alguns trocados no bolso, uns R$ 20,00. Teria de ir para um hotel, sem certeza alguma, nem de tirar minhas coisas presas no outro AP, nem mesmo se o novo daria certo. Resumindo: poderia ter de passar talvez vários dias em um hotel com R$ 20,00.

         Foi então que surgiu uma voz, da mais antiga das profissões do mundo, voz bíblica, voz de Madalena: “Você não tem onde ficar!? Eu estou ouvindo nas várias vezes que estive aqui que você está com problemas! Quer ficar lá em casa!?”. Não pensei duas vezes, quase deixei de ser ateu: “Sim! Sim! Eu Fico!”. Deixei claro que só tinha R$ 20,00 no bolso e fui adiante, com alguma preocupação, mas  muito mais aliviado.  Eu não conheço bem a Bíblia, a Madalena virou santa!? Não gastei um centavo até o dia seguinte. O AP saiu e não tive que "transar" com ninguém, no mais, no estado  em que me encontrava não conseguiria.

          No outro AP, disse ao zelador não ter o proprietário direito de segurar minhas coisas, eu iria entrar e se me barrasse poderia ter conseqüências sérias! Beleza! Tudo certo! Mudei-me e liguei o computador para escrever estas palavras, já faz uns 12 dias que estou no 3º AP, e espero que definitivo. Ainda um pouco inseguro, mas a inspiração e a segurança me voltaram...  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Na narrativa abaixo, ocorreu-me usar o dólar como referência pelo motivo de ter passado minha infância e juventude sob inflação alta e ter perdido parâmetros de custos e ganhos por anos. Uso referida moeda para tornar este atemporal e facilitar futuras pretensas traduções:

120- 20 HORAS NA ESCOLA DA NOITE - Aprendi muito nestas horas que passei com a “Lady”. Seu prédio era bom, seu AP, pequeno e simpático. Foi logo colocando minha mala no seu quarto. Tomei um banho, comi frango com arroz em uma tigela vendo TV. Estava com preservativo na bolsa, mas na torcida para não ter que usá-lo. 

       O interfone toca, era um garoto de uns 16 anos, “um amigo”, disse ela. Eles começam a conversar animadamente e a falar sobre “negócios”. Demorei algumas horas para juntar os pontos da conversa: dicas de “fitas” - U$ 30,00 que são dados para um funcionário de uma empresa de celulares. O celular troca de número, fica 15 dias desligado e volta a funcionar normalmente. Contas de U$ 1.000,00 simplesmente desaparecem! O garoto ficou encarregado de “arrumar” um celular para o dia seguinte, ela queria um “Croma”.

         O garoto ofereceu-me um Renault que estava “lá em baixo”, queria algo próximo de U$ 1.800,00. O carro ainda estava “quente”. O dono daria “queixa” três dias depois e só queria o dinheiro do seguro. O Kid também insistia para lhe emprestar a conta do meu banco para ele guardar um dinheiro.

         Garotos vão lá dar uma “dormida”; algumas horas, vezes em buraco, atrás do sofá, enquanto elas recebem clientes. Negociam favores, celulares, “backs” (é assim que se escreve?), dicas para “fitas”.

         Ela me via dias na "imobiliária". Minha situação transmitiu-lhe confiança e ela passou adiante. De relance, ainda ouvi comentarem de um grande assalto a banco, na  Av. Paulista, estava sendo planejado por um amigo deles; ouvi ainda ser este amigo ex-segurança de uma vereadora que esteve na TV, envolvida em escândalos políticos.

         Saíram por volta de 23 h, levaram a chave do AP. Na expectativa, mas na base do “seja o que Deus quiser, vai dar tudo certo!”, fui dormir na cama que estava na sala. Chegaram umas 2h da madrugada. Ele foi para o quarto dela e trancou-se - soube depois, estava muito fumado. Ela dormiu no sofá ao lado de minha cama. 

        Pela manhã bem cedo, tomei um banho gelado, aqui Maio já é frio. Chegou uma colega de profissão, pessoa animadíssima, feliz da vida, “falo para caramba”, palavras da própria. Meu "aprendizado" prosseguiu de imediato: um cliente velhinho, cliente de mais de 10 anos lhe paga quase U$ 1.000,00 por "vez", mais uns U$ 100,00 para cada amiga acompanhante. O “velho” era nojento e só "funcionava"  à base de “Viagra”, tossia como um tuberculoso e ela dava um “pega num Back” para suportar.

         O garoto quis logo a “fita” do “velho”. Um assalto ou um seqüestro, após ouvi-la falar ter ele alugado sua banca nos Jardins por algo próximo de U$ 35.000,00 mensais à uma famosa editora. A “fala pra caramba” demonstrou princípios: “Não! Ele é meu amigo!”.

         Resolveram todos dar um “pega num back” - umas 9h da manhã, no meio da semana - ofereceram-me. Respondi que a mais de 10 anos não o fazia (mentira, nunca tinha feito!), e temia pelos efeitos. A coisa ficou animada: não sei se pelo clima de alegria ou pelo apartamento fechado, até eu fiquei animado. A faladeira pagava U$ 3,00 pela “trouxinha” e achou um absurdo a “Leidi” ter pago U$ 10,00, mas logo começou a elogiar, era forte, era da boa!

         Iniciou-se uma conversa muito "educativa" no nível de especialistas: umidade, bolor, muito seca, pouco galho, “o melhor papel é o de padaria!”. Vivendo e aprendendo! 

         Meu nome não é Nicéia. No mais, não vou cuspir na tigela que comi frango com arroz! Que imaginação mais detalhista eu tenho!!!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

121- PERSPECTIVAS E VALORES - Boa parte da criminalidade se resolveria com campanhas pela valorização da vida destes garotos, campanhas como as da AIDS, até mesmo junto, pois fazem parte do mesmo contexto.

         Ouçam as letras de raps. A rádio 105 de Jundiaí toca rap diariamente, ali pelas 17 h. Nas letras, estes garotos deixam claro, não esperam viver muito. Têm consciência, em seu mundo a vida é curta. Não se protegem, nem mesmo da AIDS. Assustam e preocupam toda a sociedade, são conscientes do futuro a eles destinados, são revoltados com sua falta de perspectivas.

         A 105 é a rádio campeã de audiência na FEBEM e nos presídios no Estado de São Paulo.

         A 105 é cultura! Enfiar a cabeça num buraco e pretender entender o mundo é idiotice!

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

122- HISTORINHAS DE UM QUARTEL - Em 1973, após enfrentar meu pai que tivera uma "desavença" com minha mãe e por ela não me dar apoio, fui colocado para fora de casa pelo bobalhão. Nunca havia trabalhado, alistei-me e aguardei o engajamento na casa da minha avó. Fui incorporado na primeira turma de 1974 da base aérea de Pirassununga-SP.

         No primeiro dia, o sargento “Da Silva”, um nordestino com vocação para armário, perguntou: “Quem é homem aí?”. A resposta dos meninos foi: “Eu! Eu!...”. Um monte de meninos ergueu o braço. A tréplica do sargentão: “Vocês são uns meninos! Homens vocês serão daqui a um ano quando saírem daqui!”. Isto me bateu firme, mas o que fazer? Já estava lá!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

123- MENINOS E MOLEQUES - Um certo soldado moleque (Adilson, morador de Cachoeira das Emas, ao lado da AFA) aponta o fuzil HK 33 para a cabeça do outro e diz: “Vou te matar!”. Era para o outro ficar com medo e responder: “Não me mate não, pelo amor de Deus!”. Mas ele respondeu: “Mata nada!”. “Cabum!” - uma poça de sangue, pedaços de miolos e cabelos grudados na parede. "Nenhuma testemunha" (4 presenciaram e ninguém testemunhou)! Versão oficial: “Acidente!” !!!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

124- PÉ DE DINHEIRO - A base aérea de Pirassununga é grande e fica dentro de um complexo que inclui uma fazenda, vilas de militares e a base propriamente dita. “Meu amigo” Bebert (ou algo assim) e sua "patota" tinham uma plantação de maconha na base. A coisa estava estruturada, o negócio crescia; vendia na cidade, na base e em suas cidades de origem. Foram presos!

         Todos escutavam seus gritos à noite, por noites a fio. O comandante da PA (Polícia da Aeronáutica), o tenente Minie havia que dar exemplo e obter informações.

         A minha seção de trabalho era o hospital e lá um dia os presos apareceram, pois tinham que estar em “dia” para a expulsão e entrega à polícia civil. Quis ser solidário, seus gritos à noite eram aterrorizantes. Ao me aproximar, o Bebert me apontou: “Ele está com a gente! Também faz parte!”. Ou tenho cara de honesto, ou de bobo, pois o tenente não acreditou. À noite, eles voltaram a gritar. Vibrei! “FsDP!”.

         Alguns meses depois estes moleques já estavam entregues à polícia civil, quando em um domingo pela manhã eu “tirava guarda” na cabeceira de uma pista e deparei-me com notas grandes voando. Uma, depois outra, outra! Obaaaa!!!! Fui seguindo: Um formigueiro de saúvas havia desenterrado um monte de notas das graúdas! Algumas inteiras, outras pela metade, outras em frangalhos. O melhor da história: fui ao Banco do Brasil e troquei todas as notas que estavam com o número de série e mais da metade preservada. Deu um bom dinheiro.  Acho que sei quem “plantou!” !

         Que “p...” imaginação eu tenho!!!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

125- MINHA ALMA FOI DAR UMA VOLTA, VAGOU PELA SALA - Estava um tanto sem assunto para este livro. Resolvi chamar as “professoras da escola noturna”. Seria só “dar corda”, ouvir e aprender!

         Já chegaram “fumadas” e foram logo acendendo outro. Foi passando a roda e dei uma puxadinha para me enturmar. Aquilo não fez efeito. Me senti forte, inatingível! Outra vez, outra, que coisa besta! Outra! Quando senti ter aquela "coisa", efeito retardado, era tarde demais! Meu corpo ficou em um canto do carpete e a alma foi dar uma volta. Eu me via como se minha alma estivesse olhando para meu corpo. A voz perdeu a sincronia com os lábios, eu falava e só depois ouvia. O cérebro desplugou-se: eu pensava em uma coisa e as palavras não saiam, ou pensava em falar uma coisa e falava outra completamente diferente do que queria.

         Como alguém poderia gostar de sentir aquilo!? Achar engraçado!? Achar que aquilo era “curtir um barato”!?  Foram momentos de terror!!!     

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo

  

126- A INDÚSTRIA FARMACÊUTICA - É a mais lucrativa de nossos tempos modernos, gerada pela demanda, da demanda criada pelos “marqueteiros” em todos nós - no texto integral, no artigo intitulado "13 - PEIXE!?", faço uma original crítica ao Marketing e seus profissionais. Eles "criam" em nós artificialmente necessidades. Precisa-se cada vez mais coisas para ser feliz. A faculdade, depois a pós-graduação, eletrodomésticos aos montes, atualizações do computador. Sempre nós, ou nossos filhos, precisamos de tantas coisas... Isto gera necessidade de trabalho, mais trabalho e conhecimentos. Mais frustrações pelas metas; muitas e altas não alcançadas.

         Muita ansiedade e muitas metas, gerando então a mais lucrativa das indústrias de nosso tempo - a "indústria do remédio". As margens de lucro com que trabalham é algo impensável para um país pobre como o nosso. Suas margens de lucro já são ferozmente combatidas em seus países sede. Precisamos repensar as patentes desta gente! É como se gerassem o vício e vendessem a droga!

         Nossos médicos mal ou bem formados são bombardeados pelos “marqueteiros” dos laboratórios com milhares de publicações, visitas de representantes, subsídios a viagens e congressos.

         90% ou mais das doenças têm origem no stress. Estados gripais são, na sua maioria, iniciados por alergias. Alergias são causadas basicamente por stress. O stress leva à queda de resistência orgânica que por sua vez leva a infecções. Tudo isto está associado.

         O stress nos leva a produzir mais fluidos e hormônios que nos acarretam doenças diversas, inclusive o câncer. Então, vem a chantagem maior dos laboratórios:  famílias desesperadas diante da morte vendem seus bens para comprar aquele novo remédio que ainda não chegou  na fase de distribuição gratuita.

         Ironicamente, as mesmas agências publicitárias detentoras das “contas” daquele novo carro ou TV, têm as “contas” dos laboratórios. Os "marqueteiros" têm ciência dos males e do stress causados ao gerarem demanda por mais e mais produtos.

         Chegamos a ponto de ter propaganda de remédio para gases em horário nobre, em rede nacional, uma fortuna a cada segundo. Somos incutidos a pensar  ser normal ter crise de gases. Gases dentro do normal é um “punzinho” e olhe lá antes de evacuar. Crise de gases é stress! Arrotar constantemente pode levar a um câncer de esôfago. Devemos procurar a causa dos gases e combatê-la. “Gases” é sinal de perigo...

         A indústria farmacêutica deve ser desvinculada da pesquisa. Os laboratórios devem leiloar suas patentes em lotes de 10, sem preço mínimo, logo que patentearem. Terão sua justa remuneração pela pesquisa, a livre concorrência fará o resto!

         Hoje, vão a leilão vidas humanas, na chantagem de meia dúzia de laboratórios detentores do conhecimento de salvar vidas.

         As empresas de publicidade devem juntamente com as empresas de Internet e a imprensa serem incluídos numa lei de “mídia”. Nos EUA, recentemente, foi provado judicialmente, terem as indústrias de cigarro, consciência do mal que causam. Os "marqueteiros" são igualmente imorais. Têm plena consciência dos estragos causados à saúde das pessoas ao gerarem demanda por coisas inúteis. Coisas estas que  para sua produção, ainda se causa poluição e devastação do planeta.  

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

127- O COMPUTADOR - Você já foi devidamente apresentado a ele? Se as maravilhas que o Word ou o Excel podem fazer não lhe atingem, peça para lhe apresentarem, devidamente, o Corel Draw ou o Photoshop. Ainda não!? Veja uns games, feitos para  Pentiun III, que lindos efeitos têm em programas 3D (em dois ou três anos, tudo isto estará muito ultrapassado). Imagens “real time”! Apresente-se a uma  Blaster de 516 vozes, veja o que um micro pode fazer em um som, é um verdadeiro estúdio em casa!

         Ter 3500 rádios (tenho a minha) do mundo todo para ouvir com som puro, canais de TV sendo abertos para banda larga de Internet (a banda larga faz a Internet antiga parecer brinquedo!). Muitas rádios e canais de TV se abrirão para a banda larga. Qualquer um de nós poderá abrir um canal de TV com chances de crescer e até ser o maior do mundo! Monte seu PC a partir do seu “bolso” inicial e seu objetivo final. Comece pesquisando uma placa mãe “pura” - existe tendência forte para saídas e periféricos USB e os barramentos estão indo de 100 para 133 MHz - ela permitirá por algum tempo as atualizações necessárias no micro. Leia revistas como a Info Exame, teu interesse e compreensão virão a galope.

         Domine uma ferinha destas, e terá o mundo em suas mãos. 

         Cuidado com salas de bate-papo e programas como: ICQ, COM VC, Net Meeting. Seu micro fica sem defesas contra hackers e, até mesmo, crianças brincalhonas! Seus arquivos ficam expostos, senhas pouco adiantam, mesmo que você tenha o Norton! Durante os 6 meses que escrevi este livro, vivendo como um eremita, tive como único companheiro este computador e a Internet. Fui importunado, sistematicamente,  por brincadeiras, e neste último mês, quase diariamente, tive “desconfigurado” este micro, tendo ficado “off-line” quase todo o tempo.  

       Senhas não adiantam, fui desafiado a fazer uma senha, fiz uma de 7 números e letras que foi "quebrada" em 5 minutos. Fiz outra com 12 (2@1$%9&9@5$2) que  foi quebrada entre 22h e 6h da manhã. O garoto foi dormir e colocou um programa para trabalhar. Disse calcular que ali pela meia noite minha senha já estava quebrada.

       Pesquisei por seis meses, CGI, Java Script etc. Por necessidade reuni muitas informações além do que se publica nas revistas e sites.

       Para sua compreensão, reuni uns 50 programas de ataque e defesa e dicas de como utilizá-los. Apostilas de XML, Java, CGI etc. Coloco-os na página de serviços (apaguei tudo) do site (conecte-se e clique!).        

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

128- A GANÂNCIA E O SOFTWARE - Piratear software é o típico caso de indução ao crime. Um Corel custa perto de U$ 700,00. A renda per capta dos brasileiros é de U$ 3.000,00 anuais, o que dá, aproximados, U$ 270,00 mensais. Junte a isto a má distribuição de rendas...

         A educação é necessária, os direitos autorais um incentivo a pesquisa, mas o direito de cada um vai até onde começa o direito dos outros. Se é direito, não é moral o que se cobra por determinados softwares. 

         Não tem como se fugir do Word e ou do Windows; se colocar similares, seu computador se isola, e dificilmente poderá levar um disquete com um trabalho para outro lugar. É neste princípio da lei anti truste americana que se baseia a justiça para desmembrar a Microsoft .

         Digamos algo mais justo, mais moral, mais democrático. No “chutometro”, digo que de cada 10 Windows, apenas 1 é legal. Ora, se fossem vendidos por U$ 30,00 - o preço de um caro livro técnico, seria imoral e ilegal copiá-los. O produtor teria enorme lucro e facilmente, a legalização dos programas, iria a 95%. O crime deixaria de compensar, inclusive, subiria o moral de quem é encarregado de fiscalizar.  

         Pior, para a pequena empresa que abre as portas ou para a que quer sair do fundo do quintal, para a legalidade, o custo de um Windows e de pacote Office da Microsoft, pode chegar a U$ 3.500,00 cada um! Se for dedurada uma empresinha, pode levar multa de 2000 vezes o valor do software, ou seja U$ 7.000.000,00. E ainda cadeia!

        Por coisas do tipo, querem desmembrar a empresa do Sr. Gates!    

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

129- A PATENTE, O DIREITO E A MORAL - Estão patenteando variedades de milho, trigo, princípios ativos de plantas da Amazônia e da China.

         “Os praticantes da medicina chinesa e os pajés brasileiros são uns ignorantes e bestalhões! Não sabem o nome do princípio ativo das ervas que usam. Não têm equipamentos para cromatografia e laboratórios de pesquisa. Vamos fazer a festa em cima destes bestalhões!”. É assim que pensam e agem os grandes labs.

         Pajé vai ter que pagar royalties! Países pobres e com fome, justo os que mais precisam, não terão dinheiro para as sementes.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

130- LOBÃO! LOBÃO! - Viva a pirataria! Pobre também precisa comer! - E aculturar-se!  Nestas horas, torno-me anarquista. Graças a Deus!

Lobão fez forte defesa da pirataria, pois os lucros dos artistas era muito baixo e das gravadoras muito alto. Gerou muita polêmica, mas estava certo: Um CD custava R$38,00 na época.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

131- MENTE AFIADA - A mente precisa de exercícios para estar sempre afiada. Procure coisas novas, vídeo games, joguinhos, estudos, literatura, jogo da velha, xadrez - preferencialmente tudo junto.

         Procure algum grupo de discussão de assuntos que lhe interessem, discuta, participe, mude de opinião, lute pelas suas crenças.  Escreva artigos diários em um jornal imaginário!

         Para quem nunca a exercitou, ou que pouco a usa ultimamente, saiba que as últimas pesquisas a respeito dizem que o cérebro refaz os caminhos através de novas ligações e associações. Sua capacidade volta. Até os neurônios, ao contrário do que se acreditava, são capazes de se reproduzirem. Com as atividades certas, seu cérebro renasce. Você ressurge das cinzas, basta querer!  

        Acha tudo isso bobagem!? Já esquenta muito a cabeça no dia a dia!? Pois então use isso como "lubrificante", ou seu cérebro, hora destas "trava-se"!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

132- ENSINO ULTRAPASSADO - O conhecimento humano estava dobrando a cada 4 anos, por volta de 1980. Hoje, estima-se que dobre a cada 20 meses e amanhã, bem amanhã, tudo ficará obsoleto  em meses.

         O abismo crescerá entre os que detêm o acesso ao conhecimento e os outros.

         O cérebro não será mais suficiente para tanto conhecimento (o que me assusta é o lixo gerado por isto tudo e seus efeitos colaterais). E será necessário guardá-los em grandes bancos de dados. O mundo se dividirá entre os que têm e os que não têm acesso a estes bancos.

         Nossas escolas básicas e faculdades não estão acompanhando esta evolução de conhecimentos.  Hoje em dia, tem gente se formando (em faculdade) em técnicas e conhecimentos de 5 ou 10 anos atrás  - de 10 ou 20 em escolas básicas.

         Hoje,  professores e alunos têm que aprender muita coisa juntos. O professor, humildemente, como um colega mais velho, um coordenador da turma.

         O tempo urge, algo como o mestre dos mestres tem que estar acessível aos professores durante as aulas e monitorando-os.  Reciclagem obrigatória aos professores nas férias!

         Aquele exame, "Provão", que avalia cursos através dos alunos, deve ser eliminatório! Fechá-los se não se adequarem em 6 meses. Isto vale para escolas do Governo do Estado de São Paulo, outros governos e prefeituras que instituíram este negócio de aprovar todos em todo o primeiro grau. Secretaria de segurança pública ditando que escola é pré-reformatório, desanimando professores, quem tem chances de aprender e o quer, fica perdido - que o Mário Covas e sua secretaria de segurança pública vão a m...!  Escola é escola! Que construam crechões pré-reformatórios para quem não quer estudar ou não tem condições de aprender. Respeitem nossas crianças!

         Eu tenho filhos na rede pública!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

133- MUTIRÃO DA ATUALIZAÇÃO - Se faz necessário finais de semana de atualização profissional, seminários e fóruns em todas as áreas profissionais, com participação dos órgãos e sindicatos de classes. Algo obrigatório para o profissional continuar a exercer a função. Algo simples como vídeo conferência - algumas salas em determinadas cidades. Por nacionalismo, humanitarismo, por algo que se acredite, vamos logo a estes mutirões de atualização profissional!

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

134- ALEMANHA - Estamos perdendo tempo diante do mundo. Com todas as nossas riquezas faltam conhecimentos!? Temos governantes que para amenizar problemas de segurança pública, extinguem o ensino! Na Alemanha, as crianças são avaliadas o tempo todo. Desde a mais tenra idade, suas aptidões são avaliadas, os que merecerem vão para turmas especiais. São estimulados! É um processo natural como na vida, merece mais, avança mais! Isto é tão simples de aplicar.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

135- SOU CABOCLO - Antes de me acusarem de nazismo por odiar a esquerda - direita burras e elogiar o ensino na Alemanha: sou bisneto de bugre!  Gosto do Zé Genoino, caboclo que passou a ser “humano”, talvez descobrindo-se mais humano no “pau de arara”. Gosto do estilo do outro caboclo, Antônio Ermírio de Moraes. Não gosto da direita burra que explora os ignorantes - simbolizada pelo Sr. Salim, ou por aquele caudilho (falso esquerdista) que teve infância pobre e sonhou um dia governar o mundo como vingança pelas humilhações que passou.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

136- CLIPPING - Para você acompanhar estes avanços tecnológicos e de conhecimentos, terei alguns fatos e um comentário sobre como aquilo poderá te afetar. Aceito colaboradores!

         Ao encerrar esta edição achei no “IG”, um bom e gratuito serviço de clipping.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

137- CENSURA - Aceito qualquer ideologia, desde que não afete a liberdade das pessoas. Sou totalmente contra qualquer censura que não seja aquela doméstica, a qual você faz nos aparelhos modernos em casa. Os censores são um perigo, quem os escolhe? Censura das associações de emissoras e empresas de publicidade?  Essas formam uma oligarquia danada. 

         Vítimas da censura no passado, gente de esquerda como a Marta Suplicy, hoje, defendem a censura sob o nome brando de “controle”. Todos nós queremos “controle” sobre aquilo que somos contra, é uma armadilha.

         Censura, a mãe faz em casa, o religioso na igreja, o professor na sala de aula; no restante, apenas recomendações discretas, sem intimidar. Pequenas vinhetas na TV, avisos pela imprensa escrita, com 24 horas de antecedência.

         Deve-se falar, o mais cedo possível,  sobre sexo e drogas nas escolas. Por mais constrangedor que seja falar a respeito, pior é não falar e pior ainda, a censura!

         É constrangedor falar para um filho pequeno: Está vendo “aquilo” ali na TV? É só para quando você estiver crescido e preparado. Está vendo “aquilo” ali, talvez você nunca possa ou deva fazer, pois dilata o... Muito constrangedor falar, melhor proibir! Na rua, ele não tomará conhecimento “daquilo”!? E quem estará lá para dizer-lhe umas palavras sobre “aquilo”? Tampe o sol com uma peneira...

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

138- LIMEIRA SP - UM ENSAIO SOCIOLÓGICO - Gostaria de mandar uma carta aos jornais daqui, algo com o título mais ou menos assim: “LIMEIRA - OLHOS QUE TE VÊEM DE FORA”, mas temo não ser compreendido. Limeira - Não te quero mal, te admiro, mas tenho minhas críticas.          

         Os jornais, e todos daqui meteram o pau, em recente pesquisa, que a aponta como a cidade de porte médio possuidora do maior percentual de pobreza do Estado. Meu Deus! As elites que têm acesso a imprensa local enganando o povo. A pobreza e a ignorância aqui são extremas. É impossível, por exemplo, fazer uma campanha por controle de natalidade: Como convencer uma mãe a tomar pílula se ela acredita em coisas do tipo: “onde dorme um, dormem dez", "onde come um, comem três”. Uma coisa de Rousseau - são felizes! Tudo é normal, aceitam tudo como coisas da vida. Montes de crianças maltrapilhas, com o nariz escorrendo, com sub-educação. Felizes! Com um sonho maior: “Meu filho será um operário da Vargas! Para meu futuro, o máximo seria se eu conseguisse ser caseiro de uma linda chácara!”

         Admiro e respeito a felicidade deste povo. Se o objetivo máximo é ser feliz, aqui se é feliz facilmente, sem necessidade de bens materiais, cultura ou educação.

         Aqui tudo é tão básico...

         A prefeitura oferece o básico em medicina e educação, o povo daqui acha o máximo.   

         É o primeiro lugar que conheço, onde, a partir da classe média, há o isolamento tipo feudal, condomínios fechados com seus significativos muros. 

         Há uma distinção e auto-aceitação social impressionante! Aquilo dito pela Regina Casé  erroneamente de “neguinho” de São Paulo, aqui se encaixa bem.

         Ali por 1.995, o maior chefe feudal local bateu de chicote em um vereador dentro da câmara. Apareceu no Jornal Nacional e tudo mais! Em declaração ao JN, o cidadão confessou ter batido, disse ter o outro merecido, e não deu em nada. Este mesmo cidadão enfiou uma arma na cara de um engenheiro do DER que fechava um acesso ilegal à cidade. Isto na frente de muitas testemunhas, inclusive policiais rodoviários. Nem ocorrência policial deu, pois choveram ligações de políticos para os superiores do engenheiro e este sabia que o cidadão era e é “porteiro auxiliar de São Pedro”.

         Convido sociólogos corajosos para aqui fazerem estudos para suas teses. Arqueólogos se surpreenderão com “castelos feudais” intactos. Paleontólogos poderão estudar um “senhor feudal” ainda vivo. Peritos criminalistas, talvez, possam estudar a morte prematura deste autor que aqui apenas fez um ensaio e jura que é tudo ficção, qualquer semelhança com a vida e pessoas reais daqui terá sido mera coincidência.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

139- RUA DAS PALMEIRAS - Uma sociedade de gays e prostitutas. É uma espécie de São Francisco brasileira, senhores separados se tornam gays pela solidão e a necessidade de prazer. Os homens se paqueram! No elevador, um rapaz de uns 20 anos, ofereceu-se muito sorridente para carregar as minhas sacolas de supermercado. Insistiu: “Tem certeza que não precisa de ajuda!?” Como ele não tinha jeito de “veado”, acho que o “veado” da história era eu. É mole!? O Faxineiro me olha como eu olho para a maior gostosa!

         O lugar está cheio de bichas velhas e garotos de programa. Nos finais de semana, multidões de jovens e adultos andam  a esmo pelo "minhocão"(Elevado Costa e Silva - SP - Capital). Ele é interditado ao trânsito e vira a rua do andar a esmo!

         Atividades culturais deveriam ser programadas em todo o centro, para este povão distrair-se e aculturar-se. Por aqui tem gente séria também. Por incrível que pareça, tem garotas bonitas e simples que trabalham em mercadinho durante o dia e estudam à noite, numa vida sacrificada. Não se corromperão até quando!?  Logo descobrirão que o segundo grau não tem mais serventia, faltará o dinheiro para o cursinho e a faculdade...

         As elites precisarão de mão de obra cada dia mais qualificada. Precisarão de quem defenda nosso território e nossos interesses além mar. As armas estão cada dia mais eletrônicas. Vejam a guerra de Kosovo! Façam uma troca de interesses com essa gente, mas não os abandonem assim.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

140- PRIVATIZAR O ENSINO!? - Não necessariamente! Tornar o alistamento militar obrigatório após a faculdade ou o curso técnico público, isto para homens e mulheres, será a forma de pagar o ensino - 2 anos trabalhando junto às comunidades carentes. Sobram dentistas nos grandes centros do sul, faltam dentistas no interior do norte e nordeste. As prefeituras darão alojamento, comida e transportes; o governo federal, um pequeno soldo. Terão um posto militar, estarão sob o comando militar da região. Terão a proteção de seus pares militares: por perto, estará o engenheiro, o dentista, o médico, o assistente social, o advogado, todos militares. Terão 6 meses de instrução militar básica, trabalharão uniformizados e armados. Aprenderão a ser brasileiros e integrarão, rapidamente, esse Brasil.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Adiante, experiências vitais e sexuais próprias & pesquisas inglesas & deduções próprias:   

141- VELHO BABÃO - Esta é uma fase terrível na vida de um homem: Olhar para uma mulher, desejá-la - e ela tem só... digamos 17 anos, tenho 44, e quero recomeçar minha vida. Bem... Ela não tem maturidade para um relacionamento duradouro... Não me importo, só quero sentir um pouquinho de vida, afinal ela é da geração “ficar” - onde sexo não é nada de mais! Azar o meu se me apaixonar e acreditar que é para sempre.

         Malditas restrições que a vida nos impõem. Mulheres interessantes, acima dos 30, estão comprometidas ou decididamente comprometidas em não se comprometerem. É a independência feminina. Começam a questionar a pseudoliberdade ali pelos 40 anos, começam beber a mais, a tomar calmantes. Voltam aos analistas de 20 anos atrás. Estes de tantos “retornos”, já sabem de que se trata, fazem um “mea culpa” calados, mas, como bons “profissionais”, deixarão que elas descubram por si nos próximos anos.

         Sou torturado em elevadores. Carente como estou, mulheres atraentes e cheirosas se encostam, respiro fundo, fecho os olhos...

         É o instinto de propagação da espécie, que está à tona em mim. Todo este desejo e o sonho de garoto de ter uma chácara cheia de filhos estão interligados.

         O filme do Pacino, “Perfume de Mulher”, não fala em filhos, só em um romântico e um inveterado mulherengo! Mas imagine toda aquela situação antes dos anticoncepcionais, aquele cara estava no mundo com a missão de espalhar seus genes.

         Biologicamente, uma disseminação genética saudável. Socialmente, incorreto, por isto busco uma parceira estável.     

         Minha vitória será maior, como membro de uma minoria descriminada, terei que me esforçar o dobro. Uma boa mãe negra recomenda a seus filhos que, em uma sociedade de brancos, têm que se esforçar o dobro e esquecer o racismo.

         Freud tinha razão quando disse que mais de 50% de nossos feitos, é por sexo; sou um exemplo vivo - Quando estou sem uma boa companheira, me sinto um lixo! Quando sexualmente "em dia", sou outro. Preciso da esperança, preciso manter a chama viva

        Devemos ser conscientes de nossas condições: muita autocrítica, mas, esperança sempre!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

142- MAIS SAÚDE PARA OS CASADOS - Pesquisas recentes na Inglaterra dizem serem mais saudáveis, numa mesma faixa etária, quem é casado.  

         Eu coloco um porém nesta pesquisa: podem estar casados por terem mais saúde e disposição, por isso foram escolhidos por seus pares. É a seleção biológica natural!

         Não descarto serem os benefícios do casamento, a trazer mais saúde.

         12 X 8 - Pressão sangüínea de um garoto! - Tenho quando estou com uma boa companheira e sexualmente em dia. Quando estou só, fico irritado e a pressão sobe, vai para 14 X 9,5. Não é impressão não, é fato.  

          Deduzo: relações afeto-sexuais estáveis são melhores para a saúde!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

143- MAIS QUE UMA FRASE: “INTERESSE PURAMENTE CARNAL Vs. ENVOLVIMENTO EMOCIONAL” - Nunca uma frase foi tão clara: Depois do sexo!? Tchau! Um abraço!  

         Coloque um cartaz com estes dizeres no seu espelho! Te chamará para a reflexão e poderá salvar literalmente sua vida!

         Não conseguimos nos imaginar ao lado daquele ser no cotidiano, mas é como droga, pode viciar. E aí, você está numa “fria”!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

144- DETALHES & AUTO-ESTIMA - Surpreso, demorei para ter certeza: Após muito tempo, estava sendo notado por mulheres, inclusive adolescentes! No início, achei que fosse um acontecimento raro. Uma garota de 17 encantou-se comigo no ônibus, depois uma linda caixa de supermercado sorriu além do comercial. Passei vários dias pelo seu caixa e para tirar a prova, um dia passei por outro caixa, fingi que não a vi. De cantinho de olho, observei que ela me seguia com os olhos. Já bem longe, fiz um pequeno aceno, no que fui prontamente respondido. Ela me observava!

         Andando pelo centro de Limeira, notei olhares de admiração. Entrei numa banca e a balconista praticamente me convidou para um cinema!

         Que era aquilo!? Mesmo quando garoto tive poucas fases assim, pelo menos que me lembre. Conclusão: Pequenos detalhes! Havia melhorado minha postura, estava fazendo exercícios em casa, e estava me secando ao sol após o banho diário pela manhã. Vezes, saindo com uma camisa pólo amarelinha, que realçava meu bronzeado, e esse  realçava muito meu sorriso de menino.

         Pequenos detalhes fizeram um homem que não "existia" mais, "brilhar" para as mulheres.

         Nos momentos de auto-estima baixo, sempre pensei nos “caras” feios, deselegantes, sem charme, com mulheres bonitas. Alguma, eu acabaria “descolando”.

         Nestes últimos dias, acrescentei à  pólo amarelinha, à musculação, ao bronzeado, e sorriso de menino, um óculos escuro destes usados por pagodeiros!? Sucesso! Não entendo porque mulher gosta de óculos escuros...

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

145- BELEZA - Mulheres negras lindas com beleza exótica!? As Tuaregues que habitam o norte da África! As mestiças, meio sangue bugre do Amapá!  Encontra-se facilmente mulheres lindas e exóticas nesses lugares. Os caça-talentos podem lá encontrar “Naomis Campbell” e “Isabelles Adjani”.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

146- RACISMO - Nunca é demais explicar que os negros, em nosso país, tiveram poucas gerações para acumular dinheiro e assimilar “nossa” cultura. Os nordestinos que migram para outros estados são do último nível sócio econômico cultural. A imensa maioria dos migrantes, em todo o mundo, é de coitados, levados pela necessidade. Não importa sua raça. Sem dinheiro para educar-se, são encarados com preconceito.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

147- CAMILLE PAGLIA - Gostaria de ter uma mulher como ela, madura, inteligente e culta. Este conjunto de qualidades é o único capaz de me afastar das gostosas e burras. Quem sabe a própria, talvez, não seja tão lésbica assim. Que destino o meu, a mulher real pela qual tenho a maior admiração, ser lésbica

         Camille é professora de história na universidade da Filadélfia. Uma personagem controvertida: a grande maioria a julga feminista, outros, uma minoria a qual pertenço, a vêem como antifeminista. Ela baseia-se muito na história e nas funções biológicas da mulher. Conhecendo as idéias que deram partida ao Feminismo, vejo nela uma antife

minista. Na Internet existem inúmeros grupos de discussão sobre ela. Essa é tão polêmica que não parecem ser opiniões sobre a mesma pessoa. Vale a pena conferir!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

148- SEM PENSAR - Não temos mais tempo! Neste ano, sem trabalho e parceira, escrevendo e relendo este livro, descubro-me surpreso: tudo isto dentro de mim!? Acho que não tinha tempo para pensar. Ou melhor, organizar as idéias! Acabo de descobrir que escrever e organizar os escritos servem, também, para organizarmos nossas idéias. Mais ainda, me descobri! E estou gostando do que descobri, minha auto-estima cresce.

         Pense e escreva. Sem pensar,  jornalistas e escritores pensam por nós e,  "marqueteiros" nos conduzem.  

Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

149- MUDAR DE PROFISSÃO - Você tem tempo, pode e deve fazer o que gosta.  Deve sempre pensar. Isolar-se em retiro espiritual é fera! Me descobri! Não vou falar que me redescobri porque nunca soube quem era.  Assista Beleza Americana e reflita.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

150- SÍNDROME DO PÂNICO - Creio, de todos assuntos aqui escritos até esse momento, ser o qual sinto-me mais capacitado, extremamente acima de quase todos os psiquiatras e psicólogos - quando se trata desse assunto.

         É um  mal da sociedade moderna, das famílias desagregadas, da solidão, das incertezas, dos sonhos irreais e sua busca.

         O coração dispara, o meu muitas vezes passou dos 200 batimentos por minuto. O esfignomanômetro digital, na maioria das vezes, dá a mensagem de erro apenas. Começa-se a transpirar muito, o peito pula de assustar quem está na sua frente. No início, normalizava-se só no PS, com algo que me aplicavam na veia. Depois, como eram tantas as vezes - eu fui aprendendo a controlar as crises. Deitava de costas com a cabeça caída para trás e para baixo - o coração dispara mais, você tem a impressão que vai morrer. Acha que é impossível seu coração agüentar, você tem que manter a calma, então ele pára - você tem que manter a calma, uns 4 segundos parados e você mantém a calma ou ele volta disparado. Seu peito já dói muito, a musculatura cardíaca está no último dos esforços, então ele volta a bater, “devagarzinho”, fraco, estranhamente fraco. Se a crise durar 4 ou 5 minutos, seu dia está acabado, se sentirá esgotado.

         Psiquiatras nos entopem de calmantes, psicólogos nos mandam mudar de vida, só não nos dizem como.

         Descobri coisas! Certo dia, de crise após crise, deitava com a porta do carro aberta e a cabeça para fora, isto em São Paulo com todo mundo olhando. Comprei um pote de paçoca salgada, aquela socada, doce e salgada. Comi meio pote. Depois disto, a crise passou. As preocupações eram as mesmas... De hora para outra tudo passou?!

         A tensão me levava a uma hipoglicemia extrema, nunca suspeitada por ninguém e nunca detectada nestes exames matinais em jejum. Hoje sentindo-me em situação de tensão, como um pedacinho de chocolate, belisco doce o dia todo. Contando que o chocolate libera endorfina que causa bem estar, confundindo qualquer crise de pânico.

         Um chocolate, um relaxamento, e vai-se convivendo com o stress...  

 

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

Vezes, a felicidade está nas coisas simples, vezes, temos grandes reflexões e divagamos... 

151- CHOVIA - Gotículas escorriam pelo lado de fora do vidro do ônibus. Uma paisagem bucólica: a estrada, as bonitas mansões de Pirituba. “Olha filho, o passarinho!”. Três garças voavam no cinza da chuva. Um enorme arroto! Um garotinho havia tomado mamadeira. “Upa! Tava cheio filho!?”. Dei uma olhadela pela fresta dos bancos, era lourinho, cabelinho de kid de filmes dos anos 30, máquina um e um chumacinho no topete. Podia ser uma criança chata, mas me arrisquei: “Que descompressão!”. Veio sentar-se comigo, tinha 2 anos e chamava-se Patrick. Com gestos pediu meu pager e me fez colocá-lo em sua cintura. Ainda não estava feliz, puxou minha pasta e então, ficou todo orgulhoso. Estava um homenzinho. Dormiu a meu lado.

         Ele e a mãe Kátia iam para Rio Claro SP, me conquistaram. Fiquei encantado com a dupla.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

152- UMA JOVEM MULHER - Pede ajuda, está tendo dificuldades com um aborto. Tomou comprimidos, mas a gestação de  três meses já dificulta as coisas. Seu companheiro, já maduro, preocupado, lhe pergunta se não é hora de ir para um hospital. O feto vem: as pernas primeiro e ela pede ajuda para expeli-lo. Os dois estão em pânico, não falam, mas se pudessem voltar atrás em alguma coisa para aquilo não estar acontecendo, com certeza voltariam. Ele tenta ajudá-la, segura firme as perninhas e elas  quebram e desmancham-se. Tudo se acaba.

        Mais tarde, eles choram juntos na cama. Mais uma imagem forte para a coleção que ambos já carregam e que já vergam suas costas.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

153- EM UM MÊS DE NOVEMBRO - Nasce uma menina, não terá o nome do pai nos documentos, e sentirá muita vergonha e discriminação por isto. A mãe deu-a  para parentes criarem. Teve a sorte de encontrar quem a amasse e  cuidasse; e o azar deste parente morrer em um acidente, e ser devolvida à mãe. Conheceu o amor e o carinho, quase como castigo, pois foi por tão pouco tempo! Passou por FEBEM e era forte como os personagens das músicas do Renato Russo.

         Tenho uma excelente história para contar, com contrapontos, eenredo para ganhar Oscar.  Interessou-se pela história da jovem nascida em novembro? Posso ser um romancista? Mesclar realidade e fantasia? Criar tipos? Será que precisarei criá-los!? Jurarei que tudo é fantasia, e que qualquer realidade existente terá sido mera coincidência.  Em alguns dias ou meses no Blog deste site.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

154- METAFÍSICA - Uma pessoa crente em Deus quando comete uma grande falha, ajoelha-se, pede perdão e pronto. Está perdoado! Como faz para redimir-se alguém ateu e perseguido por imagens terríveis?

Para responder: Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com

                                                                             VOLTAR PARA O ÍNDICE 

Recomendamos continuar abaixo


 

155- CAFEÍNA - Com responsabilidade, digamos, com um intervalo mínimo de 24 horas, um big café expresso, passado lentamente até a espuma ficar marrom, é excelente na depressão. O espaço de 24 horas é para não criar hábito, para não vir forte enxaqueca por abstinência à cafeína. Tem contra indicações!? Claro que tem, mas menores que um “Pamelor”, tão indicado por médicos. Nunca vi estudos para detectar o índice de suicídios causados pelo café - pelo contrário, estudos afirmam,esse corta o impulso depressivo, podendo evitar o suicídio - enquanto certos remédios famosos e cultuados, estão na mira. O indicado é tomá-la pela manhã, pois é necessário o mínimo de 12 horas para ser eliminada. Se necessário consulte um médico, mas eu prefiro um “expresso” e uma Ranitidina (se necessário) pela manhã a certas receitas médicas.

         Evite, nada de diário. Só quando necessário - a cafeína é uma droga que você tem que domesticar para usar.

         Todas as contra indicações que lhe falarem devem ser verdadeiras, mas prefira as contra indicações conhecidas àquelas mascaradas por grandes laboratórios.

         Eu recomendaria a ingestão do café com uma boa refeição do tipo arroz, feijão, batata frita, bife. Proteja o estômago porque a descarga de “ácidos” é brava.  

         "São apenas plantas!", a coca, café, tabaco, papoula, cogumelos, e curare. Muitas outras, "apenas plantas!", estão enraizadas em nossa e outras culturas pelo mundo. "É homeopatia!" - cuidado!!!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

156- "A TERCEIRA ONDA” - Por volta de 1985, falava-se muito neste livro de Alvin Tofler, comprei-o correndo! Que chateação! Era tudo óbvio demais, as pessoas precisavam ler aquilo para saber desta Era de prestação de serviços!?  Internet!? Só eu havia assistido Stanley Kubrick, entendido filmes futuristas como 2001 e Laranja Mecânica!?  Tofler não inovou nada, só foi oportunista! Ganhou dinheiro fazendo chegar ao povão informações já circulantes, pelas elites pensantes, há muito tempo.  

         Isto me levou a crer, que mesmo no mundo culto e que lê, há muita gente precisando de deduções alheias!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

157- O ALQUIMISTA E MAGIA DA VARINHA - Meu objetivo não é só comercial não, vou cometer um haraquiri comercial aqui e agora! Sabem o que penso de esoterismo? Ignorância pura! Mas como preciso de dinheiro, vou arrumar um pseudônimo e escrever um Best Seller! Não se esqueçam: fui criado em área rural e já morei em favela.

          Para não ser visto com preconceito, por política de boa vizinhança, fiz coisas constrangedoras e engraçadas: Quando a mãe de santo  recebeu um “caboclo”, pegou um pinico e “mijou”, como se fosse homem, eu ri. Pior, ela teve uma crise de riso junto comigo. Fiquei assustado, ela tinha quem a levasse à sério! Está registrado em um processo criminal: uma seguidora dela, a seu mando, matou o marido e dizem não ter culpa - “Baixou o caboclo!”

         Tenho tudo para escrever um bom livro de esoterismo. Quer assinar?

         Sabe, pela dureza que estou e pela “grana” que esoterismo dá, acabei de me converter! Devemos usar a crença das pessoas para ajudá-las.

         Lembrei-me de uma missão estrangeira que esteve, na década de 1960, na Amazônia: não conseguindo fazer que os índios tomassem três comprimidos ao dia para uma doença qualquer, teve o médico a idéia de fincar uma varinha no chão, e dizer: "Quando a sombra estiver aqui, tome um; quando a sombra sumir, tome outro; quando estiver aqui, tome outro." Os índios começaram a tomar o comprimido: Era a magia da varinha que os curava!

         Na maioria dos seres humanos, ainda se têm, em  maior ou menor grau, este esoterismo primitivo.

         Pois que acreditem na varinha, desde que tomem o comprimido!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

158- O MEU NORTE E O SEU NORTE - Aos 16 anos, fui convidado para caçar no Mato Grosso. Mateiro, matreiro e especialista em área rural como me considerava, segui uma cerca por orientação, para poder voltar. Cometi dois erros: Um deles, “fui” até o meio dia, sol a pino, não contei com o cansaço da volta; o outro, acostumei-me com a cerca a minha esquerda e afastei-me um pouco. Ao meio dia, tentei voltar para a cerca, azar o meu; logo após me afastar, a cerca mudou de direção. Restava-me o sol, andei a manhã toda com o sol as minhas costas, seria só seguir a direção contrária. No final da tarde exausto, assustado e com o sol já posto, deparei-me com o rio Cabeceiras. Sabia que era só atravessá-lo, estava na direção certa. Só não sabia se a pinguela era rio abaixo ou acima. Topei com um veado parcialmente devorado por uma onça, ela havia comido a paleta e coberto-o com gravetos. Estava fresquinho! A “bicha” estava por perto, quem sabe me observando. Meu pânico era tanto que um inambu, ao dar um “voão” perto de mim, com seu característico “truuuu” de asas,  me fez puxar os dois canos da 12 belga: nem carcaça sobrou, somente restaram penas! Estava me lembrando do cachorro, chamado cachorro,  morto ali mesmo na semana anterior quando acuou uma onça numa árvore. O vaqueiro deu-lhe oito tiros de 22, ela despencou. O cachorro avançou. No último suspiro, com as últimas forças, ela deu lhe um tapa que o deixou com a cabeça presa ao corpo apenas por uma pele. Passar a noite no escuro ao lado de uma onça!? Estava sem fósforos ou lanterna, mas logo encontrei a pinguela e ouvi tiros de orientação.

         Nada é eterno, não confie no seu norte como sendo infalível, imprevistos existem. Conheço uma moça que tem, há sete anos, a pensão gorda do ex-marido como eterna, torra tudo, não investe, não faz um curso! Não conta que ele possa falir ou falecer.

         Imprevistos acontecem, sabia!?

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

159- PLÍNIO MARCOS - O conheci pessoalmente em época de vacas magras. Estava num calçadão em São Paulo vendendo um Livreto contendo o texto de suas peças teatrais. Por admiração e pela “merréquinha” que custava, fiquei com um. Fiquei feliz por ele voltar à moda antes de falecer.

         Mandei um e-mail para uma grande editora, solicitando informações do tipo: A quem me dirigir com um texto?  Como um novo autor deve proceder? Nem resposta!

         Se preciso, com confiança e com orgulho, imprimo uns 500 livros. Saio nas ruas para vendê-los, deixo outros em consignação em pequenas livrarias.

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

160- MEDIAÇÕES E TECNOLOGIA - Na imensa maioria das vezes, a insegurança e a desconfiança infundada levam um casal ou uma sociedade ao final. Muitas vezes nem se inicia nada, pois se suspeita do “jeito” do sujeito. Também, muitas vezes, a coisa tem fundamento e aí apesar do “chifre”, o amor continua. Você se separa remoendo-se de amor: Será que ela tem jeito!? Merece uma segunda, ou oitava chance!? Será que agora ela está bem intencionada comigo!?

         Quando o ódio já é partilhado com o amor, o aconselhamento matrimonial já não adianta mais... Não se quer conselhos, se quer certezas! Quando as dúvidas e o ódio já lhe impedem o raciocínio lógico... Como último recurso... 

          Vocês até que tentam conversar, mas a conversa desvirtua-se sempre. Por que os ânimos acirram-se!? 

          A interferência de um mediador, especialista em neurolingüística e tecnologias modernas como polígrafos, pode ser a solução, antes da entrada dos advogados em cena. Digamos que 50% de dúvidas possam dar lugar a 95% ou 99,5% de certezas. As chances de um casal ou sócios aumentam bem. Hoje, existem polígrafos que com boa margem de acerto dizem se uma pessoa mente. Seria uma última chance para casais que se amam e digladiam-se na desconfiança.

         Creio, que com este trabalho que lhes apresento, ter-me qualificado como mediador. Os psicólogos e psiquiatras que se aventuram como conselheiros matrimoniais, têm muita teoria e pouca vivência. Os advogados têm instinto dos pit bulls, vão direto no pescoço! Depois dos advogados, só restarão os destroços do que foi um dia um relacionamento!

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

161- DINHEIRO & LIVRO CAIXA - Nunca levei jeito para associar esta dupla de sucesso e do sucesso. Aos 20 anos, era vendedor de uma empresa que tinha 800 outros espalhados pelo país, coloquei-me sempre entre os 10 melhores. Fiz cálculos e deduzi  ganhar bem. Pagava com prazer e sem perceber, rodadas toda a 6ª e sábado para turmas que uniam duas mesas. Uns U$ 100,00 por rodada, U$ 200,00 na semana, U$ 800,00 no mês, mais motel, cinema, churrascaria diariamente. Acho que ganhava U$ 2.000,00 mensais, U$ 25.000,00 no ano. Creio ter torrado, sem objetivo U$ 100.000,00 em 4 anos, que se bem empregados teriam feito a minha vida.

         Casei-me aos 24 anos, duro, cheio de problemas financeiros. Eu havia resolvido vender por conta própria, pois ganharia mais. Para que ganhar dinheiro para os outros? Engano, não tinha parâmetros em minha família, nem alguém que trabalhasse com comércio, onde pudesse me basear num mínimo de organização de empresas. tio que ganhou U$ 200 mil numa tacada perdeu tudo em galos e baralho em alguns anos. 

         Demorei 20 anos perdido e vagando pelo limbo da ignorância em negócios. Era um bom vendedor, seria hoje um diretor de vendas em uma grande empresa!

         Como vendedor o dinheiro me entrava sem stress; por conta própria, foi pura pauleira.

         Por mais chato que pareça, principalmente para almas sonhadoras e irrequietas como a minha, desde pequeno deve-se fazer necessário o planejamento e a contabilidade, seja médico, dentista, artista ou lojista!

         É muito bonito o trabalho de orçamentista de grandes empresas, planejar as entradas e os gastos, com um ano de antecedência, e dar certo!             

VOLTAR PARA O ÍNDICE

Recomendamos continuar abaixo


 

162- REDAÇÃO - Toquei muito superficialmente no tema, quando este escrito era uma carta e estava dentro do e estava dentro do “4 - INTERNET”.

         Pela redação podemos até analisar se um bilhete de suicídio é verdadeiro ou forçado - alguém coloca uma arma na cabeça de outro, dita-lhe um bilhete e “bang!”.  Estudou-se muito o de Vargas: eu pessoalmente, acho que as pequenas mudanças se deveram ao momento psicológico grave.

         Tenho alguma dificuldade em escrever, pois passei 20 anos sem fazê-lo. Apenas li muito neste tempo. Na hora de escrever é “um Deus me acuda”, o corretor do Word me põe trema em palavras que a FSP escreve sem. Onde, pelo amor de Deus, eu coloco o tal do “ponto e vírgula”!? Mas estou aprendendo, darei pouco trabalho a revisores e ninguém vai desconfigurar meu estilo. Segue adiante uma narrativa gostosa:

         Histórias de um assalto

         VINICIUS TORRES FREIRE

         São Paulo - Para dar queixa de roubo de celular é preciso levar a nota fiscal do aparelho. Essa e outras aprendi depois de uma hora de assalto-sequestro e de duas horas plantado numa delegacia, madrugada de sábado.

         É o segundo sequestro em nove anos. Recorde? Recorde é ter saído vivo dos dois? Nos dois, cometi duas tolices: fumar com os vidros do carro abertos.

          Se o leitor é perspicaz e tem a ousadia de andar com cartão de crédito, saiba a senha para sacar dinheiro. O bandido não acredita que você não saiba. Abobado, ainda argumentei: “Olha, não tiro dinheiro com cartão de crédito, o juro é alto, nem sei a senha etc.” Reação: ameaça de facada.

         Só faltava eu dizer: “Você sabe, a política do real forte de Malan e Franco estourou o passivo externo, o déficit e os juros, veja o desemprego na Vila Buraco do Inferno, onde você mora e onde, espero, será em breve o ponto final de uma bala perdida”. Sou contra a pena de morte, legal ou não, mas um lance de dados jamais abolirá o acaso.

         Ninguém chega preso ao DP. Chega só a faxineira, com o filho. “Essa mulher é louca de trazer o filho para cá?” Mas o que fazer, deixar o filho num barraco chacinável? O menino olha a carceragem nojenta no circuito interno de TV. “Só falta ter rebelião.”

         Sou tratado com cortesia. Seria a gravata? Chega uma moça pobre, com andrajos de rapper, “street fashion”. Chora baixinho, procura um amigo preso. É tratada com respeito também, mas tem que ir a outro lugar, o departamento de achados, perdidos e presos não tem telefone, é inacreditável.

         Falta polícia, mas a polícia não dará conta da miséria que a elite criou. Ninguém quer pagar mais imposto. Compra segurança privada. Há mais vigias privados que PMs em São Paulo. Privatizam a polícia à socapa, como fazem com a universidade.

         Vinte horas sem dormir, humilhado você perde o senso de ridículo. “Os patifes pegaram nos cartões, não vão tirar digitais?”, digo, como criança que vê muito policial na TV. Constrangido, como quem trata com educação alguém débil, o rapaz diz: “Olha isto é coisa dos EUA”. OK, não fui um dos 20 assassinados do dia.

         Este artigo da Folha de São Paulo é grandioso por vários aspectos: Uma narrativa gostosa, não teve medo de inventar palavras. No seu momento psicológico, não teve dúvidas em entrar em tema tabu. Uma sátira da classe média que vai a delegacia. Digamos, ele viveu 20 horas no mundo real. Descobriu que diante de pessoas tão ignorantes, toda a sua capacidade de comunicação era inútil. Seus instintos mais íntimos foram despertados, até coisas que, talvez, ele achasse não possuir dentro de si - refiro-me a insinuação da bala perdida.

         Entrou na delegacia mais Marta Suplicy - PT e saiu mais Ronaldo Caiado - Ex-presidente da UDR.

         "Rolei" de rir, ele deveria escrever  sátiras italianas do tipo “FEIOS SUJOS E MALVADOS”.

         Uso a transcrição do artigo acima como elogio ao jornal e seu redator de economia o Sr. Vinicius Torres Freire, só me falta ser processado...

         Analisei bem a lei de direitos autorais. Nas suas exceções se encaixa transcrever trechos de obras para análise.

        Recorte e mande-me artigos de jornal com originalidade e narrativa gostosa como esta - Sua opinião contrária, comentário, correção, desde que educada será bem vinda e publicada: blog@artisnobilis.com doravante juntos.        

 

             DIVULGUE !!!

                             Fiz o meu melhor por você!

                                              Muito obrigado!                                             

                                                         BIRA JARDIM

        Quase diáriamente tenho artigos novos em meu BLOG

VOLTAR PARA O ÍNDICE

O Livro "O Pretensioso" trata de previsões, prever, antecipar, antever. Comprovo aqui ter previsto em 1999 que o PT assumiria nas eleições seguintes e só deixaria o poder com muito sangue derramado. Socialismo, comunismo, comunistas, anticomunismo, anticomunistas, voto distrital. Nova constituicão, convocação de assembléia constituinte. Armamento e desarmamento da população, novidades, world, news, wordnews, política brasileira. Corrupção, democracia, governo, ideologia, guerras, atualidades, notícias, fatos, opiniões, corruptos, políticos do Brasil, Brazil, brazilian. Alienação parental, denúncias, denuncie aqui casos, faculdades pagou passou, pagou-passou. Falsos médicos formados medicina com analfabetismo funcional. Advogados que dão golpes inescrupulosos. Publicamos o bom, mal, mau, ruim, ruins, doenças crônicas, erros, consultas, médicas on-line. Online, on line, bons profissionais, educação infantil, legado para crianças e jovens. Registro na Biblioteca Nacional, síndrome do PT, Lula, contra golpe, ditadura militar, 1964.